icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 drogas utilizadas por civilizações antigas

POR Jesus Galvão EM Curiosidades 15/10/18 às 15h51

capa do post 7 drogas utilizadas por civilizações antigas

Aparentemente, os seres humanos sempre estiveram envolvidos com algum tipo de droga. Registros apontam o uso de algumas substâncias há cerca de 2700 anos atrás, como é o caso da cannabis. Muitas civilizações antigas usavam as drogas tanto para fins recreativos, quanto religiosos e medicinais.

De folhas de coca ao ópio, a nossa relação com as drogas vem de muito antes de as considerarmos prejudiciais e tornarmos seu uso tão conflituoso quanto hoje em dia. Pensando nisso, hoje trouxemos alguns exemplos de drogas e substancias que eram utilizadas por nossos antepassados e você provavelmente não sabia. Confira!

1 - Lótus azul

A planta era usada pelos egípcios que buscavam a sensação de excitação. Alguns consideram a Lótus azul como uma variante fraca do MDMA. Algumas tribos indígenas ainda a usam e garantem que ela proporciona um sono agradável e tranquilo. Ela pode ser usada em uma espécie de infusão com álcool ou chá.

2  - Gases de Pítia

A sacerdotisa Pítia, que era um oráculo em Delfos, na Grécia, usava uma espécie de gás sempre que desejava entrar em transe para interpretar profecias. Cientistas tentaram compreender do que se tratava esses tais gases, mas nunca chegaram a uma conclusão unânime. Entretanto, alguns acreditam que esses gases incluam metano, etileno e benzeno.

3 - "pio

Antes de seu uso como uma droga recreativa, o ópio era utilizado para fins medicinais, no alívio da dor, para ajudar as pessoas a dormirem e até mesmo contra a diarreia. Na China do século XVI, as pessoas o usavam para melhorar seu desempenho sexual. Acredita-se que os sumérios tenham cultivado o ópio pela primeira vez em 3400 a.C.

4 - Psilocibina

A Psilocibina aparentemente foi cultivada pela primeira vez entre 9000 e 7000 a.C., na Argélia. Na América do Sul, entre 1000 e 500 a.C., as pessoas usavam a substância para atingirem estados de transe religioso e ela tinha um status sagrado dentro de algumas culturas.

5 -  Meimendro

Essa planta é bem difícil de encontrar e está quase entrando em extinção. Ela foi amplamente usada em antigas civilizações, com finalidades médicas. Entretanto, uma vez que suas sementes eram fermentadas, elas ganhavam propriedades "tóxicas" e produziam um efeito similar ao que acontece com a cerveja. Seu uso acarretava em sono e danificava a visão, além de envenenar.

6 - Folhas de coca

Os maias usavam as folhas da coca em infusões e chás, as transformando em uma poderosa droga estimulante. As folhas de coca são uma das drogas mais fortes do mundo. Entretanto, elas também eram utilizadas com finalidades medicinais. 100 gramas da substância contêm vitaminas, cálcio, fósforo e ferro. Entretanto, as possibilidades de uma overdose são bem altas.

7 - Noz de areca

Evidências provam que a noz de areca era usada há cerca de 13 mil anos na Ilha de Timor, na Austrália. As pessoas que mastigam a noz têm a sensação de calor, o que deixa os usuários num estado de vigília, como o que experimentamos depois de algumas xícaras de café. A saliva das pessoas, com o tempo, começa a ficar vermelha, como se elas estivessem sangrando.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.


Próxima Matéria
avatar Jesus Galvão
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest