• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


1,5 milhão de pessoas morreram em 3 meses no período mais letal da 2° Guerra Mundial

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      09/01/19 às 18h17

A Segunda Guerra Mundial durou de 1939 a 1945, e envolveu a maioria das nações do mundo, incluindo as grandes potências que se organizaram em duas alianças chamadas de Aliados e Eixo. É claro que em épocas de guerra ou de conflitos maiores, acontecerão mortes. No período do Holocausto, por exemplo, que durou cerca de quatro anos, a estimativa das mortes de judeus por nazistas é de seis milhões. Essa quantidade representava cerca de um terço de toda a população judaica da época na Europa.

Mas o que ninguém esperava é que um quarto desse total de mortes aconteceu em um período de três meses. Segundo o estudo publicado pela revista Science Advances, que foi escrito pelo especialista em matemática biológica da Universidade de Tel Aviv, Lewi Stone, o período mais intenso das mortes nos campos de concentração aconteceu entre 1942 e 1943 e ficou conhecido como Operação Reinhard. Nesse período, 1,7 milhão de judeus foram mortos entre agosto e novembro de 1942. Mas a operação foi acelerada com 1,5 milhão de mortes, sendo cerca de 15 mil por dia.

Vítimas

Segundo o especialistas, as vítimas que eram levadas para os campos de concentração já eram mortas assim que chegavam e isso impedia que elas se organizassem e fizessem uma rebelião. Os registros dessa operação foram destruídos pelos nazistas, e Stone conseguiu fazer uma pesquisa com os dados do historiador Yitzhak Arad, a partir de suas 480 viagens para os campos de Belzec, Sobibor e Treblinka.

O que o estudo concluiu era que 15 mil judeus eram mortos por dia durante três meses. Isso mostra que o período de agosto a novembro de 1942 foi o mais sanguinário de todo o século XX. As mortes foram mais do que o genocídio em Ruanda, que matou oito mil pessoas por dia durante 100 dias.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+