• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 curiosidades sobre Odin, o chefe supremo de Asgard

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      06/02/19 às 14h46

A mitologia nórdica, em toda sua essência, é bastante fascinante, com todos os seus reinos e deuses. Com origem nos países da Escandinávia, ela se espalhou muito antes do surgimento dos vikings, por volta dos séculos 8 e 9. E antes do cristianismo se popularizar no norte da Alemanha e da Islândia, as crenças nórdicas tiveram grande influência sob as populações daquela região, e seu impacto é refletido até os dias de hoje.

Alguns dos seus deuses são bastante populares e muitos deles você provavelmente já ouviu falar, principalmente Thor, o deus do trovão, que é o mais conhecido entre eles. Mas e Odin, o deus supremo, governante de Asgard, e guardião dos nove reinos da mitologia nórdica? O que você sabe sobre ele? Hoje vamos reunir algumas curiosidades sobre essa figura que era o deus mais poderoso, conhecido como o pai de todos.

1 - Aparência

Odin é o mais poderoso entre os deuses nórdicos, porém a sua aparência e fisionomia, como são descritas, eram bastante simples, e longe de mostrar toda a sua grandiosidade. Nos mitos, sua descrição não é muito clara, justamente por ele usar vários disfarces. No entanto, ele é retratado como um homem velho, alto, robusto, com longas barbas brancas e cego de um dos olhos. Além disso, ele sempre aparece vestido como um simples peregrino.

2 - Deus da sabedoria

Odin sacrificou um olho em busca por sabedoria. Certa vez, ele desceu até as profundezas da Terra, e chegou à fonte de Mimir ou Poço de Mimir. Mimir era um dos deuses mais antigos, que surgiu nos primórdios do mundo, e era considerado o mais sábio entre os deuses. E toda sua sabedoria era advinda da fonte. Odin então foi autorizado a beber da água do poço, porém, em troca, deveria dar um de seus olhos, e assim o fez. Deste modo, Odin ganhou a sabedoria de Mimir e se tornou o mais sábio de todo os deuses.

3 - Poderes

Odin tem o poder de ver tudo o que acontece nos nove mundos, mas não satisfeito, ele ficou com inveja do conhecimento que tinha na árvore Yggdrassill. Então, ele mesmo se feriu com uma lança e se pendurou por nove dias nos galhos desta árvore. Após o nono dia, ele finalmente compreendeu o segredo das runas, e com isso adquiriu várias habilidades. Como poder da cura, habilidade de se libertar de qualquer dificuldade, desviar flechas encaminhadas a ele, acalmar os ventos, ondas, e tempestades, ele também podia transformar qualquer guerreiro em invencível,  assumir qualquer aparência, seja jovem, adulto ou velho.

4 - Família

Odin é neto de Buri, o primeiro Aesir, e filho do meio-deus Bor, e da meia-gigante Bestla. Ele tem dois irmãos, Vili e Vé, e juntos eles criaram o mundo na mitologia nórdica. Odin era casado com a deusa Frigga, a rainha dos deuses. E mesmo casado, Odin teve várias amantes. Do seu casamento com Frigga, vieram três filhos: Balder, Hodr, e Hermodr. Porém, alguns mitólogos sugerem que eles tiveram outros filhos. E fora do casamento, Odin teve outros filhos bastardos: Thor, Bragi, Vali, Vidar e outros não mencionados com clareza.

5 - Os corvos de Odin

Huginn que significa o pensamento, e Muninn, a memória, são os corvos de Odin que todas as manhãs são enviados para trazer as notícias dos mundos. Todas as noites eles retornam e sussurram a Odin tudo o que viram e ouviram. Quando não estão explorando os mundos, os dois corvos sentam-se ao lado de Odin em seu trono em Asgard.

6 - Dia de Odin

O símbolo de Odin é representado pela cruz solar, e sua festa principal era o Solstício de Inverno, onde os povos em busca de favores de Odin, sacrificavam animais, geralmente machos e seres humanos como oferenda para o deus. Os povos antigos tinham o costume de dedicar um dia da semana para cada deus nórdico, o de Odin era o Wotan, e que acabou por entrar na língua inglesa como "Wednesday", ou seja, quarta-feira.

7 - A morte de Odin

Na mitologia nórdica, havia a profecia do Ragnarok, que seria o fim do mundo e renovação, algo parecido com um apocalipse. Pela profecia, Odin vivenciaria o seu confronto final, onde enfrentaria o gigante lobo Fenrir, filho de Loki. Odin e os outros deuses poderiam ter matado o grande lobo, porém, os deuses não gostavam de desafiar o destino, e pouparam a vida do lobo. Com a chegada do Ragnarok, o lobo Fenrir se libertou das amarras e foi em busca de Odin para o confronto final, em uma batalha terrível. Nesta, inclusive, ele acaba por matar Odin, o rei dos deuses.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+