• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


5 animes que serviram de inspiração para filmes americanos

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      13/07/17 às 16h03

Anime é o termo usado para produções tipicamente orientais. Nessa área, embora o Japão seja mestre em criar e adaptar histórias para o formato, a China tem se mostrado pronta para competir no mercado, como mostramos na matéria sobre The King's Avatar, o revolucionário anime chinês. O nicho cresceu de tal forma que apenas um país não foi suficiente para segurá-lo, essas produções ganheram admiradores em países da Europa e nas Américas do Norte e Sul. No Brasil, os animes são muito populares, tendo diversos eventos anuais dedicados somente a esse universo.

O sucesso tem apenas crescido, para se ter uma ideia, a própria gigante do streaming Netflix, tem investido bastante em produções nesse formato. Parte da grande popularidade dos animes se deve ao fato de suas obras não abaixarem a cabeça para temas diversos. Existe animações para todos os gosto, mas principalmente, existe animações que exploram temas que ainda são considerados tabu. Os animes não têm medo de ousar e quando apresentam um determinado tema, o exploram de forma hábil, mesmo se ele contenha violência, sexo, ou qualquer outra assunto considerado polêmico.

O curioso, no entanto, vem do fato de que, embora hoje os animes estejam em todos os lugares, eles sempre serviram de inspiração para o ocidente. Isso mesmo! Muitos roteiristas, diretores e produtores já olharam além do oceano em busca de ideias e incentivo para desenvolver seus projetos. Como diria nosso querido Chacrinha, "na televisão, nada se cria, tudo se copia" e, ao nos referirmos a Hollywood, vale ter em mente que a indústria simplesmente adora reciclar!

Pensando nisso, a fim de informar e entreter mentes curiosas, separamos algumas famosas obras ocidentais que tiveram sua base de inspiração em animes.

5 - Kimba the White Lion, 1965 (inspirou O Rei Leão)

Kimba é um leão branco que aprende com sua mãe como seu pai ofereceu refúgio para animais selvagens na África, mas foi morto por um caçador depois de irritar alguns aldeões por roubar seu gado para alimentar a todos. Vivendo em um zoológico, Kimba promete escapar e retornar à sua terra natal para dar a ela justiça e devolver a paz, assim como seu pai fez. Ao longo de sua jornada, ele aprende os valores da cultura humana e compreende que humanos e animais precisam se entender para coexistirem em harmonia.

Na época de lançamento, a Disney chegou a ser acusada de plágio, porém, Osamu Tezuka, o criador de Kimba, optou por não entrar com nenhum processo contra a empresa, alegando que eles jamais ganhariam contra a Casa do Mickey.

4 - Perfect Blue, 1997 (inspirou Cisne Negro)

Quando a cantora de J-Pop Mimi Kirigoe decidiu deixar a música para se tornar atriz, ela recebeu duras críticas de seus fãs e, em consequência, teve seu diário publicado online por uma stalker chamada Me-Mania. Quando ela foi escalada para um papel de vítima de estupro, a cena deixou Mimi tão traumatizada ao ponto que ela não conseguiu mais distinguir o que é fantasia e realidade. Para piorar, as pessoas envolvidas na filmagem da cena começaram a morrer, uma a uma, e Mimi acabou se tornando a principal suspeita dos crimes. Este é o enredo de Perfect Blue.

A linha tênue entre o real e suas imaginações de uma estrela perturbada é o tema explorado no loga de Darren Aronofsky, embora o diretor negue qualquer relação com a obra.

3 - Vampire Hunter D, 1985 (inspirou Van Helsing)

O filme de 2004, com Hugh Jackman, claramente não tem nada a ver com Bram Stoker e seu icônico personagem, a não ser pelo nome. No entanto, o longa se inspira no anime Vampire Hunter D, no qual o caçador de vampiros conhecido como D é recrutado por uma jovem para matar a criatura que a mordeu. Nesse caso, até mesmo as roupas que Van Helsing usa no filme é semelhante ao do personagem da animação, inclusive seu chapéu.

2 - Paprika, 2006 (inspirou A Origem)

O anime é ambientado em um mundo no qual um gênio infantil criou uma máquina nomeada DC-Mini, que permite ao usuário visualizar os sonhos de outras pessoas. A médica psiquiatra Atsuko Chiba usa ilegalmente a invenção para ajudar seus pacientes. Dentro dos sonhos ela é assume a identidade de Paprika. Com isso, ao ajudar um detetive policial com um sonho recorrente, três protótipos da máquina são roubados e ambos unem força tanto para resgatar as máquinas, como para evitar uma colisão entre sonho e realidade. O anime é incrível e, embora seja muito mais sombrio e psicodélico que o longa de Chris Nolan, as semelhanças são inegáveis.

1 - Ghost in the Shell, 1995 (inspirou Matrix)

Sem grandes surpresas por aqui, porém, relembrar é viver. Não é segredo para ninguém que, antes de ser concebido, Matrix bebeu de várias fontes, desde da filosofia grega com Platão e companhia, passando pela literatura com a trilogia Sprawl até chegar ao oriente. Contudo, o mais legal na criação da obra é que as irmãs Wachowski nunca negaram qualquer influência sobre seu projeto, muito pelo contrário, elas inclusive revelaram que a estética de Ghost in the Shell era exatamente o que elas queriam para Matrix, tanto que a abertura das duas produções são quase um reflexo.

O que achou da lista? Quais dos casos apresentados já conhecia? Se sabe de mais algum interessa, não deixe de compartilhar com a gente.

Próxima Matéria
Via   MF     GR     IMDB  
Imagens Twitter AD CCP JJP SR
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Para mais aventuras Instagram: @gabinoronhaf Para comentários aleatórios e breves análises Twitter: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+