• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 mistérios sobre monumentos históricos

POR Júlia Marreto    EM Curiosidades      23/01/17 às 14h23

Um monumento é uma obra arquitetônica ou escultural destina a transmitir ou perpetuar para a posteridade a lembrança de uma grande acontecimento. Um monumento histórico é o nome dado, em alguns países, a locais/objetos/construções/representações artísticas que possuem importância nacional/histórico/artísticos e/ou arquitetônico.

O título monumento histórico se trata de um estatuto jurídico, para preservá-lo. A idade desses monumentos variam de acordo com o ritmo da história, como por exemplo, temos o Taj Mahal, as pirâmides egípcias, o Cristo Redentor, entre tantos outros. É importante lembrarmos que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter.

Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Sendo assim, nós aqui da redação da Fatos Desconhecidos selecionamos uma listinha com 10 mistérios sobre monumentos históricos, para que você possa conhecer um pouquinho mais sobre esses incríveis lugares.

Sobre a foto de capa: de acordo com a lenda, o complexo de pedra inglês, conhecido como Stonehenge, foi construído pelo mago Merlin. De fato, Stonehenge apareceu muito antes do período hipotético do companheiro do Rei Arthur. Mas, como as pessoas transportaram essas rochas incrivelmente pesadas, da pedreira que foi encontrada a centenas de quilômetros de distância? O propósito da construção não é muito claro. Se se tratava de um observatório - a localização dos megálitos é o modelo exato do sistema solar - ou um santuário - usado por druidas -, talvez nunca saibamos.

1 - Esfinge de Gizé, Egito

01

Um imensa estátua, colossal, no meio do deserto. Esse é, talvez, um dos maiores mistérios de todos os tempos. Historiadores acreditavam que as esfinges teriam sido obras dos faraós, mas eles apenas as restauraram. O monumento tem o corpo parecido com o de um leão e é coberto por sulcos. Os quais poderiam ser vestígios do grande dilúvio (bíblico). Outro mistério está na cabeça, seu tamanho claramente contradiz as proporções. Além disso, sabe-se que existem quartos no interior da esfinge. As tentativas de estudá-los resultaram em acidentes ou restrições das autoridades responsáveis. É possível que esse não seja o guardião do deserto, mas provavelmente, ainda existem muitos segredos envolvendo esses monumentos, talvez algo como Atlântida.

2 - Estátuas da Ilha de Páscoa, Chile

02

Uma pequena ilha nas águas do Oceano Pacífico abriga uma série de moais gigantescos. Existem evidências de que eles foram mudados de lugar. Há, também, estandes de rituais que são mais pesados que os próprios ídolos. Infelizmente, as pessoas cujos descendentes poderiam lançar qualquer tipo de luz sobre como essas enormes estátuas foram movidas, morreram há muito tempo por conta dos comerciantes de escravos. Existe apenas um caminho para resolver o mistério da ilha: olhar diretamente para as silenciosas estátuas. Experimentos confirmaram que todas as manipulações foram possíveis, só não se sabe como ainda.

3 - Timbuktu, Mali

03

Segundo a lenda, a cidade surgiu graças ao velho homem Bucktu e seu poço ("Tim" em Tuareg), que se reuniram calorosamente à caravanas. Ele era o personagem principal em histórias medievais: as ruas de ouro, os sábios, etc. Bucktu e um grupo de guerreiros tentaram conquistar o Eldorado Africano, mas não voltaram até que o francês René Caillié fingisse ser um peregrino. Imaginem a surpresa dele quando encontrou uma cidade pobre, cheios de construções feitas de lama. Atualmente, as pessoas aventureiras são cada vez mais atraídas pela arquitetura única das mesquitas.

4 - Angkor Wat, Camboja

04

Os europeus não tinham ciência deste complexo até o século 19. Após seu conhecimento, duvidaram que tivesse sido construído pelo povo Khmer. A alvenaria é muito densa, às vezes não é possível sequer encontrar as linhas de junção. As pedras são extremamente lisas. A construção é mantida junta por seu próprio peso. O conjunto de 200 templos foi planejado de tal maneira que, um viajante ao se aproximar só poderia enxergar 3 deles. A vista é especialmente impressionante na estação chuvosa: um largo fosso, cheio de água, faz de Angkor Wat uma ilha no meio de um vasto oceano.

5 - Exército de Terracota, China

Longbow archers stand in front rows of China's great terracotta army.

O mausoléu de Qin Shi Huang mantém mais de 8 mil estátuas de guerreiros e cavalos chineses. Eles foram enterrados junto ao governador, independente da tradição. Esse exército artesanal de 200 a.C. possui tamanho real e os menores detalhes, não existem rostos iguais. Durante as escavações - que começaram na década de 1970 - os cientistas tiveram de trabalhar com extremo cuidado. Uma das razões foi por segurança, por conta de uma antiga lenda, a de que rios de mercúrio acompanhavam o imperador no além.

6 - Esferas de Pedra, Costa Rica

06

As petrosferas pré-históricas da costa do Pacífico quase foram vítimas de vandalismo - trabalhadores acreditavam que existisse ouro dentro delas. Ainda assim, os artefatos sofreram alterações. Com o objetivo de atrair turistas, elas foram colocadas em praças da cidade. Por conta da grande movimentação, datar exatamente a idade dessas pedras é praticamente impossível. A teoria de que se originaram na água não se mostrou viável. Mas, afinal, o que são: símbolos dos planetas ou sinais de fronteiras? Ainda não existem evidências para essas teorias.

7 - Petra, Jordânia

El Deir or The Monastery at Petra, Jordan

Uma habitação monumental, há 900 metros acima do mar, escondido entre rochas. Seus escultores mostraram notável paciência, transformando pedras na obra-prima de Petra. Assim, no final do desfiladeiro Siq, uma vista magnífica da fachada, com suas colunas e pórticos se abre - Al-Khazneh (o "tesouro", em árabe). É chamado de templo ou mausoléu. O grande mistério é tentar entender como seus escultores trabalharam. Afinal, ainda não conheciam aparatos como o andaime.

8 - Labirintos de Pedra da Ilha de Bolshoi Zayatsky, Rússia

08

As ilhas de Solovetsky são decoradas com um fantástico laço de pedra - os labirintos em forma de espiral. Os habitantes locais os chamavam "Babilônicos". A entrada e a saída são a mesma. Então, se você seguir os caminhos formados pelos pedregulhos você irá sair exatamente onde entrou. Mas, o que esse labirinto era antes? Alguns historiadores descrevem sobre sua praticidade - por serem usados como armadilhas para peixes. Outros descrevem que fora construído apenas para entretenimento, um espaço para danças e jogos. Já outros estão certos de que esses labirintos se tratavam de estruturas ritualísticas, usados como fronteiras entre o mundo real e o espiritual.

9 - Tikal, Guatemala

09

Um dos maiores assentamentos Maia escondido numa selva verde. Nele existem lagos artificiais, campos para jogos com bolas e palácios. Mas a atenção especial é dada às pirâmides, que formam as praças da cidade. Elas foram construídas em um padrão temporário correspondente aos períodos de seu desenvolvimento. Existem várias teorias sobre suas funções: edifícios religiosos, centros de pesquisas, cemitérios, ou todos esses e mais alguns. A etimologia do termo "Tikal" também é desconhecido, mas lhe fora dado um apelido: a Cidade das Vozes. Até um sussurro ecoa oco.

10 - Baalbek, Líbano

10

Um conjunto de ruínas de um templo de estilo antigo, a pérola do que um dia foi uma cidade próspera. A única coisa que os romanos não tinham tecnologia suficiente era para poder instalar esses blocos de pedra que pesam até mil toneladas. Para se ter uma ideia, o Partenon (Grécia) é a metade do tamanho desse gigante libanês, e o maior bloco da Pirâmide de Quéops (Egito) pesa "apenas" 90 toneladas. A criação da fundação desse monumento é atribuída aos egípcios, se não aos gigantes. Algumas pessoas acreditam que essa poderia ser a fundação da Torre de Babel.

Então pessoal, o que acharam desses monumentos? E os mistérios que os envolvem? Você já conhecia todos eles? Conhece algum outro? Encontrou algum erro na matéria? Ficou com dúvidas? Possui sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

Próxima Matéria
Júlia Marreto
É a dona de um coração esculpido pela literatura e preenchido pelos bons vinhos de Baco. Guiada nas artes da vida por Ares, possui a discreta delicadeza de um elefante pulando carnaval numa loja de cristais! Movida diariamente pelo combustível da vida: o café, essa garota possui raízes profundas na poesia da vida. É muito séria, mas sabe brincar na hora certa. Ama os animais e detesta filme de terror. Apesar de cantar mal, canta com sentimento. E adora musicais! Sua principal tentativa desportiva é o baralho. Ela gosta mesmo é de coisas antigas, apaixonada pela vida e sonha com o universo. Instagram: , @juliamarreto
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+