icone menu


7 curiosidades sobre as tribos mais isoladas do mundo

POR Diogo Quiareli    EM Mundo Afora      31/10/18 às 16h29
capa do post 7 curiosidades sobre as tribos mais isoladas do mundo

É difícil acreditar que nos dias de hoje, com o Smartphone em alta, realidade virtual ganhando força e a internet para todos (ou quase), ainda há tribos isoladas. A origem do nosso povo ainda mantém parte dos seus sem o conhecimento do mundo moderno. Nosso mundo é tão vasto que, de fato, existem comunidades que vivem em lugares remotos e ainda dependem da caça para sobreviver. Vivem em cabanas de palha e mantêm pouco contato com o mundo externo. Esses povos são conhecidos por muitos como "os não contatados" e vale muito a pena começar a conhecer mais sobre essas sociedades.

Foi pensando nisso que resolvemos trazer essa matéria sobre. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou para você, caro leitor, algumas curiosidades sobre as tribos mais isoladas do mundo. Se você souber alguma outra, brasileira ou não, que não listamos aqui, manda pra gente aí embaixo nos comentários. Aproveite para compartilhar com seus amigos desde já e, sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 - Tribos do Alto rio Envira

Algumas tribos isoladas sabem dos pertences do mundo externo, como ferramentas de metal, aviões e coisas do tipo. Sendo assim, alguns aldeões costumam sair para roubar os pertences de homens fora de sua convivência. Eles costumam roubar roupas, produtos de cozinha, panelas e ferramentas como machados e facões. Muitas vezes, os membros dessas tribos alvejam aldeões indígenas que possuem contato com o mundo externo e são vulneráveis. Alguns aldeões costumam ser tolerantes com esses ataques, chegando a chamar de "colheita" em vez de "roubo".

2 - Desconfiança das tribos venezuelanas

Segundo o Wired, nos anos 1980 e início dos anos 1990, garimpeiros exterminaram completamente um grande grupo de pessoas que viviam isoladas no sul da Venezuela. Isso em busca de suas terras para exploração. No Peru, madeireiros são autorizados a colher de qualquer forma as florestas, vivendo índios nas terras ou não. Algumas famílias já foram convidadas a se mudar de suas áreas perigosas, mas preferem se alimentar de aranhas e bananas do que de um bom pedaço de pizza, isso porque não confiam nas pessoas que vivem fora de suas realidades. Essa desconfiança se dá por causa do passado sangrento.

3 - Fuga para a sociedade

Por outro lado, alguns membros de tribos isoladas começaram a migrar para cidades. Isso porque o desmatamento está fazendo com que seus alimentos e demais recursos diminuam cada vez mais. O primeiro contato dessas pessoas costuma ser com membros do governo, depois com cidadãos comuns e turistas. Essas pessoas saem das tribos em busca de comida ou bens que os ajudem a sobreviver.

4 - "Te odiamos, mas amamos suas coisas"

A maioria das pessoas não contatadas não vive uma vida totalmente primitiva. Algumas dessas tribos já contam com panelas de alumínio e até mesmo com facões. Eles pegam isso em outras aldeias, o que é bastante comum na Amazônia, por exemplo. Eles ainda buscam em antigos naufrágios, como é o caso de um grupo isolado chamado Sentinelese, que vive em ilhas remotas no Oceano Índico. Uma coisa é fato: eles odeiam a civilização externa, mas amam o que podem oferecer em termos de material.

5 - "Saia, mas deixe as panelas"

A ilha de Sentinela do Norte fica a 22 milhas do conjunto de terra habitada mais próxima. Eles não suportam o contato com pessoas de fora. Em 1867, os nativos atacaram um bando de marinheiros naufragados e, em 1896, eles mataram um condenado que escapou e teve o azar de parar na ilha. Em 1974, uma equipe de filmagem resolveu pisar na ilha com alguns antropólogos. Foram recebidos com flechas e voltaram de lá com vida, mas sem suas panelas. Isso porque, segundo informações, habitantes da ilha acham esse objeto extremamente incrível.

6 - Acusações falsas

Em 2007, o presidente do Peru disse que as tribos isoladas eram formadas por ambientalistas, tentando impedir a exploração de algumas áreas. Ele e muitas pessoas não acreditam que possam existir populações isoladas do mundo que conhecemos hoje. Um executivo de petróleo chegou a afirmar que essas tribos não existiam, porque ninguém tinha visto uma, mesmo com diversos registros a respeito.

7 - Canibalismo

Segundo o Smithsonian, na Papua Nova Guiné, existem ainda pessoas que praticam o canibalismo. Alguns clãs de Korowai ainda não mantiveram contato com pessoas de fora e costumam comer carne do seu próprio povo. Eles não entendem de vírus e bactérias, então quando uma pessoa adoece, a culpa é de "khakhua". Essa seria uma bruxa que invade o corpo humano e leva a vida. O canibalismo acontece porque as pessoas acreditam que um doente é na verdade um khakhua disfarçado. Esse mataria de dentro para fora, ou seja, eles comem de fora para dentro para ser uma espécie de "olho por olho". Os corpos costumam ser cozidos em folhas de bananeira e servidos para grupos inteiros.

E aí, o que você achou dessa lista? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Ei Fatos, não deixe de conferir:

A câmera das meninas desaparecidas revela fotos arrepiantes e sem explicação

Próxima Matéria
Via   Grunge  
Imagens Laparola
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.

Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+