• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 animais mais assustadores dos oceanos

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      25/01/20 às 17h41

Se sob a Terra, podemos encontrar criaturas realmente assustadoras, imagine só o que não se esconde nas profundezas dos oceanos... Os oceanos abrigam infinitas formas de vida, algumas até desconhecidas do ser humano, então, não é de se surpreender que os animais mais assustadores do mundo vivam no fundo do oceano. Muito além de tubarões ferozes e baleias assassinas. Entre todos os horrores do mundo, os animais, que vivem no fundo do oceano, são os mais assustadores.

Eles surgem com dentes gigantescos, corpos desproporcionalmente bizarros e estranhos órgãos luminosos. Obviamente, que nós, seres da Terra, não conseguimos vê-los em ação. Até porque, muito do que sabemos sobre essas criaturas que vivem no fundo do mar, só descobrimos depois que eles foram trazidos à superfície. Esses animais se adaptaram para sobreviver sobre intensa pressão e escuridão, e é exatamente por isso, que eles são tão horripilantes. Confira a seguir, 7 animais mais assustadores dos oceanos.

1 - Peixe-dragão Abissal

Esses peixes são compridos e simplesmente aterrorizantes. Eles vivem a, pelo menos, 6.600 pés em oceanos subtropicais. O peixe dragão abissal possui uma boca enorme, cheia de dentes incrivelmente afiados, mas isso nem é o mais assustador sobre a sua aparência. Os seus olhos brilhantes é que deixam qualquer um com medo.

2 - Gulper Eel

Essas enguias possuem bocas enormes, que se abrem completamente para engolir presas inteiras. O estômago do Gulper Eel pode aumentar de tamanho, para acomodar presas maiores do que ela. Sua cauda possui pequenos fotóforos na ponta, que brilham e piscam em vermelho e rosa.

3 - Lula-Vampiro

As lulas-vampiro habitam o fundo do mar tropical. Por fora, elas podem até parecer criaturas adoráveis, mas não se engane, seus olhos vermelhos te farão mudar de ideia. Elas se movem com pequenas barbatanas nas laterais do corpo, mas é por baixo da "capa", que liga os braços, que tudo fica assustador. Ao se deparar com uma presa, elas lançam para frente os braços cobertos de espinhos e agarram a presa. Como um verdadeiro show dos horrores.

4 - Peixe Stargazer

Esses peixes foram batizados com esse nome, devido à posição dos olhos e da boca que ficam no topo de suas cabeças. Eles enterram seus corpos sob a areia, deixando apenas o rosto, incrivelmente assustador, exposto. Ainda bem que eles vivem no fundo do oceano, não é mesmo?

5 - Fringehead sarcástico

É o nome pode parecer um tanto quanto peculiar, mas nem chega perto da aparência desse peixe. O Fringehead sarcástico é um peixe pequeno, porém, assustador. Eles vivem perto da superfície, a 240 pés, e tem uma tática bastante assustadora de lutar por domínio. O macho dessa espécie é capaz de distender a sua boca e pressioná-la contra o oponente. Peixes maiores podem até ganhar a briga, mas eles, com certeza, são mais assustadores.

6 - Fangtooth

O nome desse peixe é dado devido aos vários dentes afiados, inclusive, bem desproporcionais na frente da boca. Apesar da boca assustadora, eles não são peixes grandes, com cerca de 15 centímetros de comprimento no total. O lado bom é que você não corre o risco de encontrar um Fangtooth, enquanto nada, já que eles vivem a 16.000 pés de profundidade no oceano profundo.

7 - Blobfish

O Blobfish já foi tido como o animal mais feio do mundo, e não é difícil imaginar o porquê. Esses peixes vivem no mar profundo da Austrália e da Nova Zelândia, a cerca de 3.500 pés. Descrições comuns de sua carne, dizem que é algo gelatinoso e nojento, devido à baixa densidade e falta de tecido muscular.

E você, o que achou desses animais bizarros? Qual o mais assustador na sua opinião?

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+