• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 melhores (e piores) filmes e séries originais da Netflix de ficção científica

POR Hanier Maciel    EM Fatos Nerd      02/02/18 às 13h45

A Netflix lança um leque de conteúdo original todo mês. Entre séries, filmes e documentários, boas produções nunca faltam no catálogo da empresa. Porém, um dos gêneros que ela pouco se arrisca é o da ficção cientifica. É um campo muito complicado, pois trata de assuntos que necessitam de complexidade, sem deixar de lado a lógica nas histórias, claro. Não é fácil fazer um roteiro coerente e convincente, que fuja dos furos de roteiro tão comuns no gênero.

Mas isso é um problema nos cinemas também. Franquias como Exterminador do Futuro, Alien e Star Trek fizeram muito sucesso e marcaram suas épocas, porém atualmente é muito mais difícil estabelecer um bom universo. As produções Sci-Fi da Netflix, por exemplo, costumam ser 8 ou 80 - ou são muito aclamadas, como as séries Black Mirror e Stranger Things ou são muito criticadas, como os filmes Bright e iBoy. A Fatos Nerd fez uma lista com algumas das melhores e piores que estão no catálogo da empresa, confira:

Melhores

5 - 3%

3% foi a primeira produção de ficção cientifica do Brasil com a Netflix. Apesar de, ironicamente, não ter sido muito bem recebida pelos críticos brasileiros, a série é muito aclamada fora daqui, contando com 83% de aprovação no site especialista em crítica Rotten Tomatoes. A série, estrelada por Bianca Comparato e João Miguel, apresenta um mundo pós-apocalíptico no qual a Terra está devastada. Aos 20 anos, todo cidadão recebe a oportunidade de participar de um processo seletivo para morar numa parte do mundo onde tudo ainda funciona, porém apenas 3% dos candidatos conseguem chegar até lá. O sucesso foi tanto que a série foi renovada para sua segunda temporada, que ainda estreia em 2018.

4 - Altered Carbon

Altered Carbon estreou no dia 2 de fevereiro e já caiu nas graças dos críticos. A série aposta numa trama muito complexa, mas não esquece do desenvolvimento dos seus personagens. A trama acompanha Takeshi Kovacs, que é interpretado pelo ator Joel Kinnaman (o Will Conway de House of Cards), um mercenário que acorda após 250 em outro corpo. Porém o mundo já é outro e o protagonista precisa se adaptar à nova realidade futurística. A série já conta com a nota 68 no site Metacritic. Vale conferir!

3 - Black Mirror

Black Mirror dispensa apresentações, já que é um dos maiores sucessos da Netflix entre a crítica e o público. A série antológica acompanha várias histórias de ficção científica em que a natureza humana e a tecnologia de ponta entram num perigoso conflito. Suas duas primeiras temporadas (as melhores) foram produzidas pelo canal britânico Channel 4 e as duas últimas pela Netflix. Apesar da "americanização" da terceira e quarta temporada, a produção ainda conta com ótimos episódios que te levam para as mais loucas reflexões.

2 - Stranger Things

A série, que estreou em 2016, é sem dúvida o maior sucesso da produtora atualmente. A trama, que já está na sua segunda temporada, acompanha um grupo de amigos que buscam desvendar um mistério sobre o desaparecimento de um dos seus integrantes. No caminho eles encontram uma garota com poderes telecinéticos. O seriado conta com referências de filmes como Alien, E.T., IT, Poltergeist e muitas outras produções dos anos 80, mexendo muito com a nostalgia dos fãs.

1 - Dark

Outra produção não-americana, Dark é de origem alemã. A história acompanha a vida de quatro famílias que moram numa pacata e pequena cidade da Alemanha. Após o desparecimento de duas crianças, os mais obscuros mistérios que rondam o local começam a ser desvendados. Dark é uma série que precisa de 100% da sua atenção, pois cada mínimo detalhe é importante. A ficção científica consegue apresentar uma ótima história sem a necessidade do uso de grandes efeitos especiais.

Piores

5 - Bright

Muito esperado, Bright acabou decepcionando uma legião de fãs. O filme é ambientado num mundo alternativo onde a humanidade convive com várias outras espécies diferentes, como orcs, elfos, centauros e afins. O protagonista é interpretado pelo brilhante Will Smith, que dá vida a um policial na trama. Apesar do seu sucesso de audiência quase instantâneo, o filme foi um desastre para a crítica, obtendo apenas 29% de aprovação no Metacritic. O problema do longa é que ele explora mais os pontos fracos do filme, deixando de lado todas as possibilidades do mundo mágico abordado na história.

4 - The Discovery

O filme estrelado por Rooney Mara (a Lisbeth Salander de Os Homens que não Amavam as Mulheres) e Jason Segel (o Marshall de How I Met Your Mother) acompanha um mundo onde a existência de vida após a morte foi comprovada cientificamente, causando uma série de suicídios. Apesar da premissa ser interessante, o filme peca no desenvolvimento da história, deixando tudo muito superficial. O casal formado por Mara e Segel é apático, e faz com que o relacionamento não tenha muita relevância para a história. Um desperdício!

3 - Onde está Segunda?

Onde está Segunda? segue uma premissa bem interessante. Num futuro distante, apenas filhos únicos são permitidos, e seis irmãs gêmeas tentam se esconder do governo enquanto procuram uma sétima desaparecida. As sete irmãs são interpretadas por Noomi Rapace (a Dr. Shaw de Prometheus) e, apesar do esforço do atriz, o filme é confuso e bagunçado. O longa ainda conta com coadjuvantes de peso como Glenn Close e Willen Dafoe.

2 - Between

A trama pós-apocalíptica acompanha uma realidade em que um vírus mata todos os maiores de 22 anos. Os sobreviventes, que ficam em quarentena, descobrem que o governo não tem intenção de salvá-los da morte. A série é uma parceria entre o canal canadense City e a Netflix. O enredo de Between tem até potencial, mas se perde ao focar mais nos personagens, que são desinteressantes.

1 - iBoy

No filme estrelado pela talentosíssima Maisie Willians, a Arya de Game of Thrones, um garoto ganha superpoderes após levar um tiro e ficar com fragmentos do seu smartphone incorporados no seu cérebro (sério). O longa é sem dúvidas uma das piores produções sci-fi da Netflix, com desenvolvimento limitado, má direção e atuações fraquíssimas, sendo até incoerente em algumas partes.

Gostou da lista? Esquecemos de alguma outro produção? Comente com a gente!

Próxima Matéria
Via   Screen Rant     Netflix  
Imagens NF
Hanier Maciel
Um jornalista pseudo-cinéfilo com mil filmes preferidos, fã incondicional de Friends e quase sempre de mau humor!
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+