icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 coisas que você não sabia Hidra de Lerna

POR Cristyele Oliveira EM Curiosidades 05/04/19 às 18h52

capa do post 7 coisas que você não sabia Hidra de Lerna

Se você gosta do tema mitologia, em especial a grega, você provavelmente já ouviu falar sobre a Hidra de Lerna. Segundo a mitologia grega, a Hidra era um monstro, filha de Tifão e Equidna. Era tida como uma besta, corpo de dragão e com cabeças de serpente. A Hidra é uma espécie de serpente imortal com várias cabeças. A criatura assustadora assombrava os pântanos do lago de Lerna, na região de Argólida, na Grécia Antiga.

Mesmo que o mostro tenha reivindicado inúmeras vítimas, ele é mais conhecido por sua épica batalha com o herói Heracles. Hoje vamos listar aqui algumas curiosidades e coisas que você provavelmente não sabia sobre essa criatura fantástica, a Hidra de Lerna.

1 - Sua origem

Em contos e livros por escrito, a Hidra é citada pela primeira vez na Teogonia de Hesíodo, datada a cerca de 700 a.C. No entanto, pinturas e cerâmicas indicam que a lenda de Hidra possivelmente seja ainda mais antiga. Provavelmente, tenha surgindo das religiões suméria, babilônica e assíria.

Originalmente, em Hesíodo, quando Hidra é introduzida, a criatura tinha apenas seis cabeças, e nenhuma delas se regenerou. Mas a história acabou ganhado novos detalhes, de acordo com os gostos de Ovídio, Sêneca, Platão e Virgílio. Conforme crescia e ganhava fama, a história do monstro aumentava o horror.

2 - Popularização

Nos dias de hoje, a Hidra não é totalmente conhecida como um personagem autônomo. Mas o interessante é que a Hidra construiu o seu próprio nome nas ciências naturais. Na astronomia, por exemplo, várias constelações e ferramentas tecnológicas foram nomeadas em homenagem ao terrível monstro. Na taxonomia, existe todo um gênero de criaturas marinhas com tentáculos que levam o nome da fera.

3 - Família

A Hidra era descendente dos dois primeiros monstros da mitologia grega. Seu pai, Tifão era um gigante imortal, e Equidna, sua mãe, era metade mulher e metade cobra. Foi deles que Hidra herdou a sua imortalidade, forma monstruosa e disposição maligna.

Mas ainda bebê, Hidra foi adotada por Hera, a esposa do deus Zeus. Ela então foi a responsável pela sua criação. Ela queria usar a criatura para destruir Heracles. Então, lhe deu uma casa, a protegeu e alimentou todos os seus impulsos destrutivos.

4 - Aparência física

Não era à toa que a criatura era temida por todos. Hidra era, literalmente, várias vezes mais perigosa do que o seu parente mais próximo: a cobra. Além de ser o maior monstro do pântano, Hidra tinha entre seis e cem cabeças. Isso mesmo.

Cada uma de suas várias cabeças, era sustentada por um enorme pescoço. Desse modo, as cabeças podiam se enrolar ou se afastar e atacar os adversários em todos os ângulos possíveis.

5 - Temperamento


Como era de se esperar analisando a sua assustadora aparência, a personalidade da criatura era tão terrível quanto. Desde que foi adotada por Hera, Hidra foi treinada para atacar e destruir qualquer coisa que passasse em sua frente. O monstro destruiu aldeias inocentes, devorando centenas de vítimas.

Hidra basicamente fazia duas coisas. Dormir e atacar. Quando não estava se alimentando da carne de inocentes, ela aproveitava um sono profundo em sua caverna no pântano. Ela só saia de lá por dois motivos: fome e raiva.

6 - Poderes

Não é difícil imaginar o motivo de a deusa Hera ter escolhido Hidra para ser uma das Onze Tarefas de Heracles. A terrível criatura possuía poderes que poderiam facilmente enviar até o mais destemido herói para o submundo. O sangue de Hidra era repleto de veneno tóxico. Muitos homens morreram apenas de se aproximar do covil da criatura e sentirem o cheiro de sangue e hálito venenoso. Mesmo após ser derrotada, o sangue de Hidra ainda foi usado como uma arma e matou vários inimigos.

Hidra era tecnicamente imortal e possuía habilidade regenerativas. Entre as suas várias cabeças, apenas uma era imortal, porém era protegida por todas as outras cabeças mortais que cresciam ao seu redor. Se alguma das cabeças mortais fosse cortada, duas outras surgiriam no seu corpo para substituir a perda. A criatura só poderia ser morta se fosse cortada à única cabeça imortal.

7 - Sua morte

O terrível monstro, quase imortal, foi derrotado pelo filho de Zeus, Heracles. O jovem herói, buscando obter imortalidade, deveria completar doze tarefas impossíveis. Uma delas era enfrentar a temida Hidra.

E Heracles entrou no pântano de Lerna, com a boca e o nariz cobertos para não respirar o cheiro venenoso do monstro. Quando Hidra saiu de sua caverna, ela estava pronta para devorar o intruso. Mas ele estava decido a matar a terrível criatura. Então começou a cortas as cabeças de Hidra o mais rápido que podia. Mesmo que o mostro gritasses de dor, os pequenos ferimentos estavam longe de ameaçar sua vida. Pelo contrário, só o deixou ainda mais forte, com novas cabeças crescendo em seu corpo.

Heracles percebeu que nunca conseguiria derrotar Hidra sozinho. Foi então que ele buscou ajuda do seu sobrinho, Iolaus, que com uma tocha acesa começou a cauterizar as cabeças cortadas para impedir que outras nascessem. E então, o herói conseguiu abrir caminho até a cabeça imortal de Hidra, e com uma espada de ouro, dada a ele por Athena. Foi assim que ele conseguiu colocar fim à vida de Hidra.

E você, já estava familiarizado com a história da Hidra de Lerna? Conta para a gente nos comentários.


Próxima Matéria
avatar Cristyele Oliveira
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest