• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


5 cartas enviadas por serial killers que vão te provocar arrepios

POR PH Mota    EM História      06/12/16 às 13h06

Segundo estimativas do FBI, existem cerca de 25 a 50 serial killers na ativa somente nos Estados Unidos. Quando o número é transportado para todo o planeta, ele cresce exponencialmente. A maioria dos criminosos trabalha nas sobras, mas alguns adotaram um estranho método de buscar o contato com a polícia ou com a imprensa de várias formas, incluindo cartas.

Em vários casos, mesmo em contato com as autoridades, os assassinos continuaram com suas identidades sob mistério. Com estratégias de provocação da polícia e da sociedade por meio de cartas, os criminosos mesmo assim permaneceram sem serem identificados.

Estas são algumas das mais arrepiantes cartas enviadas por serial killers não identificados ao longo da história.

1 - Cifra do Assassino do Zodíaco

1

O famoso assassino que ganhou um filme em 2007 enviou três mensagens para jornais da Califórnia, cada uma acompanhada por uma misteriosa cifra codificada. O assassino ameaçava seguir com matanças caso os jornais não publicassem as cartas. Uma semana depois, um professor conseguiu decifrar uma delas. Os erros de digitação originais foram mantidos, assim como a última palavra, nunca desvendada.

"Eu gosto de matar pessoas porque é muito divertido é mais divertido do que matar JOGO selvagem no FORREST porque o homem é ANAMAL MAIS DANGEROUE DE TODOS PARA MATAR ALGO DÁ-ME O experence mais emocionante é ainda melhor do que começar suas rochas com um MENINA A melhor parte de Thae É quando eu morrer eu renascerá nos Paradice E thei ter matado será a minha ESCRAVOS eu não lhe darei o meu nome porque você vai tentar SLOI baixo ou sobre minha COLLECTIOG DE ESCRAVOS PARA MINHA AFTERLIFE. BEORIETEMETHHPITI"

2 - Cartas do Assassino do Zodíaco

2

Existe um debate sobre a autenticidade de cartas enviadas pelo Assassino do Zodíaco real ou por algum maníaco sem conexão com os casos. Nessa carta, o Zodíaco faz a ameaça de atacar um ônibus escolar e matar crianças - um crime que nunca aconteceu. A carta mostra a habilidade do assassino de iludir a polícia durante as buscas.

"A Polícia de São Francisco poderia ter me capturado na última noite de estivesse buscado o parte propriamente ao invés de organizar corridas com suas motocicletas vendo quem poderia fazer mais barulho. Os motoristas deveriam ter apenas parado seus carros e sentado esperando para que eu saísse do esconderijo."

3 - Assassino do Machado de Nova Orleans

3

De maio de 1918 a outubro de 1919, a cidade de Nova Orleans foi assombrada por um assassino cruel que fazia uso de um machado. Ele invadia a casa das pessoas pelas portas e janelas e utilizava a arma para matar suas vítimas. Durante seu período de atuação, ele enviou uma carta que foi publicada por vários jornais da região com a ameaça de um ataque. No fim das contas, nenhum ataque realmente aconteceu naquela noite, mas o serial killer mostrou que não tinha preocupação com os crimes.

"Sem dúvida, vocês de Nova Orleans pensam que eu sou um horrível assassino, que eu sou, mas eu poderia ser muito pior se quisesse. Se eu desejasse, poderia fazer uma visita até sua cidade toda noite. A minha própria vontade eu poderia matar milhares de seus milhares de cidadãos, porque estou num relacionamento próximo com o Anjo da Morte."

4 - Assassino de Golden State

4

Um famoso assassino de Califórnia recebeu diferentes nomes pela imprensa durante sua atuação, como reflexo de suas diferentes atuações ao longo de uma década de 1976 a 1986 em várias regiões do estado. Foi só no começo dos anos 2000 que a polícia foi capaz de conectar supostos diferentes assassinos a partir de provas de DNA. Em 1977, o assassino enviou uma mensagem em forma de poesia que falava sobre os seus crimes.

"Para fazer um filme de minha vida
Que vai pagar por meu exílio planejado
Agora eu gostaria de adicionar a esposa
De um lorde da Máfia para minha lista."

5 - Jack, o Estripador

5

O nome Jack o Estripador é o mais popular associado a um desconhecido assassino que matou ao menos cinco prostitutas em Londres, em novembro de 1888. O nome vem de uma carta, supostamente escrita pelo assassino, mesmo que a polícia da época e alguns criminologistas modernos considerem a mensagem uma fraude. Na verdade, a maioria das cartas atribuídas a Jack são consideradas falsas atualmente, com exceção de uma. A mensagem foi enviada com metade um rim de suas vítimas.

"Do inferno
Sr Lusk
Senhor
Eu envio para você a metade do
rim que eu tirei de uma mulher e
que conservei para o senhor. O outro pedaço
eu fritei e comi e estava muito bom.
Talvez eu envie a faca ensanguentada que
o tirou se esperar um pouco
mais.
assinado
Pegue-me quando
puder.
Senhor Lusk."

Além de provocar o terror por meio de seus crimes, esses serial killers escolheram a estratégia das mensagens anônimas para espalhar ainda mais o caos. Qual caso você achou mais incômodo e horripilante? Deixe a sua opinião em nossos comentários.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+