icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 grandes mudanças que quase aconteceram em filmes da Disney

POR Jesus Galvão EM Curiosidades 17/08/18 às 18h29

capa do post 7 grandes mudanças que quase aconteceram em filmes da Disney

Os filmes e animações da Disney se tornaram um grande fenômeno mundial. Eles são responsáveis pela produção de alguns dos personagens mais amados da cultura popular. E para muitas pessoas, são uma conexão eterna com a infância.

No entanto, o que muita gente não sabe é que ao longo da produção de diversos filmes, as histórias e os próprios personagens, acabaram enfrentando mudanças severas em seus enredos originais até chegarem a versão final apresentada nas telas dos cinemas.

Aqui na Fatos Desconhecidos já escrevemos sobre os 7 filmes da Disney que foram um verdadeiro fracasso e sobre esses 9 filmes famosos ilustrados como se fossem animações da Disney. Hoje, listamos algumas mudanças que ocorreram nos roteiros de filmes famosos da companhia de Walt Disney. Confira!

1 - Elsa quase foi vilã em Frozen

Num lado mais sombrio, e aparentemente o mais próximo do conto em que a animação Frozen foi inspirado, Elsa seria uma vilã de coração duro e frio. Anna e Elsa, na verdade nem seriam irmãs. No entanto, conforme a produção da história foi avançando, a personagem foi ficando cada vez mais simpática, os escritores decidiram então torná-la uma das protagonistas do filme.

2 - Woody seria o 'carinha' mal em Toy Story

Em Toy Story, Woody é bondoso e leal. Porém, na versão original da história, a personagem podia seguir um enredo mais cruel e obscuro. Ele claramente era o vilão de toda a trama, o que acabaria, por exemplo, mudando a icônica cena onde Buzz Lightyear cai acidentalmente da janela para um corte em que ele é atirado de lá por Woody. A bondade de Woody só chegou em último momento, com a reescrita do roteiro após um quase cancelamento da produção.

3 - Muito mais do que apenas anões

Nos primeiros estágios da produção de Branca de Neve e os Sete Anões, diversas mudanças foram feitas no roteiro. Na história original, os anões não possuíam nomes específicos e estavam mais em segundo plano na trama. Posteriormente 5  dos nomes foram escolhidos em uma votação deixando Atchim e Dunga para um outro momento. Dunga, inclusive, teria algumas falas mas foi transformado em um personagem mudo para adicionar um toque de sensibilidade e comédia à produção.

4 - Ariel poderia ter sido a primeira princesa da Disney

O filme lançado em 1989 se tornou rapidamente um grande sucesso comercial nos cinemas, e, segundo rumores, teria inclusive salvado a Disney. No entanto, a história já era cogitada para ser produzida nos anos 1930. Mas os produtores, naquela época, afirmaram não saberem como lidar com o final agridoce do conto original, deixando a produção de lado. No futuro, quando finalmente o projeto saiu do papel, os novos produtores apenas mudaram o final da trama para que ela se encaixasse no filme.

5 - 'Enrolados' seria algo mais parecido com Shrek

Uma versão do filme os Enrolados ficou na geladeira da Disney por quase uma década antes de finalmente sair do papel. Devido ao grande sucesso de Shrek nos cinemas, o filme seria uma interpretação da história de Rapunzel por um olhar inédito, e com uma abordagem mais moderna, com pessoas da vida moderna presas à história e até mesmo interpretando a protagonista e seu príncipe. No entanto a história não se desenvolveu e uma abordam mais "Disney" foi escolhida para o filme.

6 - Os animais falariam em Pocahontas

Na história original, Pocahontas teria um amigo peru, o qual possuía falas no roteiro. Assim como os demais animais da trama. No entanto, devido ao surpreendente sucesso de A Bela e a Fera nos cinemas e em razão da opinião da crítica, eles optaram por uma abordagem mais dramática e menos caricata para o enredo.

7 - O estilo de Hades foi puro improviso

O personagem Hades, em Hércules, estava destinado a ser o grande vilão de toda trama. Sua conduta era bem aproximada dos mitos gregos, e sua projeção dentro da história seria de um personagem mais frio, lento e sombrio. No entanto, uma interpretação do ator James Woods fez com que os produtores imediatamente mudassem tudo o que eles haviam concebido para Hades.

Eles gostaram tanto do estilo dinâmico e acelerado introduzido pelo autor que reescreveram falas e improvisaram diálogos para que eles pudessem se encaixar na nova abordagem. Os animadores contaram que foi um verdadeiro desafio conseguir manter o pique de Woods.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixe nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.


Próxima Matéria
avatar Jesus Galvão
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest