• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 crueldades mais ''criativas'' dos maiores ditadores da História

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      08/12/19 às 17h32

Ditador era o título de um magistrado da Roma Antiga, apontado pelo senado romano, para governar o Estado em tempo de emergências. No sentido moderno, refere-se a um governante absolutista ou autocrático, que assume solitariamente o poder sobre o Estado. Todo mundo conhece alguns ditadores cruéis da história, certo?

Os feitos de alguns deles também são conhecidos através da história. É de se prever que as pessoas que têm poder absoluto, acabem exagerando em algumas coisas e adquirindo alguns hobbies bizarros. Os ditadores podem ter causado várias mortes, mas eles também já fizeram outras crueldades mais "criativas". Mostramos algumas delas aqui.

1 - Josef Stalin

Stalin foi o líder da União Soviética, entre 1922 e 1953. Seus feitos foram realmente macabros e ele teve várias mortes em suas mãos. E todo nível diabólico do ditador o deixou sobrecarregado e precisando de um hobby. Para relaxar, Stalin escrevia legendas atrevidas em artes famosas.

Por exemplo a obra de Vasily Surikov e Valentin Serov, pintores russos famosos do século XIX, foi vandalizada por Stalin e tem até sua assinatura. As legendas, que o ditador colocava nas obras de arte, eram juvenis, mas mostravam seu compromisso com o comunismo. Como por exemplo, em uma foto que tem um homem nu de costas e ele escreveu "você precisa trabalhar e não se masturbar".

2 - Nicolae Ceausescu

O presidente romeno é bastante peculiar. E assim como a maioria dos governantes que não dá a mínima para os seus compatriotas, Ceausescu tinha bastante medo de ser derrubado ou assassinado. Por causa disso, ele começou a ficar obcecado por sua própria segurança.

Ceausescu se preocupava com a possibilidade de ser envenenado, por osmose. por substâncias colocadas em sua roupa. Por essa razão, ele começou a usar uma roupa diferente a cada dia e queimar suas roupas e sapatos depois de um dia de uso. A equipe de Ceausescu tinha um estoque para 365 dias de ternos e sapatos, sempre à disposição selados hermeticamente fechados e armazenados, em um lugar climatizado.

3 - Than Shwe

O ex-presidente de Mianmar tomou uma medida que não agradou ninguém a não ser ele próprio. Quando se é um ditador do mal, geralmente, se é ainda sonhador. A capital de Mianmar era Rangoon, que era a maior cidade do país e tinha um centro comercial grande.

Até o dia seis de novembro de 2005, isso funcionou. Mas exatamente às 6:37 horas da manhã, Shwe arrancou a capital e a mudou para um lugar na selva, a 300 quilômetros de distância. A explicação para isso é que Rangoon ficou muito lotada. E muitos acreditam que Shwe estava temendo uma invasão pela proximidade à costa.

4 - Robert Mugabe

O autocrata do Zimbábue está dando um animal de zoológico, mesmo se a pessoa quiser ou não. Quando se é um ditador cruel, o seu grupo de amigos é bastante pequeno. E por isso, é bom se manter uma boa relação dando presentes. Por isso, Mugabe fez um gesto barato, ele reuniu um monte de animais, de um parque nacional, e os enviou para seus amigos.

Mugabe enviou elefantes e rinocerontes para a Coreia do Norte. Mas os animais morreram alguns meses depois.

5 -  Enver Hoxha

Ele era o ditador da Albânia e entre suas ideias estava a proibição de barbas e máquinas de escrever. Além disso, Hoxha também proibiu todos os programas de televisão ocidentais, para que o povo do país não visse outras realidades e se dessem conta de que a vida deles era deprimente.

Os únicos filmes que podiam passar eram aqueles do comediante britânico, Norman Wisdom. Ele via os personagens, feitos por Wisdom, como conflitos com a elite social, como uma declaração contra o capitalismo.

6 - Fidel Castro

O mais próximo que a CIA chegou de matar Fidel Castro foi envenenar um milk-shake do ditador. Mas Fidel gostava muito das coisas relacionadas ao leite. Em 1964, ele tentou impor seu camembert cubano a um diplomata francês.

Mas Fidel não conseguiu ter o domínio total do queijo. Então, ele decidiu que produziria mais variedades de sorvete do que os Estados Unidos. E vendo que isso precisava de leite de qualidade, ele começou a revolucionar a indústria de laticínios cubana. Ele tentou cruzar vacas nativas com Holstein.

7 - Mariano Melgarejo

Esse general tomou o poder da Bolívia, em 1864, e perdeu depois de uns meses, mas depois o recuperou novamente. E não depois de muito tempo, os vizinhos do país viram que, por causa da insanidade de Malgarejo, o país estava em disputa.

Os chilenos o encheram de presentes e Melgarejo nomeou um chileno como ministro. Os brasileiros presentearam o general com um garanhão branco. Melgarejo ficou surpreso que pegou um mapa da Bolívia e colocou um de seus cascos e deu aos brasileiros toda área, que estava coberta por ele.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+