• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 cidades modernas que já foram completamente destruídas

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      20/02/20 às 17h44

As cidades estão sempre e em constante evolução e mudança. Algumas das grandes metrópoles, que existem nos dias atuais, surgiram há muito tempo. Algumas delas até mesmo séculos antes de Cristo. As pessoas se congregam nas cidades há milhares de anos. E algumas dessas cidades antigas ainda existem e são o lar de milhares e até milhões de pessoas.

O que muitas pessoas podem não imaginar é que alguma das cidades modernas que temos hoje já foram um dia completamente destruídas. Talvez ela não seja realmente "a mesma" já que foi destruída e reconstruída de suas cinzas. Mas a perseverança humana foi capaz de reerguer essas cidades. Mostramos algumas delas aqui.

1 - Jerusalém

Quase todos sabem que essa é uma cidade que é o epicentro de lutas religiosas há milhares de anos. Jerusalém permanece em uma constante sendo dividida desde os dias do Antigo Testamento até os dias modernos.

Em 66 d.C. os rebeldes judeus pegaram o controle dos romanos que foram revidar de maneira não gentil. O imperador Tito foi com aproximadamente 70 mil homens e sitiou Jerusalém por quatro meses. Esse sítio foi feito antes deles invadirem, queimar e massacrar todos os judeus restantes. A cidade foi reconstruída e está de pé hoje. E atualmente, ainda é possível ver o Arco de Tito e Roma como um símbolo da diáspora judaica.

2 - Lisboa

Em 1755, Lisboa foi vítima de um terremoto que a devastou. Ele aconteceu no dia 1º de novembro, o Dia de Todos os Santos. Além do terremoto, um tsunami foi feito e causou mais destruição 40 minutos depois do terremoto. Como parece que uma tragédia chama a outra, depois disso tudo vieram incêndios e os serviços de emergência tinham dificuldade em controlá-los.

Atualmente é possível ranquear a escala dos terremotos. E o que atingiu Lisboa naquele ano era de uma magnitude altíssima, entre 8,5 a 9. O número de mortes total desse desastre ficou entre 30 e 40 mil. O terremoto gerou um efeito profundo nos planos de expansão portugueses e na política e economia. Na reconstrução da cidade, cuidados foram tomados para que as estruturas fossem resistentes a terremotos.

3 - Chicago

De acordo com a lenda contada, a vaca de Catherine O'Leary teria esbarrado em uma lanterna, que por sua vez, teria caído em cima de um feno e começado um incêndio pequeno. Mas quando os 185 bombeiros chegaram ao local, o incêndio é tinha consumido uma grande parte do quarteirão e estava se espalhando. O fogo ia em direção ao distrito comercial da cidade.

Os bombeiros pensaram que o rio da cidade poderia funcionar como uma barreira, mas às margens do rio existiam vários pátios de madeira. Além disso, o ar super aquecido fez com que o fogo se parecesse com um tornado lançando fogo por toda parte. As instalações hidráulicas da cidade queimaram dando as pessoas a única opção possível, que evacuar a cidade. O incêndio deixou 300 pessoas mortas, e arruinou 73 quilômetros de estradas, 120 quilômetros de calçada, dois mil postes e 17.500 edifícios.

4 - St. Louis

Áreas rurais tem mais chances de serem atingidas por furacões já que essas áreas são mais propensas as condições. Essa cidade no Missouri, é como se fosse um funil de juntar nuvens. No último século e meio, mais de cem furacões atingiram diretamente a área metropolitana. E causou vários danos e milhares de mortes. Os dois furacões mais caros da história dos EUA atingiram St. Louis.

O maior foi em 1896 e atingiu a parte leste da cidade em maio. A meteorologia tinha previsto apenas trovoadas leves. E quando a pressão barométrica despencou e as nuvens apareceram era tarde demais. Pelo menos, 255 pessoas foram mortas, mais de mil ficaram feridas e aproximadamente 12 mil prédios foram danificados.

5 - São Francisco

Em 1906, um terremoto de magnitude 7,9 destruiu quase 80% dos prédios da cidade e matou três mil pessoas e deixou 300 mil pessoas desabrigadas. Esse deslize, na falha de San Andreas, já estava acontecendo há anos. Mas com os equipamentos da época, não era possível prever isso.

O terremoto abalou a cidade por 42 segundos, às cinco da manhã no dia 18 de abril. O terremoto causou cerca de 10% dos estragos. Os outros 90% foram causados pelos vários incêndios, causados pela ruptura de linhas de gás.

6 - Tóquio

Várias foram as cidades que foram bombardeadas na Segunda Guerra Mundial. E na Operação Capela, foi um bombardeio dos EUA, em 1945, na capital japonesa. Esse não foi o primeiro ataque contra a cidade, mas ele foi o mais mortal.

As bombas, que foram usadas nessa operação, eram dispositivos incendiários, que trouxeram destruição e morte, causando incêndios florestais incontroláveis. Esse ataque durou menos de três horas e matou entre 90 e 100 mil pessoas. Além de ter deixado mais de um milhão de pessoas desabrigadas.

7 - Belgrado

Essa região é a atual capital da Sérvia. E os europeus não podiam chegar à Turquia sem passar por lá, os asiáticos não conseguiam chegar à Europa também sem fazer o mesmo.

Vários foram os conflitos que aconteceram em Belgrado. Depois de alguns anos após o fim da Primeira Guerra Mundial, os nazistas chegaram à cidade com vários explosivos, mas o perderam para a URSS. Quando ela entrou em colapso, deixou o lugar destruído pelo colapso, também da Iugoslávia. No total, Belgrado teve 115 guerras e foi destruída 44 vezes.

Próxima Matéria
Via   Toptenz  
Imagens Toptenz
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+