• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


5 teorias da conspiração recentes que vão te bugar o cérebro

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      26/11/19 às 11h59

Teorias da conspiração sempre existiram e sempre existirão. Enquanto algumas fazem um pouco de sentido e até nos deixam com a pulga atrás da orelha, outras teorias da conspiração, definitivamente, ultrapassam os limites do bizarro. Talvez, isso seja reflexo do atual momento em que vivemos, onde tudo está estranho e nada mais faz sentido. Em um mundo onde pessoas acreditam que a Terra é plana e que vacina faz mal, talvez, essas teorias da conspiração nem sejam tão malucas assim. Afinal, tem doido pra tudo nesse mundo. E já tivemos provas suficientes do quanto coisas inacreditáveis podem acontecer.

Então, hoje, não é mais uma novidade ver teorias da conspiração completamente inacreditáveis. Mas mesmo assim, tem sempre alguma que nos choca em algum momento. Dito isso, se prepare para essas teorias da conspiração, que alguns cérebros muito criativos inventaram sobre eventos atuais. Essas são 5 teorias da conspiração recentes e que vão te bugar o cérebro.

1 - "A Rússia teria tido participação nos vazamentos do Comitê Nacional Democrata (DNC) de 2016"

Essa é uma teoria da conspiração popular, que está circulando no Maga Land, desde o início do mandato de Donald Trump, como presidente dos Estados Unidos. A ideia é que a Rússia teria participado do ataque cibernético ao Comitê Nacional Democrata, através de uma empresa de segurança cibernética, chamada CrowdStrike, sob as ordens do próprio DNC, que estavam trabalhando com a Ucrânia. Eles queriam agitar a eleição para Hilary Clint, para se vingar da Rússia, por matar militares ucranianos, em 2014.

Seria esse um jogo de xadrez multidimensional? Não se sabe, mas o fato é que, depois que os servidores foram invadidos, o DNC permitiu que o FBI os examinassem. Até porque isso teria dado ao FBI a oportunidade de descobrir que a CrowdStrike, e não a Rússia, estava por trás do vazamento. Sem contar que um dos cofundadores da CrowdStrike, Dmitri Aperovithc, é ucraniano.

Mas é claro que nada disso é verdade. O DNC forneceu uma cópia de todos os seus dados de servidor ao FBI. Inclusive, Aperovithc é um cidadão americano, cuja família fugiu da Rússia para os Estados Unidos, durante a Guerra Fria. Toda essa ideia é fruto da máquina de conspiração da direita, que estava promovendo o CrowdStrike, como uma alternativa à investigação de Robert Mueller. De modo que, logo depois, ele encontrou um lar permanente entre os entusiastas de ilusões.

2 - "O bebê real é uma fraude"

Meghan Markle tem tido muita dor de cabeça com os tabloides britânicos. Sendo uma ilha que ajudou a inventar o colonialismo, muitos não conseguem superar o fato de que ela é mestiça. O resultado disso: inúmeras manchetes sobre sua vida, e agora, sobre o seu filho com o príncipe Harry.

Em meio aos vários ataques racistas, surgiu até uma teoria da conspiração sobre o seu útero. E até que ela e Harry estão mentindo sobre o momento, em que seu filho Archeie nasceu.

No dia 7 de maio, Richard Kay afirmou que o primeiro anúncio do nascimento do bebê real, divulgado pelo Kensington Palace, dizia que Markle entrara em trabalho de parto, na hora do almoço no dia anterior. Já em um anúncio posterior, foi dito que ela deu à luz às 5:26. Logo, os ingleses começaram a teorizar que isso era uma tentativa de enganar o público, e mais do que isso, que era uma prova definitiva de que o bebê real era uma farsa. Além disso, disseram que ele teria nascido, de verdade, duas semanas antes ou que pertencia a uma barriga de aluguel. Eles afirmaram até que Markle teria passado os últimos dois meses, usando uma barriga falsa.

Mas por que a família real britânica faria isso? Então, os teorizadores ainda não descobriram essa parte. Mas não deve demorar muito para eles resolverem esse mistério.

3 - "Os incêndios na floresta amazônica foram iniciado por ONGs"

Como se o mundo pegando fogo metaforicamente já não fosse ruim o suficiente, em 2019, vimos a Amazônia em chamas. Foram milhões de acres de árvores destruídas, incluindo duas pessoas mortas. Ou seja, um enorme prejuízo para uma das melhores defesas do planeta contra as mudanças climáticas. Por esse motivo, os incêndios na Amazônia despertaram a ira de vários governos e ONGs ambientais. Esses apontaram o dedo para o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro. Bolsonaro, depois de chegar ao poder no começo do ano, abrandou as leis de proteção ambiental, para abrir espaço para setores econômicos, como a agropecuária.

Quando questionado sobre o incêndio, Bolsonaro respondeu dizendo que os incêndios eram, na verdade, fruto do trabalho de ONGs como o Greenpeace Brasil e a Amazon Watch, que estavam prontos para fazê-lo parecer culpado. "Sobre a questão da queima na Amazônia, que na minha opinião pode ter sido iniciada por ONGs porque perderam dinheiro", disse Bolsonaro. E continuou: "Qual é a intenção? Trazer problemas ao Brasil... chamar atenção contra mim, contra o governo brasileiro?".

Quanto as provas dessa acusação, Bolsonaro respondeu que ele "não tem um pano escrito" e "não é assim que é feito", o que pode ser interpretado como uma abreviação autoritária para "eu não tenho".

4 - "Antifa está denunciando apoiadores de Trump por abuso infantil"

Independente de ideologia política, a maioria das pessoas, incluindo os apoiadores de Trump, amam seus filhos. Em setembro desde ano, uma conta no Twitter chamada "JoinAntifa" que supostamente seria uma ferramenta do movimento esquerda anti-fascista teria começado a instruir seus seguidores a denunciar os pais que apoiavam Trump. E essa história ganhou força depois que foi divulgada pelo jornalista conservador Patrick Howley e outras figuras da direita.

Em seu relatório, Howley dizia que "muitas fontes disseram que isso está acontecendo". Mas, o fato é que "JoinAntifa" era uma conta aleatório e com poucos seguidores. E que poderia ser apenas uma conta fantasma. Até porque com esse nome óbvio, não podia se esperar muita coisa.

5 - "Greta Thunberg é simpatizante de terroristas, abraça nazistas, e tem mãe satânica"

Se tem um nome, que foi muito mencionado esse ano, foi o de Greta Thunberg. A ativista sueca saiu do seu país para lutar pelas causas ambientais. Ela tem tentado convencer a todos, a reduzirem suas emoções nocivas. Mas o seu trabalho de ativismo resultou em um fluxo interminável de comentários ofensivos e tóxicos. Além de teorias da conspiração, uma mais louca do que a outra. O fato é que essas pessoas se apegam a cada palavra da garota, na esperança de que ela diga algo, para que eles possam usar para desacreditá-la. Mas até que isso aconteça, eles continuam inventando coisas sobre Greta.

Junto das alegações de que Greta Thunberg é membro do ISIS, ou de que é neta de George Soros, uma das teorias da conspiração mais absurdas, que circulam pela internet, é a que de sua mãe é uma lésbica, que adora Satanás, e ensina jovens a fazer abortos. Mas a conspiração mais popular sobre ela, diz que ela é apenas um fantoche, usado para uma campanha massiva de relações públicas, orquestrada por seus pais. E tem também uma que diz que Greta é uma atriz infantil, chamada Estella Renee.

Enfim, qual dessas teorias é a mais absurda na sua opinião? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+