icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 coisas assustadoras que você não sabia sobre o Estado Islâmico

POR Eduardo Coelho    EM Curiosidades      01/07/15 às 15h59
capa do post 7 coisas assustadoras que você não sabia sobre o Estado Islâmico

Você já deve ter ouvido falar do Estado Islâmico independente da sua idade, afinal, nos últimos 10 anos os noticiários já linkaram diversos ataques terroristas a essa entidade embasada em religião, política e fatores sociais.

Mas como será que eles surgiram? E por que será que eles são tão populares? Qual a explicação para a série de ataques terroristas atribuídos a eles?

Abaixo colocamos 7 pequenos informes que vão te ajudar a sanar algumas dúvidas a respeito dessa entidade que está causando o pavor e a histeria na mente dos ocidentais:

1. Líder do Estado Islâmico

Ao contrário do que muitos acreditam, o Estado Islâmico é extremamente organizado, tornando-o então dificílimo de ser detido pelos demais exércitos, avançando sorrateiramente pela Síria e pelo Iraque. Uma das características que determinam essa ordem, disciplina e organização, é o fato de eles possuírem um líder. O autoproclamado califa, Abu Al-Baghadi, sendo tido como o próprio e pelos seus seguidores como representante e um dos sucessores de Maomé.

2. A Crise Política no Iraque e o envolvimento do EI

A crise socio-política que se estabelece no Iraque está diretamente relacionada ao início do Estado Islâmico. Desde 2003, quando ocorreu a invasão do exército americano posteriormente aos ataques de 11 de setembro em 2001. O EI acabou surgindo como um braço segmentado derivado da Al-Qaeda (responsável autoproclamada pelos ataques), baseado em uma ideologia de pan-islamismo.

3. Desligamento do Estado Islâmico Al-Qaeda

Ao longo dos últimos anos, até mesmo a própria Al-Qaeda, veio reprimindo o extremismo e violência do EI, que  acabou optando por se desligar dela, por enxergar um exagero extremista em suas atitudes e imposições para seus seguidores vistas como absurdas.

4. Objetivos do Estado Islâmico

O objetivo primordial do Estado Islâmico é ampliar seu alcance e poderio por todo o Oriente Médio, e paralelamente a isso, estabelecer vínculos e suporte com os seguidores europeus e das demais regiões do planeta, promovendo a balbúrdia, e o caos por intermédio de ataques terroristas, para perpetuar seu poder perante o mundo através do medo.

5. Estado Islâmico e a Guerra Santa

Os adeptos do Estado Islâmico acham que o restante das pessoas do planeta os interpretam mal. Na visão deles, eles executam uma missão sagrada de perpetuar sua doutrina filosófica, religiosa e política ao redor do mundo e que para haver paz, é necessário atitudes drásticas.

6. Adesão de Simpatizantes do Estado Islâmico

A adesão de novos membros ao Estado Islâmico é impressionante, principalmente os provenientes  da Europa. O que mais repercute é que essa adesão em massa vai de contramão com a maioria que os ocidentais pensam.

7. Fuga da População

Países como o Iraque e a Síria estão sendo constantemente alvo da ação do EI, o que está gerando uma série de fugas em massa da população, com medo das ações extremas.

Sem histeria coletiva, por favor...


Próxima Matéria
avatar Eduardo Coelho
Eduardo Coelho
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest