icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 coisas que você não sabia sobre a Muralha da China

POR Jesus Galvão EM Curiosidades 23/05/19 às 18h00

capa do post 7 coisas que você não sabia sobre a Muralha da China

A Grande Muralha da China é tão grandiosa que se estende por fusos horários internacionais. O monumento atrai milhares de turistas de todos os cantos do mundo todos os anos. A Grande Muralha é um dos maiores projetos de construção já realizados e é considerado um patrimônio mundial pela UNESCO.

Muitos de nós conhecem sua história e muitos fatos a respeito de sua construção. No entanto, nem todos eles são verdadeiros ou foram exagerados. Pensando nisso, hoje, listamos algumas coisas que vocês provavelmente não sabiam ou talvez pensassem ser verdadeiros. Confira!

1 - Não é a única estrutura feita pelo homem vista do espaço, na verdade nem é...

Muito provavelmente, o primeiro fato que você deve se lembrar quando o assunto é a Grande Muralha da China é o de que ela é a "única estrutura feita pelo homem visível do espaço". Com 7.200 km, a muralha é verdadeiramente uma das maiores coisas já construídas. No entanto, existem diversas estruturas que podem ser vistas do espaço. E, para surpresa de muitos, a Grande Muralha não é uma delas.

2 - Ela não é contínua

Você já deve ter imaginado alguém fazendo uma longa caminhada por toda a extensão da Grande Muralha. Porém, ela não foi projetada para as pessoas caminharem sobre ela. A não ser por um pequeno pedaço próximo à Pequim, seu topo não é acessível. Além do fato de que ela não é contínua. Buracos gigantescos estão espalhados por toda a estrutura. A Grande Muralha, na verdade, consiste em uma série de blocos que, juntos, formam uma grande barreira.

3 - Ela não é tão antiga quanto costumamos pensar

Quando o imperador Qin Shi Huang ordenou a construção da Grande Muralha, muita coisa estava para acontecer na história da humanidade. No entanto, a coisa toda se tornou real, como a conhecemos hoje, e bem... não é tão antiga assim. Estamos falando de aproximadamente 500 anos, no máximo. Praticamente todas as partes da Grande Muralha foram construídas pela dinastia Ming, com os últimos retoques acontecendo por volta do século XVII.

O que havia sido construído por Qin, nada mais era do que grandes montes de terra. Grande parte disso já havia se desgastado quando Ming surgiu. Assim, eles começaram a trabalhar, construindo sobre o original para dar "vida" à muralha conhecida por nós hoje em dia.

4 - Ela não funcionou para um de seus propósitos

Quando se constrói um muro com mais 7 mil km, o mínimo que você espera é que ele impeça invasores de entrar. Porém, a Grande Muralha não conseguiu fazê-lo. Um bom modo de ilustrar isso foi o que aconteceu com os guerreiros mongóis. Eles não apenas invadiram e ocuparam toda a China, como usaram a Muralha como sua própria linha de defesa. Assim, eles puderam proteger outras caravanas mongóis e comerciantes de contra-ataques chineses.

5 - Ela não cobre a fronteira norte da China

Apesar da noção romantizada do tamanho da Grande Muralha, a verdade é que ela não chega nem perto de cobrir a fronteira norte da China. Isso porque esse país asiático é enorme. A Grande Muralha da China termina oficialmente na Passagem de Jiayu, na província de Gansu. Como podemos perceber na imagem acima, a Passagem de Jiayu não fica nem perto da fronteira ocidental da China.

6 - Ela não é a primeira e nem a única Grande Muralha da China

Durante uma escavação na província de Shandong, em 2011, o arqueólogo Guy Feinman, se deparou com algo incrível. Ele e sua equipe encontraram uma antiga muralha de terra batida de aproximadamente 4 metros de altura e cobria várias centenas de quilômetros. Essa muralha foi construída há cerca de 300 anos de sua irmã mais famosa. E ela não é a única.

Durante o período dos Reinos Combatentes (475-221 a.C.), diversos reinos dispares que compunham a China construíram gigantescas muralhas para manter seus vizinhos longe. Claro, o diferencial é que a Grande Muralha é maior que todas as outras construídas anteriormente.

7 - Ela não vai durar para sempre

Depois de sobreviver por mais de 2 mil anos, passar por terremotos, inundações, guerras civis e catástrofes, é comum que pensemos que algo assim durará para sempre. Mas, na verdade, o que pouca gente sabe é que quase um terço da muralha já desmoronou completamente devido a todas essas coisas citadas anteriormente. Isso representa cerca de 2 mil quilômetros do maior patrimônio mundial.

Segundo a Great Wall of China Society, apenas 8,2% do muro restante está em boas condições. 74,1 % da muralha está tão mal preservada que ninguém iria querer estar por perto no caso de um terremoto. Isso sem falar nos inúmeros turistas que roubam tijolos ou deixam grafites na Grande Muralha.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.


Próxima Matéria
Via   Grunge  
Imagens GuiaGeo MiniLua
avatar Jesus Galvão
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest