icone menu logo logo-fatos-historicos.png


7 coisas bizarras encontradas dentro de pirâmides

POR Gustavo Camargo EM História 23/11/17 às 16h15

capa do post 7 coisas bizarras encontradas dentro de pirâmides

As pirâmides foram construídas há mais de 2.500 anos e resistem até hoje em dia. São construções cercadas por mistérios e que despertam interesse de historiadores. Como essas estruturas suportaram tanto tempo? Que segredos guardavam dentro delas? Bom, pesquisadores estão todos os dias tentando responder essas perguntas.

No Egito Antigo a religião era a politeísta, pois acreditavam em vários deuses. Tinha em meio de suas crenças também a vida após a morte, e portanto, conservar o corpo e o pertences para a outra vida sempre foi uma preocupação. Mas apenas faraós e alguns sacerdotes tinham condições econômicas para bancar todo o processo de mumificação.

A pirâmide em si tinha a função de abrigar e proteger o corpo do faraó e seus pertences de saqueadores da época. Então as construção tinham que ser bastante resistentes e de difícil acesso. Os engenheiros deviam guardar os segredos da construção das pirâmides, planejavam armadilhas e acessos falsos para enganar criminosos.

Essas grandes construções foram feitas numa época que os faraós tinham o máximo de poder político, social e econômico. Na construção eram utilizados pedras que chegavam pesar até 20 toneladas. Para a construção a mão de obra muita das vezes era escrava. Demorava até 20 anos para uma pirâmide ficar pronta, então, ainda em vida, o faraó começava a planejar a executar a construção da pirâmide. Bom, levando tudo isso em consideração, nós da Fatos Desconhecidos trouxemos para nossos leitores 7 coisas bizarras encontradas dentro de pirâmides. Confira:

1 - Outras pirâmides

A pirâmide Kukulkan em Chichen Itza, é uma das ruínas mais conhecida em todo o mundo. Mesmo assim ela é pouco explorada. Em 2016 pesquisadores anunciaram uma nova descoberta bizarra, outra pirâmide lá dentro. Escavações revelaram que Kukulkan teria sido construído sobre uma outra pirâmide. Ela teria sido construída para conter um trono de jaguar vermelho decorado com jade.

2 - Um pequeno sarcófago

Arqueólogos ficaram espantados quando encontraram um pequeno sarcófago em Gizé no ano de 1907. Ele estava aparentemente esculpido, mas se encontrava em um estado precário. Estudiosos do Museu Fitzwillian utilizaram de tecnologia de imagem para dar uma espiadinha lá dentro. Eles acabaram encontrando restos de uma criança abortada, de 16 e 18 semanas de idade. Os braços teriam sido cruzados como padrão do ritual de mumificação.

Julie Dawson, do Museu Fitzwilliam, emitiu esta declaração: "Este descoberta inovadora nos educou ainda mais na nossa concepção de quão precioso era o nascituro na sociedade egípcia antiga. O cuidado na preparação deste enterro demonstra claramente o valor colocado na vida mesmo nas primeiras semanas do seu início ".

3 - Esqueletos chineses em uma pirâmide peruana

A história de como os chineses foram para na pirâmide é a seguinte. De acordo com pesquisadores da Universidade Brown, cerca de 100 mil imigrantes chineses foram atraídos para o Peru sob pretensões falsas, em torno ali do final do século 19. Chegando no país, os imigrantes foram obrigados a trabalhar no lugar dos escravos. O que leva a acreditar que os 16 chineses acabaram enterrados em cima de uma antiga pirâmide.

4 - Uma câmara de 100 pés de comprimento

Você já tinha ouvido falar da pirâmide de Gizé? Bom, certamente é uma das mais conhecidas dentre as pessoas. Enquanto alguns pesquisadores a estudavam, acabaram encontrando um vazio maciço de pelo menos 100 pés de comprimento, que se encontra sobre o corredor que leva á câmara de enterro de Khufu (faraó). Até hoje os arqueólogos não sabem se a câmara esconde algo ou se era alguma ideia de armadilha.

5 - Pirâmides sem câmaras funerárias

Em uma escavação de 2014, pesquisadores descobriram em a pirâmide de Edfu não possuía câmara de enterro. Isso deixou os estudiosos bem confusos, afinal se não era para enterrar os mortos, para que servia a pirâmide? Acredita-se que esse tipo de pirâmide eram construídas para lembrar que as pessoas vivam sob o olho atento do faraó.

6 - Múmia com produtos militares

Claro, todo mundo espera encontrar uma múmia dentre de uma pirâmide. Mas dessa vez foi uma bastante diferente. Uma mulher mumificada que aparentemente fazia parte da cultura Moche, foi encontrada enterrada com uma enorme quantidade de equipamento militar, incluindo clubes de guerra e lanças. Em estudos mais aprofundados, descobriram que sua pele estava coberta de tatuagens. Eles não descobriram o que as tatuagens representavam, mas acreditam que ela era de um alto nível, e teve o respeito do seu povo, podendo até ser da elite religiosa.

7 - Sistema de segurança precoce

Se você já viu um filme da franquia Indiana Jones provavelmente deve conhecer os perigos que uma pirâmide pode conter. Quando a Pirâmide de Khufu foi construída, os arquitetos sabiam que seria um alvo de invasores de túmulos. Então, construíram uma máquina muito primitiva, para atuar como um sistema de segurança. Depois do enterro de Khufu a câmara era protegida por três placas gigantes de rocha que deslizariam e bloqueariam a entrada da câmara se algum invasor entrasse. Funcionou? Na verdade, ninguém sabe. Quando a Câmara do Rei foi escavada, os arqueólogos encontraram um sarcófago de granito vermelho. Estava vazio, porém, talvez o sistema de segurança não funcionasse.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.


Próxima Matéria
Via   Grunge     Suapesquisa  
avatar Gustavo Camargo
Gustavo Camargo
A verdade é que eu queria ser astronauta, mas na minha cidade ainda não tem a escolinha. Instagram: gustavoloopi
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest