• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 livros de sucesso que ninguém queria publicar na época

POR Mateus Graff    EM História      31/03/16 às 19h09

Realmente algumas pessoas tem muito talento mas demoram muito tempo até serem reconhecidas, e isso aconteceu com muitos escritores que fizeram verdadeiras obras primas. Da para imaginar que o livro Harry Potter e a Pedra filosofal foi rejeitado incrivelmente 12 vezes? Depois de ser aceito ele teve uma grande saga que rendeu muito dinheiro para J. K. Rowling, o seu autor.

Pensando nisso, fomos atrás de mais vários livros de sucesso que tiveram dificuldades para serem publicados, mas que depois de conseguir uma editora para publicar fizeram um sucesso e renderam uma fortuna incalculável. Talvez vocês já tenham lido alguns deles, e vão se surpreender quando souber que eles passaram por poucas e boas até chegar ao sucesso. Então, caros amigos, confiram agora a nossa matéria com os 10 livros de sucesso que ninguém queria publicar na época:

1 - E o Vento Levou (Margarette Mitchell)

20122043

Margaret Mitchell demorou 10 anos para escrever história de amor épica de Scarlett O'Hara e Rhett Butler. Seu incrível manuscrito de mais de 1.000 páginas enfrentou 38 rejeições dos editores antes de ser publicado. A conselho do marido de Margaret, finalmente ela conseguiu publicar o livro noa no de 1936, que seis meses depois do lançamento, em dezembro de 1936, o romance já tinha vendido um milhão de cópias e Margaret Mitchell foi premiada com o Prêmio Pulitzer.

2 - Lolita (Vladimir Nabokov)

s

Vladimir Nabokov enfrentou tempos difíceis até encontrar alguém dos Estados Unidos disposto a publicar o seu romance que era dito obsceno. O livro Lolita recebeu rejeições durante dois anos, e finalmente a história de amor de uma adolescente com um homem mais velho foi publicado na França e se tornou um best-seller logo que apareceu nos Estados Unidos. Lolita hoje é considerado um dos maiores livros do século 20 e fui incluído na lista dos 100 melhores romances do século 20 na Time Magazine.

3 - Carrie (Stephen King)

stephen-king-carrie

Stephen King recebeu uma carta depois de ter apresentado seu primeiro romance dizendo o seguinte: "Não estamos interessados na ficção científica que trata de utopias negativas. Eles não vendem." Essa era a 13º que ele tentava publicar o livro, mas alguns meses depois dessa carta o livro apareceu na imprensa. Para alegria de Stephen King, um ano depois que o livro foi publicado, mais de um milhão de cópias do livro foram vendidos.

4 - O Senhor das Moscas (William Golding)

884095

O futuro ganhador do Prêmio Nobel recebeu 21 rejeições antes de ser publicado. O livro não ganhou reconhecimento imediato, pois em 1954 tinha apenas 3.000 cópias vendidas. Porém, dois anos depois, exatamente em 1956, o livro foi escolhido pela revista Time como um dos 100 melhores romances em língua inglesa.

5 - As Crônicas de Nárnia (C. S. Lewis)

as-crnicas-de-narnia-c-s-lewis-vol-unico-lacrado-14536-MLB104561159_3304-O

Este livro que é um romance cerca de de fantasias era constantemente rejeitado pelos editores. Lewis recebeu nada mais nada menos que 37 rejeições antes de conhecer um agente literário chamado Geoffrey Bles, que o ajudou a publicar o primeiro livro sobre Narnia. O livro vendeu mais de 100 milhões de cópias em 47 idiomas.

6 - A Ajuda (Kathryn Stockett)

the-help-poster

A Ajuda foi o trabalho de estreia de Kathryn Stockett e foi rejeitado por 60 agentes literários, que pensavam que o romance falava sobre desigualdade racial e estava condenado ao fracasso. Para a alegria de Kathryn, uma pequena editora concordou em publicar o livro e em apenas três dias depois do lançamento o livro era um dos mais vendidos. Em 2011, o livro ja tinha vendido mais de cinco milhões de cópias e precisou de apenas 100 semanas para estar na lista do New York Times Best Seller.

7 - Jonathan Livingston Seagull (Richard Bach)

41rhWJC02IL._SX380_BO1,204,203,200_

Richard Bach recebeu 18 cartas de rejeição antes de encontrar um editor aceitou publicar o livro. Uma das cart az dizia: "Ninguém quer ler um livro sobre uma gaivota. Isso é um absurdo." Porém, quando o romance foi publicado, imediatamente ele fez um grande sucesso, vendendo um milhão de cópias no primeiro ano.

8 - O Caderno (Nicholas Sparks)

thenotebook-680x1020

Essa história incrível de amor comovente foi recusado 24 vezes ates de ser publicado por Teresa Park. Depois de ler o romance, ela conseguiu um contrato de milhões de dólares com uma grande editora. O Caderno foi lançado em Outubro de 1996 e liderou o New York Fiction, a lista dos mais vendidos em sua primeira semana de vendas.

9 - Harry Potter e a Pedra Filosofal (J. K. Rowling)

cover2-370x555

O romance de J. K. Rowling foi rejeitado 12 vezes antes de ser publicado. A primeira tiragem do filme tinham apenas 1.000 cópias, mas o livro foi imediatamente reconhecido como um dos melhores livros do ano para crianças no Reino Unido. Hoje, a marca é estimada em um valor próximo aos US $ 15 bilhões e é a "segunda Bíblia" dos exemplares impressos e vendidos em todo o mundo.

10 - O Diário de Anne Frank (Anne Frank)

O_DIARIO_DE_ANNE_FRANK_1367719293B

O livro que já foi citado na memória do registro mundial da Unesco foi rejeitado 15 vezes. Felizmente um editor observou que a autora poderia ter algo especial que iria fazer com que o livro fizesse sucesso e em 1947, o pai de Anne Frank finalmente conseguiu publicar o romance, que rapidamente se tornou um best-seller.

E aí amigos, já sabiam que todos esses grandes sucessos foram rejeitados várias vezes? Comentem!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+