• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


5 acessórios que te deixarão apavorado ao lembrar da Idade Média

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      04/12/19 às 11h01

A Idade Média foi um período da história da Europa entre os séculos V e XV. Essa época foi o período intermédio da divisão clássica da história ocidental em três momentos: a Antiguidade, a Idade Média e a Idade Moderna. Bom, é claro que não sabemos tudo sobre a Idade Média, mas sabemos de algumas poucas e boas que podem te deixar perplexo.

Esse período é um dos momentos mais insanos da humanidade que temos notícia, acumulando uma quantidade absurda de loucuras. Não é à toa que, durante o período Renascentista, a Idade Média era chamada de Idade das Trevas. É quase consenso, que sua duração foi dos anos de 476 até cerca de 1453. Ou seja, quase um milênio.

Talvez, ela seja um dos melhores períodos para se estudar. Além de sua baixa expectativa de vida e coisas mórbidas que aconteceram nessa época, ela teve os seus momentos e coisas estranhamente engraçadas e curiosas. Mostramos aqui, alguns acessórios dessa época.

1 - Capacete com chifres de Henrique VIII

Henrique VIII foi o rei da Inglaterra de 1509, até a sua morte. Ele foi o segundo monarca Tudor a ocupar o trono, sucedendo seu pai. Em seu reinado, ele fez vários torneios de justas. Mas nada do que ele fez, em seu reinado explica a criação desse acessório.

Aproximadamente por volta de 1511, o Imperador Romano contatou Konrad Seusenhofer, um artesão, para confeccionar um presente para o jovem Henrique. E o rei usava essa máscara, muito provavelmente, em seus concursos da corte.

Tudo sobre a máscara era perturbador. Os dentes que não estavam em posição correta a pareciam retângulos, uns do lado do outro. E se alguém não se distraísse com os dentes ou chifres, também tinham os óculos amarelos.

Segundo historiadores, Henrique realmente era míope. E a teoria foi sustentada pela enorme quantidade de óculos achada depois de sua morte. Então, se pergunta se os óculos na máscara pertenciam à Henrique. A máscara tinha várias juntas e permitiam que a viseira fosse removida. E por isso, os especialistas acham que poderiam ter várias faces, que pudessem ser conectadas a ela.

2 - Homem ferido

No século XVI, não existiam bombas ou tanques, mas isso não quer dizer que os cavaleiros não se feriam. Os cirurgiões da época usavam desenhos, para entender os diferentes tipos de ferimentos, que eles poderiam encontrar no campo de batalha. Não surpreendentemente, a maioria delas eram lesões de facadas.

E tais ilustrações ficaram conhecidas como Homem ferido. E os ilustradores optavam por ilustrar todos os ferimentos possíveis de uma só vez. Não existia apenas uma versão do Homem ferido, cada ilustração mostrava diferentes ferimentos.

3 - Livro das Revelações mais confuso

Os artistas que ilustram o Apocalipse da bíblia, nos tempos atuais, têm uma certa facilidade. Mas um artista não nomeado do monge espanhol de Beatus de Liebana ilustrou o fim dos tempos na cidade de Agog. Olhando as ilustrações, ninguém sabe ao certo o que está acontecendo e porque um anjo está segurando uma chave tão lascivamente.

Todas as outras ilustrações feitas também causam bastante confusão, em qualquer um que as olhar. Não dá para saber ao certo o que elas estão representando e nem mesmo as situações em que elas aconteceram. São, com certeza, as ilustrações de uma "revelação" que não diz muito.

4 - Primeiros pequenos pôneis

Outras ilustrações foram as Codex Capodilista, que foram encomendadas pelo embaixador italiano do século XV, Giovan Capodilista. A priori, parecem ilustrações comuns da arte renascentista. Nela, pode se ver cavaleiros e damas, montados em cavalos.

Os cavalos estão em posições que aprecem que estão prontos para o ato sexual. Ou eles estão olhando para o espectador ou então para quem o está montando. Não importa para quem seja, o olhar é bastante luxurioso.

5 - Pênis voador

Essas figuras, que se parecem com pênis eretos com asas, eram destinadas aos cristãos devotos, que estavam em peregrinação. Eles usavam o acessório, como um sinal da sua jornada guiada por Deus.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+