• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 doenças mais assustadoras da história da humanidade

POR PH Mota    EM Ciência e Tecnologia      17/01/17 às 14h44

Ser afetados por doenças é extremamente comum e todo mundo é afetado por várias delas ao longo da vida. Apesar disso, algumas delas são mais comuns e outras são mais raras e assustadores, por serem mais desconhecidas e difíceis de tratar.

Podendo ser o resultado de heranças genéticas ou contaminação por vírus ou mesmo métodos desconhecidos, as doenças listadas aqui são um mistério não só para os pacientes, mas também para os médicos e especialistas que dedicam a vida a tentar compreendê-las ou curá-las.

Aqui estão algumas das doenças mais misteriosas e assustadores que a ciência conhece.

1 - Febre hemorrágica de Marburg

1

A febre só foi diagnosticada pela primeira vez em 1967, depois que um surto atingiu grande parte da Alemanha e da antiga Iugoslávia. Causada de forma extremamente semelhante ao Ebola, a doença foi percebida em macacos vindos da África para pesquisas sobre poliomelite. A doença possui menos de mil casos notificados - a maioria deles na África Central - e possui sintomas comuns em seus estágios iniciais, mas pode causar sangramento na boca e no reto ou problemas neurológicos, em estágios mais avançados. Como a febre é rara, ainda não existe muita informação a respeito da doença, mas transplantes de plasma tem apresentado eficácia em alguns casos. Apesar disso, a taxa de mortalidade pode variar de 23% a 90%, um espectro muito grande que a torna ameaçadora e inesperada.

2 - Síndrome complexa de dor regional

a caucasian young woman with brown and blond streaked hair wearing a jean jacket is screaming with eyes closed and hands raised near her face

A síndrome trata-se de uma doença crônica que se manifesta por meio de uma sensação de queimação extremamente dolorosa no corpo do paciente, além de alterações nos ossos e na pele que provocam sensibilidade ao toque. A síndrome complexa de dor regional, ou SCDR, é uma das doenças mais raras do mundo e está acima do parto e da amputação no Índice de Dor McGill, criado no início da década de 70. Especialistas acreditam que a SCDR seja desencadeada por algum trauma na região atingida, apesar de ser somente uma suposição, pois a doença não tem explicação.

3 - Capsulite adesiva

3

A doença também é chamada por alguns especialistas e pacientes de "ombro congelado", porque provoca dor e rigidez tão intensas no ombro atingido que ele torna praticamente imóvel. Não existe uma causa conhecida que seja responsável pela doença, as lesões ou cirurgias na área, assim como diabete, são apontados como fatores de risco em alguns casos. A doença atinge somente cerca de 2% da população de todo o mundo, mas pode ser considerada a mais popular das listadas aqui. A mobilidade do ombro pode demorar até um ano para ser reconquistada, mesmo com medicação e tratamento frequente.

4 - Diarreia de Brainerd

4

Como o próprio nome já sugere, a doença é uma espécie de diarreia em uma forma extremamente grave. Seu nome vem da cidade em que foi descoberta pela primeira vez, Brainerd, em Minnesota. Os pacientes afetados podem sofrer com cerca de 10 a 20 episódios de diarreia intensa e explosiva por dia e a doença pode durar meses ou até mesmo um ano. Praticamente todos os surtos registrados até hoje foram percebidos nos Estados Unidos, tendo havido oito desde 1983. Como as causas precisas da doença ainda são desconhecidas, não existem tratamentos ou métodos de prevenção considerados eficazes.

5 - Anemia falciforme

5

A anemia falciforme é resultado de uma anomalia do sangue que faz com que as hemácias (glóbulos vermelhos) adquiram uma forma de meia-lua ou foice. A condição genética também faz com que falte células suficientes no sangue para fazer o transporte de oxigênio pelo corpo. Os sintomas podem variar de paciente para paciente, mas os mais comuns são cansaço extremo e dores crônicas. Por conta dos avanços médicos, ela não é tão fatal como já foi, permitindo a vida longa sob a condição, mas ainda não há cura.

6 - Maldição de Ondine

6

Nas mitologias alemã e francesa, Ondine era uma ninfa que tinha um amante mortal que jurou que provaria o seu amor por meio de cada uma se suas respirações. Por conta disso, depois que ele traiu a ninfa, foi amaldiçoado com a parada respiratória. A história inspirou o nome da doença conhecida como hipoventilação alveolar primária, que faz com que os pacientes precisem se lembrar de respirar, pois a respiração não é controlada automaticamente pelo sistema nervoso. Para dormir, os afetados pela condição precisam ser ligados a respiradores artificiais e máscaras.

7 - Adipose dolorosa

7

A palavra adiposa, do nome da condição, indica que ela tem uma ligação direta com a gordura corporal. Também chamada de Doença de Dercum, é causada pela formação de tumores - nomeados lipomas - ao longo de toda a extensão do torso. A doença é comum entre mulheres obesas que possuem entre 35 e 50 anos de idade. A doença não tem cura e pode ser causada por componentes genéticos, segundo algumas suspeitas. Apesar de ser misteriosa, a doença tem sido tratada com sucesso por meio de técnicas de lipoaspiração.

Bônus: Síndrome Riley-Day

1170

O problema se trata de uma mutação no gene IKBKAP do cromossomo 9, que de forma geral, afeta o sistema nervoso autônomo, prejudicando o funcionamento dos neurônios sensoriais, responsáveis por "alertar" as pessoas de que algo não está bem por meio da dor. Por causa disso, quem sofre com a doença está muito mais exposto a acidentes e tende a morrer bem jovem, antes dos 30 anos de idade. Além da incapacidade de sentir dores, há outros sintomas característicos da doença, como crescimento lento, incapacidade de produzir lágrimas, dificuldade em se alimentar, episódios prolongados de vômitos, convulsões, transtornos do sono, deficiência no paladar, escoliose e hipertensão, só para citar alguns

Qual das doenças você achou mais aterrorizante? Conte para a gente nos comentários.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+