• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 coisas que você não sabia sobre Thomas Edison

POR Toni Nascimento    EM Curiosidades      28/03/19 às 16h33

Você consegue responder de forma simples a seguinte pergunta: quem foi Thomas Edison? Não era para ser complexo, uma vez que essa figura histórica é de grande importância para o mundo. A resposta é complexa porque é difícil defini-lo em apenas uma coisa. Ele era um ilustre vendedor, um empresário sem nenhum outro igual, mas acima de tudo ele sempre foi, e sempre será, lembrado como um dos maiores inventores que o planeta Terra já viu. Apesar de suas diversas invenções, talvez a mais marcante tenha sido a lâmpada incandescente.

Nascido em 11 de fevereiro de 1847, ele registou mais de mil patentes em seu nome. Mas  isso não é surpreendente quando olhamos de perto um pouco mais da história desse inventor. Thomas Edison sempre estudou por conta própria e sua experiência como autodidata foi muito importante para torná-lo um dos maiores inventores e empreendedores da história dos Estados Unidos. Seus inventos foram tão relevantes que muitos são usados até hoje, mesmo mais de 100 anos depois. Quer descobrir mais algumas curiosidades sobre Thomas Edison? A Fatos Desconhecidos te conta.

1 - Origem

Thomas Edison nasceu em 11 de fevereiro de 1847, em uma casa de classe média da pequena cidade de Milan, em Ohio, EUA. Hoje, o local é um museu que mostra um pouco da vida do inventor. Quando pequeno, ele chegou a ser expulso da escola pelo diretor que afirmou que o pequeno tinha dificuldade de aprendizado e falta de interesse. Acontece que ele era um gênio, com dificuldades de se encaixar em um padrão e em meio aos demais. Sua mãe entendeu isso, e então ele foi educado em casa, num processo de home schooling que mais tarde o tornou autodidata.

2 - Surdez

Quando era adolescente, Thomas Edison ficou parcialmente surdo, porém, ninguém sabe exatamente o motivo. Algumas lendas apontam que foi pelo tanto de puxões da orelha que levou de sua mãe. Mas o pouco que se sabe da verdade, é que ele tinha problemas e doenças que afetavam a sua audição desde quando era criança. Outra teoria é a de que ele levou muitas pancadas de alguns chefes bem estressados.

3 - Quase veio para o Brasil

Quando tinha 15 anos de idade, Thomas Edison trabalhava como telegrafista, além de publicar notícias em um pequeno jornal de sua autoria com as novidades da Guerra de Recessão Americana. Após um caso onde quase incendiou um trem, foi expulso do vagão, e resolveu ser telegrafista no Brasil. Chegou até o navio, mas com o atraso, desistiu da ideia. Assim acabou abandonando dois amigos, que acabaram morrendo de febre amarela em nossas terras tupiniquins.

4 - Lâmpada incandescente

Thomas Edison não é o inventor da lâmpada, porém, foi o responsável por torná-la viável para comercialização. Ele desenvolveu a lâmpada incandescente, que apesar de não ser mais tão popular hoje em dia, ainda é usada em muitos lugares. O protótipo, aceso no dia 21 de outubro de 1879, brilhou 45 horas seguidas. Em 1882, ele criou um processo de distribuição de energia para iluminar a grande Nova York, o que o deixou milionário.

5 - General Electric

Atualmente, a General Electric Company é uma multinacional de serviços e energia. A empresa foi fundada em 1892, pela fusão da companhia energética de Thomas Edison (Edison General Electric) com a Thompson-Houston Company. A fundação da nova empresa foi importante para o inventor, já que ele conseguiu obter direitos sobre várias patentes de concorrentes.

6 - Medalha Edison

A Medalha Edison IEEE, concedida pelo Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos, homenageia uma carreira de realizações meritórias em ciências elétricas, engenharia elétrica ou artes elétricas. Ela foi criada em 1904, por amigos e admiradores de Thomas Edison. Quatro anos mais tarde, o Instituto Americano de Engenheiros Elétricos (American Institute of Electric Engineers) determinou o prêmio como sua maior condecoração. Ironicamente, Nikola Tesla, um dos maiores rivais de Edison, recebeu o prêmio em 1917.

7 - Queda

Em 18 de outubro de 1931, Thomas Edison morreu em casa devido à complicações com a diabetes. Seu corpo foi enterrado atrás da casa, que fica em Glenmont, em Nova Jérsei , EUA. Uma lenda afirma que o inventor deu o seu último suspiro em um tubo de ensaio no Museu Henry Ford, em Michigan. O responsável pela instituição - o próprio Henry Ford - teria convencido Charles Edison, um dos filhos de Thomas, a selar o tubo com o ar na sala onde o inventor morreu, como uma forma de recordação.

E aí, o que você achou dessas curiosidades? Comenta aqui com a gente e compartilha nas suas redes sociais. Para você que é grato a Thomas Edison pela lâmpada, aquele abraço.

Próxima Matéria
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+