• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 personagens amados das séries de TV que na verdade são pessoas terríveis

POR Toni Nascimento    EM Fatos Nerd      17/07/18 às 16h17

Às vezes temos que admitir que alguns personagens que amamos não são tão legais assim. Imagina como seria ser filho do criminoso Walter White (Bryan Cranston) de Breaking Bad? Ou então ser a esposa do publicitário Don Draper (Jon Hamm) em Mad Men? Não há dúvida de que após intensa dedicação a várias temporadas cria-se um laço entre espectador e personagem. Muitas vezes nós os amamos. As vezes nós amamos odiá-los. Mesmo com tamanho apreço é preciso admitir que muitos deles são verdadeiros babacas.

Atualmente é muito comum vermos personagens centrais de séries de TV que são o oposto de mocinhos. Uma tendência de protagonistas anti-heróis mudou a forma como os heróis são desenvolvidos nas séries. Como conta o livro Homens Difíceis, do escritor Brett Martin, a televisão optou por apresentar protagonistas complexos após o sucesso estrondoso de Família Soprano, da HBO. No seriado, Tony Soprano (James Gandolfini) é um chefão da máfia que começa a fazer terapia após uma crise, tendo que lidar com a família, o crime e com ele mesmo.

É comum nos apegarmos a esses personagens complexos e falhos. A identificação é maior, com isso muitos atos completamente errados e atitudes ruins passam sem prestarmos atenção. Mas é a hora de abrir os olhos e aceitar que talvez um dos seus personagens favoritos seja um completo idiota. Criamos uma lista com 10 personagens amados pelo público que são terríveis.

1 - Barney Stinson - How I Met Your Mother

Neil Patrick Harris é um ator fascinante que consegue encantar em qualquer papel que interpreta. Em How I Met Your Mother, Barney, interpretado por Neil, rouba a cena de Ted (Josh Radnor), o protagonista, e passa a ter um peso quase equivalente ao do personagem central. Com seu jeito cafajeste e conquistador, é uma persona amada pelo público. Porém, não há como negar que Barney era um mentiroso patológico e infalivelmente egoísta. Não que isso tenha nos feito amá-lo menos. Foi divertido ver a história dele desenrolar e o personagem evoluir. Ainda sim, dificilmente veríamos suas atitudes de mulherengo fazer alguém rir na vida real.

2 - Annalise Keating - How to Get Away With Murder

Desde o primeiro episódio de How to Get Away With Murder, nós já percebemos que Annalise Keating não é uma personagem boazinha. Ela é o acúmulo de todo esteriótipo sobre advogados possíveis. Ela não importa se está defendendo alguém inocente ou culpado. Ela só se importa em ganhar qualquer caso em que esteja envolvida, nem que desrespeite a lei. Além disso, a personagem manipula todos ao seu redor e não se importa em ferir alguns sentimentos. Ainda sim, nós a amamos devido a atuação magnética e incrível de Viola Davis. A atriz já venceu o Oscar e também o Emmy por melhor atriz. O último com o seu papel na série.

3 - Don Draper - Mad Men

Só porque alguém é legal, não significa que a pessoa seja decente. Jon Hamm faz de Don Draper um homem legal e atraente. Mas ele também é um terrível marido, pai e colega de trabalho. Os fãs ficaram tão cegos com os encantos de Don que levaram temporadas para perceber que ele tem um grande potencial para ser um monstro. Ele é mentiroso, trapaceiro, alcoólatra e narcisista. Claro, ele teve uma infância difícil, mas isso não é desculpa para suas ações. Don pode ter talento para a publicidade, mas também tem dom para a canalhice.

4 - House - Dr. House

Dr. Gregory House, interpretado por Hugh Laurie, é um gênio da medicina. Ao longo das 8 temporadas de Dr. House, ele salvou centenas de pessoas da morte. Mas é um ser humano intragável, viciado em várias coisas, mas principalmente em resolver casos que só ele dá conta. House se considera o dono da verdade e mantém uma postura de ser superior. Ele não consegue ter um relacionamento amoroso duradouro devido ao seu egocentrismo. Porém o formato episódico do programa e o fato do personagem sempre salvar o paciente ao final dos capítulos faz com que a gente não consiga ficar com raiva da extrema petulância do protagonista.

