• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


6 benefícios de estar entediado que você não conhecia

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      06/11/19 às 20h07

Se você tem mais de 18 anos, parabéns, você já é um adulto. Quando a gente é criança, talvez esse seja o nosso sonho. Mas quando nos tornamos adultos, o sonho não é mais tão legal quanto costumava ser na infância. Quando a gente se torna adulto, descobrimos que a vida não é só alegria, e vem carregada de responsabilidades. Como adultos, temos tantas coisas acontecendo em nossa vida, ao mesmo tempo que sentir tédio não parece mais uma opção. Estar entediado parece ser algo que só crianças e adolescentes sentem. Hoje, é bem provável que você até sinta saudade de estar entediado, sem nada para fazer. Porque se tem uma coisa que adulto tem de sobra, é coisa para fazer.

Quando crianças, só o pensamento de estar entediado, já é insuportável. Agora, são tantas obrigações e responsabilidades que o tédio ficou no passado. O que não é nada bom para nós, adultos. Um estudo sugeriu que poderíamos estar perdendo muito por não estarmos mais entediados como antes. Dá para imaginar isso? Pois é, estar entediado não é apenas chato. Confira a seguir, 6 benefícios de estar entediado que você não conhecia.

1 - Criatividade

Isso mesmo, pessoas entediadas tendem a ser mais criativas. Cientistas descobriram que estar entediado leva a alguns dos nossos pensamentos mais originais. Durante um experimento social, feito pela psicóloga britânica Sandi Mann, foram dadas aos participantes tarefas consideradas chatas. Depois de concluírem as tarefas, os participantes tiveram que usar o seu pensamento criativo. Aqueles que tiveram as tarefas mais chatas, tipo ler a lista telefônica, foram os que criaram usos mais interessantes para copos de plástico. Segundo a psicóloga, o tédio incentiva as pessoas a vagarem, levando-as até formas de pensamento mais associativas e criativas.

2 - Facilidade em identificar quando algo está errado

Segundo o professor de filosofia, Andreas Elpidorou, o tédio "atua como um estado regulatório, que mantém a pessoa alinhada com os seus projetos". Ou seja, quando uma pessoa está muito ocupada, ela acaba ficando presa em situações insatisfatórias. O que a levaria a perder muitas experiências emocionais, cognitivas e sociais muito gratificantes. "O tédio é, ao mesmo tempo, um aviso de que não estamos fazendo o que queremos e um" empurrão que nos motiva a mudar objetivos e projetos ", escreve ele.

3 - Planejamento

Segundo pesquisadores europeus e americanos, quando as pessoas estão entediadas, elas costumam vagar e não pensar no que está acontecendo ao seu redor naquele instante. Então, é mais provável que elas pensem no futuro. Assim, elas estão em um processo conhecido como "planejamento autobiográfico". Assim, elas costumam planejar e antecipar os seus objetivos futuros, enquanto "sonham acordadas".

4 - Produtividade

Por incrível que pareça, estar entediado pode ajudá-lo a ficar mais produtivo. Pesquisadores da Universidade Bar-Ilan descobriram que sonhar acordado tem um efeito positivo no desempenho de tarefas. Isso porque esse comportamento estimula a região do cérebro, responsável pelos mecanismos de "controle do pensamento" e pela atividade "libertadora do pensamento". Então, eles chegaram à conclusão de que estar entediado, não prejudica a capacidade de concluir uma tarefa designada. Muito pelo contrário, o que o tédio faz é ajudar.

5 - Pode ajudá-lo a ser uma pessoa melhor

Pesquisadores irlandeses chegaram à conclusão de que o tédio pode nos levar a fazer coisas altruístas. A partir de alguns estudos, eles descobriram que, quando estamos entediados, não temos sentidos em nossas atividades cotidianas. E isso nos leva a procurar outras formas de restabelecer o nosso auto-significado. Os pesquisadores descobriram que estar entediado torna as pessoas mais propensas a desenvolver comportamentos pró-sociais. Tais como fazer doações para instituições de caridade, tonar-se doador de sangue e criar sentimentos de auto-significado a partir da ajuda ao próximo.

6 - Felicidade

O tédio pode ser essencial para a nossa felicidade. Afinal, uma vida repleta de excitação nunca será completa, e nunca será alcançada. O filósofo, Bertrand Russel, refletiu sobre os faros de uma vida feliz, há quase 90 anos atrás, e sua reflexão sobre o tédio parece tão adequada para a época quanto é para hoje:

"Uma vida cheia de excitação é uma vida exaustiva, na qual são necessários estímulos continuamente mais fortes para dar à emoção que se tornou uma parte essencial do prazer. Uma pessoa acostumada a muita excitação é como uma pessoa com um desejo mórbido de pimenta, que acaba sendo incapaz de provar uma quantidade de pimenta que faria com que qualquer outra pessoa se engasgasse. Há um elemento de tédio que é inseparável de evitar muita excitação e muita excitação não só prejudica a saúde, mas embota o paladar para todo tipo de prazer, substituindo as excitações por satisfações orgânicas profundas, a esperteza pela sabedoria e as surpresas irregulares pela beleza".

Enfim, você gosta de ficar entediado? Concorda com esses benefícios? Conta para a gente nos comentários e aproveite para compartilhar com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+