icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 fatos terríveis sobre aviões

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      14/04/20 às 15h08
capa do post 7 fatos terríveis sobre aviões

Viajar de avião para muitos é um sonho e quem já viajou, sabe o quão confortável e prática essa experiência pode ser. As distâncias parecem menores e o tempo que se leva para chegar ao destino final, é muito mais rápido, do que em qualquer outro meio de transporte.

A invenção desse meio de transporte pode ser meio confusa para os americanos, que insistem em dizer que seu invento pertence aos irmãos Wright. Mas sabemos que quem inventou o avião foi Santos Dummont. Várias pessoas têm medo de viajar de avião, ainda que ele seja considerado um dos meios de transporte mais seguros do mundo. Mesmo assim, isso não o isenta de ter coisas aterrorizantes. Mostramos aqui alguns fatos terríveis sobre aviões.

1 - Não existe assento mais seguro

É claro que são poucos, mas acidentes de avião acontecem. E eles são diferentes entre si, por isso não existe um lugar mais seguro para se sentar em um avião para se prevenir de um acidente. O lugar mais seguro é calculado depois que o acidente já aconteceu.

Mas para testar em 2012, pesquisadores usaram um Boeing 747 cheio de manequins dec olisão e fez um pouso de emergência no deserto do México. O que eles viram foi que as pessoas mais a frente do avião estariam em piores lugares. Isso porque no pouso o cockpit ficou destroçado e alguns assentos foram arremessados. E uma análise, feita em 2015, pela revista Times, descobriu que os assentos do meio e perto da parte de trás do avião teriam menores taxas de mortalidade.

2 - Banheiro não é o lugar mais sujo

Provavelmente, a maioria das pessoas tende a achar que o banheiro é o lugar mais sujo, praticamente, de todos os lugares. Mas nos aviões isso não é uma verdade. Um estudo de 2015 feito pela TravelMath descobriu, que mesmo que as descargas, tivessem 265 unidades formadoras de bactéria (UFC) por centímetro quadrado, existiam outros lugares piores.

As bandejas de encosto dos bancos eram lugares com 2.155 UFC por centímetro quadrado. É um número oito vezes maior de bactérias do que as encontradas nas descargas do banheiro. Provavelmente esse lugar é mais sujo por suas limitações de limpeza. Geralmente a tripulação tira o lixo, mas  não esteriliza as bandejas.

3 - Pilotos, às vezes, dormem

A pesquisa, feita pela European Cockpit, em 2012, analisou seis mil pilotos em um barômetro de fadiga. No resultado, três em cada cinco pilotos na Suécia e Noruega admitiram ter feito erros por causa da fadiga. E na Alemanha esse número foi de quatro em cada cinco.

O mais alarmante disso foi que 40% dos pilotos britânicos confessaram ter dormido enquanto estavam comandando a aeronave. E um terço deles também admitiram ter seu copiloto na mesmo situação. É permitido que os pilotos durmam. Mas pelo menos um tem que ficar acordado.

4 - Voo com apenas um motor

Os voos transoceânicos costumam ser feitos por aviões que tem três ou quatro motores. Mas os jatos multimotores estão sendo substituídos por aviões de dois motores com uma eficácia maior no combustível.

Com os avanços da engenharia, é menos provável que aconteça uma falha de motor. E mesmo que ela aconteça, os jatos conseguem decolar e pousar com apenas um motor. Mesmo que os dois motores falhem, o avião pode planar, perfeitamente, enquanto passar ar sobre suas asas.

5 - Cobertor pode não ser novo

Em viagens mais longas, as companhias aéreas podem dar aos passageiros cobertores. Eles veem embalados em um plástico, mas isso não quer dizer que eles são novos. Jornalistas investigativos do Wall Street Journal fizeram uma pesquisa e descobriram que a maioria dos cobertores é lavada uma vez a cada cinco ou 30 dias. Além disso, eles são reutilizados pelos passageiros entre as lavagens.

6 - Apenas 90 segundos para sair de um avião em chamas

Pensar que você se envolverá em um acidente de avião é uma coisa bem ruim, Mas é sempre bom estar preparado e saber o que fazer. E no caso de um avião em chamas a Administração Federal de Aviação obriga que a aeronave seja evacuada em  um minuto e trinta segundos.

O motivo desse tempo é porque é exatamente o tempo que leva para o fogo engolir e se espalhar pela cabine de um avião.

7 - Máscara de oxigênio dura entre 12 e 20 minutos

As famosas máscaras de oxigênio que sempre são faladas nos avisos antes da decolagem tem a duração de no máximo 20 minutos. Por sorte, essa é a duração suficiente para que o piloto guie o abião para uma altitude onde não é preciso o uso adicional da máscara para respirar.


Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Listverse
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest