• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 fotos normais que escondem assassinatos chocantes

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      29/05/20 às 15h27

A fotografia é, de fato, uma das melhores invenções de todos os tempos. Graças aos registros feitos por câmeras, podemos manter vivas fisicamente algumas memórias por vários e vários anos. Por causa desse invento, hoje, compreendemos melhor o nosso passado e podemos analisar a grande evolução científica com o passar dos anos.

E como diz o ditado, uma imagem vale mais que mil palavras. É certo que as fotos guardam os momentos, mas elas refletem apenas aquilo que quem a tirou queria mostrar. Mas tudo na vida é uma questão de perspectiva e as coisas podem mudar em questão de segundos. As fotos que vamos mostrar parecem ser normais olhando pela primeira vez, mas quando se sabe os assassinatos que elas escondem é bem diferente. Mostramos aqui algumas dessas fotos.

1 - Última foto de Jolee Callan

Essa é uma das fotos mais assustadoras da internet. Nela vemos a jovem de 18 anos fazendo uma pausa enquanto fazia uma caminhada pelo Cheaha State Park, no Alabama, em agosto de 2015.

Jolee foi convencida a fazer a caminhada pelo ex-namorado Loren Bunner mesmo eles já estando separados fazia uns meses. Na caminhada, Bunner atirou na parte de trás da cabeça de Jolee e a jogou de cima de um penhasco. Voltando para casa Bunner ligou para a emergência para confessar seu crime e esperou a polícia para ser preso. O ex-namorado tinha 18 anos na época e foi sentenciado a 52 anos de prisão.

2 - Corpo na mala

Sarah Funk é uma youtuber com mais de 100 mil inscritos que gostam de acompanhar as viagens que ela faz pelo mundo. Quando ele stava em Mitsero Red Lake, em Chipre, junto com seu namorado da época ela tirou uma foto que acabou mostrando mais que uma bela paisagem.

O lago tem uma cor avermelhada que é causada pelos níveis de ácido na água. Na foto da youtuber podemos vê-la agachada e também uma mala flutuando. O namorado dela até brincou que era com uma mala num lago que os episódios de assassinatos começavam.

Dois anos depois, o capitão do exército Nicos Metaxas confessou ter assassinado cinco mulheres e duas crianças. Ele disse que os corpos estavam em malas no lago vermelho e que uma delas não tinha sido recuperada. E Sarah ficou muito chocada quando viu que tinha registrado uma delas em foto. "Isso é terrível e estou arrasada pelas famílias da vítima", escreveu.

3 - Mergulho mortal

Essa foi tirada em outubro de 2003 na Grande Barreira de Corais. Mas o que o fotógrafo não sabia é que o registro seria uma foto de uma cena de crime. Depois de 11 dias de casados, Gabe e Tina Watson mergulharam para ver um naufrágio popular da região. A mulher entrou em pânico e tentou pegar a máscara de oxigênio do marido. Mas ele não a ajudou e ficou vendo o corpo dela descer até o fundo do mar.

"Deve ter ficado claro para o acusado se ele a deixasse, ela certamente morreria. É quase inexplicável que ele tomaria a decisão de deixá-la. O tribunal também soube que foi Gabe, um mergulhador experiente, que desligou o tanque de oxigênio de sua esposa. O corpo sem vida de Tina pode ser visto no fundo desta foto", disse o promotor Brendan Campbell ao tribunal.

4 - Selfie com um assassino

Em 2001, o jovem de 17 anos, Tyler Hadley convidou seus amigos para uma festa em sua casa na Flórida. Ele tirou uma selfie e seus amigos estavam bebendo  e se divertindo sem saber que no andar de cima os pais de Hadley estavam mortos em seu quarto. Blake e Mary Jo Hadley foram espancados até a morte pelo filho com um martelo.

Por volta da uma da manhã, Tyler estava bêbado e confessou para um amigo ter matado os pais. Quando o amigo não acreditou ele disse: "Não estou mentindo para você. Se você olhar atentamente, poderá ver sinais".

Um amigo de Tyler disse que provavelmente o motivo era a pressão externa que o jovem estava sofrendo principalmente pelos seus pais. "Seus pais nunca o deixavam ser ele mesmo e honestamente, acho que eles causaram tudo o que aconteceu. Seus pais sempre esperavam que ele fosse outra pessoa que ele não era e isso não está certo. Qualquer coisa que Tyler fizesse, ele estaria errado por isso", disse. Atualmente Tyler está cumprindo sua pena  atrás das grades.

5 - Tragédia de encontro

Essa foto é a última tirada por Sydney Loofe antes de ser morta no seu encontro do Tinder em novembro de 2017. A família da jovem sabia que algo não estava certo quando eles não tiveram notícias da jovem por quatro dias.

O encontro foi marcado com Bailey Boswell, de 25 anos, que era o perfil falso de Aubrey Trail, de 52 anos. A polícia suspeitou de Trail e Boswell quando os dois perfis ´postaram vídeos no Facebook alegando inocência antes mesmo da polícia encontrar o corpo de Sydney.

O corpo da jovem foi encontrado e levado para o necrotério em seis sacos porque seu corpo tinha sido cortado em 14 pedaços. E  Trail afirmou que Sydney tinha morrido acidentalmente em uma asfixia sexual e ele tirou os órgãos dela porque entrou em pânico.

6 - Assassinato do dia dos namorados

Nessa foto tirada em 1971, Jesse McBane, de 19 anos, e sua namorada, Patricia Mann, de 20 anos posaram antes de sair para a Dança dos Namorados no Watts Hospital em Durham, na Carolina do Norte.

O casal saiu do baile cedo, mas não voltaram para casa. Uma equipe de busca foi formada para achar o casal e encontraram o carro de McBane estacionado em uma estrada conhecida como "Lovers Lane". No dia 25 de fevereiro, em uma floresta perto, um homem encontrou o que ele pensava ser a perna de um manequim. Mas quando ele olhou de perto viu os corpos do casal deitados um do lado do outro.

Os dois foram amarrados em uma árvore e os corpos mostravam sinais de tortura. E a corda foi usada para estrangulá-los. E o caso é conhecido como o assassinato do dia dos namorados.

7 - Melhor amiga do inferno

Em março de 2015, as melhores amigas Cheyenne Antoine, à esquerda, e Brittney Gargol, que tinha 18 anos na época, tiraram uma foto antes de saírem para uma noite em Saskatoon, no Canadá. Britney não voltou para casa e Cheyenne disse que tinha deixado sua amiga com um homem desconhecido porque elas tinha brigado.

Cheyenne também tinha deixado recado no Facebook da amiga dizendo: "Onde você está? Ainda não ouvi falar de você. Espero que você tenha chegado em casa". Depois de um tempo os investigadores viram que o recado de Cheyenne era apenas para despistá-los.

O cinto que Cheyenne está usando na foto foi encontrado no corpo de Britney, que tinha sido achado na beira da estrada. Uma testemunha disse que Cheyenne tinha admitido sufocar a amiga até a morte enquanto estava bêbada.

"Eu nunca vou me perdoar. Nada do que digo ou faço a trará de volta. Sinto muito, muito mesmo. Isso nunca deveria ter acontecido", disse Cheyenne no tribunal.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Listverse
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+