• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


6 profecias do fim do mundo que não aconteceram

POR Ultra Curioso    EM Mistérios & Horror      03/07/15 às 18h25

Enchentes, furacões, tsunamis, terremotos, genocídios... Todas essas catástrofes que o mundo já vivenciou sempre fazem as pessoas (principalmente as pessoas de fé) se perguntarem: será que estamos perto do fim do mundo? A questão é que essa pergunta é feita quase desde o início da civilização, e inúmeras profecias apocalípticas surgem espalhando o medo e o caos.

Porém, mesmo sendo tão difundidas e com acontecimentos que, pela lógica, seriam sinais da concretização próxima de um "fim" de tudo, essas profecias "certeiras" feitas por grandes místicos e povos antigos sempre dão em nada. Como é o caso de vários vaticínios abordados nessa matéria.

E você, acredita que o fim está próximo? Veja aqui no Ultra Curioso 6 profecias do fim do mundo que não aconteceram. Parece que pelo menos por enquanto, o mundo é como a zoeira: never ends.

1. Alinhamento planetário do caos

25ea1-alinhamento-dos-planetas2bsinais2bno2bc25c325a9u2balinhamento2bplanet25c325a1rio2b2b282bmaio2b2015

Johannes Stöffler, um astrônomo europeu, afirmou há séculos atrás que um alinhamento planetário, especificamente na constelação de Peixes, faria acontecer uma grande enchente no ano de 1524. Muitos astrônomos da época concordavam com suas reivindicações, e panfletos foram ainda impressos e distribuídos para o público com o objetivo de alertar a todos. O medo e o pânico resultante das profecias apocalípticas levaram milhares a fugir de suas casas a procura de abrigos seguros. Nenhuma enchente aconteceu nesse ano.

2. O ano da besta

Grande-Incendio-Londres-1666

Em 1666, o Grande Incêndio de Londres (como assim ficou conhecido) devastou a Grâ-Bretanha, juntamente com a epidemia da peste bubônica. Essas catástrofes foram suficientes para fazer surgir uma profecia de que o fim do mundo estava próximo, ainda mais devido ao ano em vigor, 1666, número considerado demoníaco.

3. O Grande desapontamento

William-Miller-preaching-1024x623

Em 1844, o fazendeiro e pregador William Miller, após vários cálculos baseados na bíblia, previu que Cristo retornaria em 21 de março daquele ano, para levar 'os seus'. Uma histeria teve início e centenas de pessoas  venderam todos os seus bens e passaram a morar acampados em tendas esperando que as profecias se cumprissem  Quando nada aconteceu, Samuel Neve determinou que os cálculos de Miller foram apenas um pouco errados os cálculos foram revistos e um nova data foi apontada  22 de Outubro de 1844. Quando nada aconteceu de novo, os "Millerites" foram ridicularizados e perseguidos por suas crenças. 1844 ficou conhecido como o ano do Grande desapontamento.

4. O radialista do apocalipse

Harold_Camping

Harold Camping previu o fim do mundo por três vezes, e errou feio nas três. A primeira data foi revelada em seu livro publicado em 1992, que estabelecia 06 de setembro de 1994 como o dia para a volta de Jesus. O livro também afirmava que o fim do mundo iria finalmente ocorrer no dia 21 de maio de 2011. Quando nada aconteceu em 6 de setembro de 2011, ele revisou a data três vezes e foi provado que os cálculos de Harold não tinham nenhuma base.

5. A virada do milênio

fim-do-mundo-3

Logo no começo do ano de 1999, a previsões para o fim do mundo começaram a pipocar: catástrofes iriam acontecer, pessoas iriam morrer, até falhas no famoso computador Y2K que provocaria o caos e arruinaria a economia mundial estava profetizado. Muitos líderes religiosos vieram a público declarar que não havia nenhum risco e que o mundo não acabaria em 2000, mas os místicos diziam o contrário: o mundo iria acabar na virada do ano 2000.

Nada aconteceu.

6. 2012: o ano do apocalipse maia

Ana-passos-Joias-Calendário-Maia

Essa foi a mais famosa. No ano de 2012, cientistas e historiadores afirmaram publicamente que um antigo calendário maia acabava em 2012 e que esse marcava o fim de um ciclo. Foi o suficiente para que teorias sobre o fim do mundo tomassem conta das redes sociais e internet e pra deixar a situação ainda mais caótica, Hollywood se aproveitou disso com o lançamento do filme '2012'.

As teorias de como o mundo poderia acabar eram as mais variadas possíveis:  desde a colisão com o planeta Nibiru, liberação de tempestades eletromagnéticas pelo Sol que destruiriam todos os sistemas de comunicação da terra e levariam a guerras, colisão com meteoros gigantes, explosões de supervulcões  até novas doenças que matariam milhões e um eventual apocalipse zumbi.

Adivinha: o mundo não acabou.

Próxima Matéria
Ultra Curioso
Ultra Curioso o acervo de um dos maiores sites de curiosidades brasileiros.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+