icone menu logo logo-fatosnerd.png


7 coisas que você não sabia sobre os Hobbits

POR Gabriela Tyemi EM Fatos Nerd 01/11/17 às 14h18

capa do post 7 coisas que você não sabia sobre os Hobbits

Há quem diga que os hobbits são apenas criaturas que saíram da cabeça de J. R. R. Tolkien, mas será que esses seres pequenos de pés peludos nunca existiram? Conhecidos pelas obras O Hobbit e O Senhor dos Anéis do autor, os hobbits possuem costumes bastante diferentes, que nem todos os apaixonados pelas histórias do Tolkien conhecem. O calendário dessas criaturas é completamente diferente da nossa, e nas festas de aniversário, o anfitrião presenteia os seus convidados.

Está curioso para saber mais sobre os hobbits? Então veja algumas curiosidades que você provavelmente não sabia sobre essas criaturas:

1 - Eles têm seis refeições ao dia

Compreensivelmente, existem certas diferenças entre os romances de Tolkien e a adaptação de Peter Jackson, mas algumas verdades permanecem universais. O fato dos hobbits comerem um número impressionante de refeições por dia é indiscutível. Tolkien explica as refeições desses pequenos: "comem e bebem com frequência... seis refeições por dia (quando eles conseguem adquiri-las)".

2 - Existe mais de um tipo de hobbit

Os hobbits originalmente eram do Vale do Anduin, entre a Floresta das Trevas e as Montanhas Nebulosas. Nessa época, existia três tipos diferentes de hobbit. Os Pés-Peludos eram os mais numerosos. Eles se assemelham aos fazendeiros sedentários, conforme descrito em O Hobbit. O segundo mais numeroso foram os Grados. Estes tinham uma afinidade pela água e seu estilo de vida girava em torno de barcos, natação e pesca. Eles moravam nos Campos Gladden - Déagol e Sméagol são descendentes deles. E por fim, os Cascalvas eram poucos, mas também os mais aventureiros dos hobbits. Eles moravam na floresta sob as Montanhas Nebulosas. Frodo, Pippin e Merry tiveram sangue Cascalva através de seu antepassado comum, o infame Velho Túk, que pode explicar suas tendências mais ousadas.

3 - Esqueletos de hobbits já foram encontrados

Em 2003, foram descobertos esqueletos de humanos pequenos na Indonésia. Estes Homo floresiensis foram apelidados de "hobbits" devido à altura de 1 metro. Com quase 18 mil anos de idade, é difícil saber algo sobre esses companheiros. Os cientistas acreditam que os Homo floresiensis podem representar uma das primeiras formas humanas, mas ainda há debate sobre onde os "hobbits" se encaixam nessa árvore evolutiva. Eles parecem ter desaparecido antes ou quase na época da existência dos humanos modernos.

4 - Eles podem roubar

Apesar de ter popularizado os estereótipos dos Elfos e dos Anões, não foi o Tolkien que os inventou. Por outro lado, os heróis de pé cabeludo, de fato, são inteiramente a criação do autor. Foi Tolkien que escreveu pela primeira vez sobre a criatura hobbit, sendo marca registrada da empresa Middle-Earth Enterprises. Por esse motivo, os jogos populares de role-playing baseados em fantasia, como Dungeons & Dragons, usam o termo halfling para essas raças menores, alegres e acolhedoras com uma propensão ao roubo que, é claro, não é uma característica dos hobbits de Tolkien. O jogo D&D original dos anos 70 usou o termo Hobbit para essas criaturas obviamente inspiradas no autor, mas elas mudaram por razões legais.

5 - Eles não têm pés grandes

Os hobbits têm entre 0,6 e 1,2 m de altura. Eles possuem cabelos castanhos encaracolados, orelhas pontudas, e a maioria não têm barba. Eles costumam se vestir com cores vivas, especificamente tons de terra, verde e amarelo. E outra característica, são os pés com muitos pelos e solas duras, o que significa que quase nunca usam sapatos. Curiosamente, os hobbits continuam sendo representados com pés grandes nas adaptações. Embora isso seja algo que o Tolkien descreveu como um traço distintivo do clã Pés-Soberbos, não é uma característica que o autor especificou para todos os hobbits. A prevalência de pés grandes, é mais influenciada pelas ilustrações dos Irmãos Hildebrandt e nos filmes de Peter Jackson. Os pés de Hobbit são peludos, mas não necessariamente grandes.

6 - Eles vivem mais que os homens

Hobbits são considerados "parentes" da raça humana. Eles foram criados para serem uma espécie humana, e é por isso que os moradores de Bree utilizam os termos coloquiais "pessoa pequena" e "pessoa grande" para mostrar sua ascendência comum. Mas, a maioria dos hobbits vivem mais do que os homens, a vida útil média de um hobbit é de cerca de 100 anos. Aos 33 anos, um hobbit seria considerado um adulto e, portanto, com 50 anos eles atingem a meia-idade. Bilbo Bolseiro e o Velho Túk, são descritos até a idade de 130 anos ou mais.

7 - Calendário estranho e costumes de aniversário

Dos seus hábitos alimentares aos seus costumes de aniversário, os hobbits são incrivelmente únicos. Todo ano começa no sábado e termina na sexta-feira. Cada um dos doze meses possui, precisamente, trinta dias. O calendário dos hobbits tem datas especiais que não estão presentes em nenhum mês - Yule 1 (Véspera de Ano Novo) e Yule 2 (Dia de Ano Novo) e Meio do Verão dos dias Lithe. Os aniversários também são muito importantes para os hobbits. É esperado que um hobbit promova uma festa na véspera do seu aniversário, oferecendo presentes para os convidados. E os convidados também dariam presentes ao anfitrião, mas eles seriam entregues pessoalmente antes dessa data, nunca no dia.

Interessante, não? Deixe nos comentários as curiosidades que você não conhecia sobre os hobbits e compartilhe a matéria.


Próxima Matéria
avatar Gabriela Tyemi
Gabriela Tyemi
Não tenho coisas preferidas.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest