icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 doenças que definitivamente levam às piores mortes possíveis

POR Isabela Araujo EM Curiosidades 16/07/18 às 15h08

capa do post 7 doenças que definitivamente levam às piores mortes possíveis

Todos nós corremos riscos de adquirir alguma doença. Algumas enfermidades acontecem de forma muito natural. Basta entrarmos em contato com algum vírus ou alguma pessoa infectada. É fato que a medicina vem progredindo a cada dia. Diversas inovações são descobertas e ajudam na cura das doenças.

Entretanto, nem todas as doenças possuem tratamento ou quando esse existe, nem sempre é tão eficaz. Existem doenças altamente mortais e provocam sintomas terríveis nas vítimas, causando suas mortes. Confira essas 7 doenças que levam seus enfermos aos piores fins.

1 - Febre hemorrágica de Marburg

A febre hemorrágica de Marburg é uma das doenças mais terríveis do mundo. Ela é transmitida pelo sangue, líquidos biológicos, secreções e tecido humano ou animal infectado. Infelizmente, não existe tratamento específico contra a doença, o que a torna fatal em grande número de casos. O último surto foi registrado em 2005.
Os principais sintomas são febre, calafrios, cefaleia e mialgia. Podem ocorrer também náuseas, vômitos, dor torácica ou abdominal. No caso mais agudo da doença, a pessoa infectada pode ter pancreatite, icterícia, delírio e até falência múltipla de órgãos.

2 - AIDS

A AIDS, transmitida através de relações sexuais desprotegidas ou pelo contato sanguíneo direto, é causada pelo HIV, um vírus que ataca o sistema imunológico da pessoa e a deixa extremamente vulnerável. O tratamento da doença evoluiu bastante, embora a AIDS ainda resulte em muitas mortes. Os sintomas incluem indisposição e fadiga. Desde 1981, foram 25 milhões de morte em decorrência da enfermidade.

3 -  Ebola


O ebola é um dos vírus mais perigosos que existem. Esse não possui classificação e é capaz de provocar a doença em humanos e em animais como macacos, gorilas e chimpanzés. É possível contrair Ebola através do contato direto (sangue, saliva, sêmen, vômito, urina ou fezes) com os fluidos corporais de um humano ou animal infectado. Os sintomas da doença incluem febre, dor de cabeça, garganta inflamada, dor articular e fraqueza. A doença inicia-se com a multiplicação do agente nas células do fígado, baço, pulmão e tecido linfático, causando danos significativos e hemorragias.

4 - Noma

Outra doença conhecida como uma das piores doenças do mundo, a Noma pode matar mais de 80% das pessoas infectadas. A doença deixa marcas horríveis em seus sobreviventes. Trata-se de uma infecção gangrenosa que ataca o rosto das pessoas, fazendo com que pele e a carne sumam da face. Também conhecida como cancrum oris, a doença ataca pessoas com desnutrição ou que tenham o sistema imunológico muito debilitado. Seu tratamento é paliativo. O principal remédio utilizado para combater as bactérias da doença é a penicilina.

5 - Doença cerebrovascular

A doença cerebrovascular corta o oxigênio e nutrientes vitais do corpo. Ela é capaz de matar 6 milhões de pessoas por ano, deixando até 5 milhões permanentemente incapacitadas.A morte causada por essa doença é bastante agonizante. Imagina ter cerca de 32 mil células do seu cérebro destruídas? Como se não bastasse, o rosto e os membros ficam totalmente dormentes. O paciente deve procurar tratamento imediatamente após o derrame. As pessoas que sobrevivem muitas vezes ficam cegas ou mudas. Nos piores casos, podem ficar mentalmente intactos ou paralisados dos pés à cabeça.

6 - Peste bubônica

No século 14, a peste bubônica matou 50 milhões de pessoas. Entretanto, na última década, foram identificados 20.000 casos da doença em diferentes lugares do mundo, incluindo no continente americano. A transmissão se dá pela mordida de uma pulga. A bactéria entra na corrente sanguínea da pessoa e se multiplica nos linfonodos, causando bubões - bolhas inflamadas que produzem dor agonizante. Pacientes infectados vomitam sangue e têm convulsões. Um dos piores sintomas é a necrose. Infelizmente a doença não possui tratamento e cerca de 60% das pessoas que a contraem não sobrevivem.

7 - A neuralgia do trigêmeo

Conhecida como a "doença suicida", é um grave problema que atinge um dos nervos cranianos. Quem sofre com essa doença sente dores indescritíveis, que podem ser desencadeadas pelos mais variados motivos como rir, falar e até mexer a cabeça.


Próxima Matéria
avatar Isabela Araujo
Isabela Araujo
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest