• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 fatos que você não sabia sobre Paul Walker

POR Mateus Graff    EM Entretenimento      26/09/18 às 15h04

Paul William Walker IV, muito conhecido por ter interpretado Brian O'Conner no filme Velozes e Furiosos. Bom, além dessa franquia, ele também estrelou os filmes Resgate Abaixo de Zero, Anjo de Vidro, Mergulho Radical e Perseguição - A Estrada da Morte. Infelizmente Walker nos deixou no ano de 2013, quando morreu em um trágico e irônico acidente de carro.

Bom, nós resolvemos trazer alguns fatos da vida desse grande ator que marcou a adolescência de muita gente, inclusive de muitos dos nossos leitores. Vocês verão que Walker era muito mais que um ator. Então confiram agora a nossa matéria com os 7 fatos que você não sabia sobre Paul Walker:

1 - Começo de carreira

Paul Walker era muito conhecido por ter estrelado no filme Velozes e Furiosos. Bom, mas esse não foi o começo da carreira de Walker. Quando era apenas um bebê, ele começou sua carreira em um comercial de fraldas, provando que seu sucesso já estava traçado. Depois, com dois anos de idade, ele se tornou modelo e com apenas 12 anos já participava de seriados como "O Toque de um Anjo" e "Who's the Boss?".

2 - Ele odiava se ver nas telas

Como o cara fazia muito sucesso desde pequeno, é de se esperar que ele gostasse de se ver estrelando nos filmes, certo? Errado. Na verdade, ele só assistia as premieres, mas nunca assistia seus filmes novamente.

3 - Formação acadêmica

Walker não era apenas ator, ela também era um entusiasta da vida marinha. Depois de frequentar faculdades na área no sul da Califórnia, ele se formou com especialização em Biologia Marinha em uma faculdade comunitária. Uma das suas inspirações era o biólogo marinho Jacques-Yves Cousteau.

4 - Nadando com tubarões

Colocando seus conhecimentos em prática, Walker foi membro do conselho da Billfish Foundation. Ele trabalhou na Expedition Great Whit e para a National Geographic, passando 11 dias com uma tripulação dentro do mar e ajudando a capturar sete grandes tubarões brancos na costa do México.

5 - Bom de roda

Se você acha que Walker se dava bem no volante apenas no filme Velozes e Furiosos, caro leitor, sabia que você está redondamente enganado. Na verdade ele era um entusiasta de carros e chegou a competir em uma série corridas norte-americana chamada Redline Team Attack. Ele corria pelo AE Performance Team e usava uma BMW M3 E92.

6 - Bom de porrada

Você não gostaria de mexer com Walker. O cara tinha uma faixa marrom no Jiu-Jitsu e estava um passo da faixa-preta. Na época de sua morte, Walker estava treinando na Academia Paragon na Califórnia sob instrução de Ricardo "Franjinha" Miller.

7 - A morte foi culpa da mecânica do carro ou irresponsabilidade do motorista?

Quando Walker morreu, tanto o pai quanto a filha de Walker, além da esposa do seu amigo e do motorista que estava no carro, entraram na justiça contra a Porsche. Eles alegaram que o carro tinha defeitos mecânicos e que caso estivesse tudo nos conformes, o carro talvez não teria explodido após a colisão.

Porém, depois de algumas investigações, verificou-se que no momento do acidente o carro estava entre 101 Km/h e 110 Km/h. Depois de mais análises os investigadores chegaram a conclusão de que a velocidade era mais elevada, chegando a 151 Km/h. A investigação conduzida pelo Departamento de Polícia do Condado de Los Angeles e pela Polícia Rodoviária da Califórnia concluiu que foi a velocidade arriscada a causa do acidente, e não problemas mecânicos.

E aí, já sabia todos esses fatos sobre a vida de Paul Walker? Comenta aqui pra gente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+