5 - Kate Austen - Lost

Evangeline Lily dedicou 6 anos da sua vida para tornar sua personagem Kate, de Lost, uma heroína amada pelo público. Apesar de forte, carismática, inteligente e atraente, a personagem não consegue disfarçar suas falhas. No inicio é fácil torcer por ela, principalmente enquanto ainda estamos tentando entender o que é a ilha e o que ela esconde. Mas com o passar das temporadas, percebemos que ela é egoísta, arrogante e prepotente. Ela não assume os erros e acha que está sempre com a razão. Ainda sim amamos Kate, principalmente quando entendemos que Lost era, mais do que tudo, um estudo sobre seres humanos falhos fora das suas zonas de conforto.

6 - Sheldon Cooper - The Big Ban Theory

The Big Ban Theory ainda é uma série popular com uma base sólida de fãs. O Sheldon Cooper de Jim Parsons é tão pop que ganhou um seriado derivado, Young Sheldon, que conta a história de sua infância. Ele é claramente um gênio. Mas claramente também tem sérios problemas de socialização. Ele é quase sempre rude, arrogante, insensível e não está nem aí para as outras pessoas. mesmo quando são seus amigos. Um personagem amado que as pessoas deveriam lembrar que também é um grande malcriado.

7 - Dexter Morgan - Dexter

Michael C. Hall passou 8 temporadas tentando nos convencer de que Dexter não era uma boa pessoa. Isso o torna um dos personagens mais óbvios da lista. Apesar das suas desventuras como serial killer e sua incurável sociopatia, ele é um dos anti-heróis mais carismáticos da TV. É bom lembrar que Dexter só matava gente do mal. Porém ao longo das temporadas a sua linha moral e ética foi se tornando cada vez mais borrada e difícil de apoiar. Por mais que queiramos, Dexter era um personagem amado dos mais terríveis.

8 - Cristina Yang - Grey's Anatomy

Se formos honestos, pelo menos metade dos personagens de Grey's Anatomy podem acabar nesta lista. O que separa Cristina Yang dos outros é a sua falta de crescimento ao longo de uma década inteira. Enquanto Meredith pode ter começado com muitos erros, ela evoluiu para uma pessoa melhor. Cristina realmente nunca chegou lá. Sandra Oh tornou fácil para os fãs se apaixonarem pela sagacidade e humor da sua personagem. Porém a mesma não sabe lidar com as outras pessoas e parece não se importar muito com elas.

9 - Oliver Queen - Arrow

O Arqueiro Verde da TV, interpretado por Stephen Amell, não é tão flor que se cheire assim. Quando ele diz "você falhou com essa cidade", deveria se incluir também. Ele é um herói, claro. Porém ele é tão gente boa assim? Não. Além de acumular um grande número de corpos durante seu mandato como herói, ele é bastante terrível com as mulheres da sua vida. O cara poderia aprender a tratar melhor as pessoas e deixar de ser um grande maníaco por controle. O personagem da série também não tem as qualidades essenciais do herói nos quadrinhos, como o humor e a sua habilidade política.

10 - Walter White - Breaking Bad

Walter White talvez seja o personagem mais amado dessa lista. Bryan Cranston consegue fazer de Walter um personagem extremamente inteligente mas que, muitas vezes, desperta a piedade do público. Mostrado por Vince Gilligan (criador da série) como um homem de meia idade frustrado e "fracassado" no início da série, nos identificamos sem muita demora com a persona dele. Ao longo das temporadas, Walter começa a passar dos limites e cometer atos completamento condenáveis. E mesmo assim estamos muito apegados para ver a verdade. Walter é um monstro. São muitos pecados para conseguir listar. Porém os mais notáveis são assistir uma jovem morrer dormindo, envenenar uma criança, manipular Jesse como uma marionete para no final o entregar para uma gangue de "nazistas". Ele não é um vilão em essência, mas com certeza é um dos personagens mais complexos e cinzentos que a televisão já conheceu

Próxima Matéria
Via   SR  
Imagens EP
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+