• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 empregos que poderão ser dizimados até 2026

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      19/08/19 às 17h21

Não restam dúvidas de que a tecnologia e a globalização tem grande impacto na nossa vida. E quando falamos isso, estamos falando sobre todos os aspectos, desde as relações interpessoais até a economia e a força do trabalho. Tudo isso vem mudando, diariamente, em todos os lugares do mundo e as projeções futuras, decorrentes dessas mudanças pode não ser tão favoráveis para alguns empregos.

Em projeções, feitas até 2026, apontam que a força do trabalho será muito diferente da que vemos hoje em dia, e muitos empregos poderão ter uma baixa considerável, e até mesmo desaparecer nos próximos anos.

De dois em dois anos, o Baureau of Labor Statistics divulga as suas projeções de como o emprego, em diversas ocupações e indústrias, mudará na próxima década. As projeções mais recentes mostram alguns dos empregos, que mais terão declínios, ao longo dessa década. Confira a seguir, 7 empregos que podem desaparecer até 2026.

1 - Fabricantes de metais devem diminuir em 15,3%

Esses profissionais trabalham com a fabricação de metais, instalação, posicionamento e alinhamento dessas estruturas, além de serem responsáveis pela solda, em materiais de metal estrutural. Essa queda, no número de pessoas trabalhando nessa função, está diretamente ligada ao uso de máquinas fazendo esse mesmo serviço.

2 - Operadores de máquinas de corte têxteis devem diminuir 15,8%

A indústria têxtil também será bastante afetada por essas mudanças. O número de funcionários contratados, apenas para operar máquinas de corte, deve cair quase 16% em uma década.

3 - Lenhadores poderão diminuir 16,2%

Os lenhadores também serão bastante afetados, de acordo com essas projeções. Esses profissionais usam machados ou motosserras para derrubar árvores, mas não somente. Eles ainda usam conhecimentos específicos para minimizar os danos à árvore, de acordo com as técnicas de corte. E o número de pessoas, fazendo isso, diminuirá mais de 15 por cento.

4 - Operadores de máquinas de costura terão uma queda prevista em 16,7%

Essas pessoas trabalham operando máquinas de costura industrial, basicamente unindo, reforçando ou decorando detalhes de costura, que precisam ser feitos manualmente, em produtos de vestuário ou não. Será uma queda considerável de funcionários para esse trabalho.

5 - Secretários executivos e assistentes administrativos devem diminuir 17,4%

As projeções não apontam um futuro favorável para os profissionais que oferecem suporte administrativo. Secretários e assistentes trabalham realizando pesquisas, organizando relatórios estatísticos, processando solicitações de informações, além de gerenciar correspondências e muitas outras funções. Hoje, pode parecer um mercado promissor, mas não parece ser uma tendência para o futuro.

6 - Operadores de central telefônica devem diminuir 19,9%

Esses profissionais trabalham gerenciando equipamentos de telefonia de sistemas de negócios ou painéis, retransmitindo chamadas de entrada e saída entre empresas. Em suma, podendo fornecer informações aos solicitantes e gravando mensagens. Em alguns anos, esses empregos diminuíram em quase 20%.

7 - Operadores de telemarketing devem diminuir 22,6%

Operadores de telemarketing trabalham prestando informações e negociações, via telefone, com clientes de diversos ramos. Em sínteses, eles podem trabalhar com vendas, serviço de atendimento ao cliente, cobranças, suporte e chamadas de emergência. Esse será um dos empregos com maiores quedas nos próximos anos, de acordo com essas projeções.

E você, o que achou dessas projeções? Isso te impactará de alguma forma? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+