• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 conspirações reais muito melhores que teorias da conspiração

POR Maria Ritha Paixão    EM Curiosidades      30/04/19 às 15h06

Essa matéria é para os loucos por teorias e ficções de conspiração. Melhor do que emergir pelo mundo da imaginação e ler histórias, é conhecer os fatos desconhecidos e reais. O envolvimento de algumas pessoas, unidas para conspirar contra alguém, é algo instigante. O jogo de poder e a necessidade de procurar provas e explicar acontecimentos faz mais do que parte do nosso dia a dia e da nossa História.

Muitos acontecimentos estudados, ou que continuamos a ouvir hoje em dia, podem ter por trás mistérios inimagináveis. Quem nunca ouviu falar de Júlio César? O ditador é um dos exemplos mais conhecidos a ter enfrentado um terrível desfecho ao ser traído por 60 de seus governadores. Juntos, eles conspiraram e mataram o imperador, deixando uma enorme marca na história mundial. Confira outros exemplos.

1 - Conspiração do Harém

Um complô armado para matar o Faraó Ramsés III foi documentado durante o Novo Império. A conspiração se trata da rainha Tiye que, com o auxílio de cúmplices, planejou a morte do rei. Muitos anos se passaram e os registro não contaram por completo o fim da trama. A incógnita permaneceu até que arqueogeólogos descobriram, por meio de tomografias, que o rei havia sido assassinado com uma facada na garganta. Os rastros da violência se tornaram mais nítidos para os pesquisadores depois da primeira descoberta e deram a confirmação da traição sofrida pelo governador.

2 - Projeto MK Ultra

A CIA é responsável por uma pesquisa doentia com seres humanos. A fim de quebrar ações comunistas e de descobrir como reter espiões comunistas, o programa clandestino realizou experiências cruéis com prostitutas e viciados. Doses de LSD, choques elétricos, seções de hipnose e uso de mescalina foram algumas das escolhas feitas. A pesquisa veio a público depois da Lei de Liberdade de Informação, responsável por publicar 20 mil documentos, em 1977, sobre a ação.

3 - Os meninos roubados 

O ocorrido, passado na Espanha, é consequência de uma guerra civil. No período de 1936 a 1975, mais de 30 mil crianças foram retiradas de seus pais. Comunistas e republicanos foram brutalmente assassinados pelas tropas do General Franco. Milhares e milhares de famílias foram destruídas pelo único e exclusivo ideal: exterminar a inferioridade racial. As crianças roubadas eram criadas por generais e muitas nunca descobriram que foram tiradas à força do seio de suas famílias.

4 - Os assassinos originais

Uma seita chamada Hashashin era altamente organizada e elaborada para ter sua existência paralela ao mundo. O Estado clandestino se conduzia por espionagem, manipulações, diplomacias e até assassinatos políticos executados totalmente sem horário, às vezes em plena luz do dia. Tudo isso para simplesmente passar a mensagem do terror.

5 - A Conspiração da Pólvora

O governo de Jaime I não agradou muito a população. Para acabar totalmente com a Câmara dos Lordes, os conspiradores planejaram explodir tudo no dia da cerimônia de abertura do parlamento. Infelizmente, a trama foi descoberta e o rei foi alertado do ataque. Guy Fawkes foi pego com 36 barris de pólvora no subsolo, além de estar usando sua emblemática máscara.

6 -  A morte de Júlio César

A morte de Júlio César é um caso inesquecível para Roma. A conspiração contra o general é uma das maiores da história da humanidade. Proclamado "ditador vitalício", este despertou o medo da instauração da tirania. O ódio pelo governador foi tão grande que 60 senadores participaram do ataque violento. Cada homem presente deu 23 facadas em Júlio César. Apesar da unanimidade negativa entre os políticos, o povo não aceitou o assassinato e o resultado acabou em guerra civil. Eis o fim da república romana.

7 - Medidas Ativas

As "Medidas Ativas" tinham a intenção de desestabilizar governos ocidentais. O documentos vazados mostraram ações extremas criadas contra os EUA, como o reforço nas tensões raciais, a possível criação do vírus da AIDS em laboratório, cartas de ódio escritas para militantes, além de  algumas das várias mentiras espalhadas para afetar a nação.

Próxima Matéria
Maria Ritha Paixão
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+