• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 guerreiros vikings mais brutais da História

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      08/11/19 às 13h25

Os vikings são conhecidos por serem os guerreiros mais ferozes que já existiram. Se pesquisar em histórias nórdicas, vai entender bem do que estamos falando. Eles eram fortes e destemidos, e tudo o que mais gostavam era de uma boa batalha. Isso porque, segundo a mitologia nórdica, apenas os guerreiros, que morrem bravamente em combate, são dignos de adentrar os portões de Valhalla. Então, desde muito pequenos, os vikings eram treinados para serem os guerreiros mais brutais. Aqueles que colocariam medo em qualquer homem que cruzasse o seu caminho.

Então, há sim uma boa razão para que os navios vikings arrepiassem até o último fio de cabelo dos moradores de regiões costeiras. Isso porque eles eram sinônimo de más notícias. Quando eles não estavam invadindo terras, saqueando e exigindo tributos para não invadir e roubar, os guerreiros vikings lutavam entre si. São tantos vikings durões renomados, que é impossível listar todos os mais ferozes. Mas aqui, reunimos alguns que, com certeza, assustaram, e muito, aqueles que os conheceram. Confira a seguir, 7 guerreiros vikings mais brutais da História.

1 - Eric Bloodaxe

Com dez anos de idade, Eric já participava das viagens dos vikings, para invadir as costas do Báltico e da Europa. Como filho do rei da Noruega, ele tinha muitos irmãos, que disputariam o trono do pai, o que não foi um problema, já que Eric assassinou todos os seus irmãos. Por isso, o apelido "Bloodaxe". De acordo com as sagas nórdicas, Eric foi expulso do seu país, depois de matar os irmãos. Algum tempo depois, ele se estabeleceu na Nortúmbria e se tornou rei. Por ser um reino muito disputado, Eric foi morto em batalha.

2 - Freydis Eriksdottir

Filha de Erik, O Vermelho, e meia-irmã de Leif Eriksson, Freydis recebeu o seu manto de princesa guerreira viking e se tornou uma shield maiden. Ela perseguiu alguns navios hostis de Vinland sozinha, portando apenas uma espada enquanto estava grávida. Assim como a maioria dos guerreiros vikings, Freydis também era exploradora. E junto ao seu marido, ela liderou a quarta expedição a Vinland. Lá, ela decidiu que queria mais do que a sua parte de direito, e então, disse ao seu marido que eles a traíram. Assim, ela exigiu que eles fossem mortos. O seu marido assim o fez, mas se recusou a matar suas esposas e filhos, então, ela mesmo pegou um machado e terminou o serviço.

3 - Harald Hardrada

Harald Hardrada começou a lutar em guerras em 1030, quando tinha 15 anos, para apoiar o seu meio-irmão, na época, o rei da Noruega. Eles perderam a guerra, e então, Hardrada fugiu para Kiev, onde viveu os próximos 15 anos. Ele retornou à Noruega em 1046, e assumiu o trono, ficando conhecido como "Hardrada" ou "governante rígido", tanto pelo seu domínio, quanto por sua sede de guerra. Ele morreu com uma flecha na garganta, na Batalha de Stamford Bridge, em York, na Inglaterra.

4 - Bjorn Ironside

Se você já assistiu a série de televisão Vikings, conhece esse nome. Bjorn é o filho mais velho de um dos maiores guerreiros que já existiu, Ragnar Lothbrok. Bjorn passou a maior parte da sua vida explorando e invadindo territórios. Ele e sua frota saquearam a costa da França, Espanha, Sicília, África e Itália. Além disso, ele era um guerreiro destemido. Além de ser também muito esperto.

Em uma cidade italiana, a sua tropa não conseguia romper os muros, então, ele se fingiu de morto e pediu para que seus homens pedissem aos padres da cidade, que os enterrassem em terras sagradas. Quando seu caixão foi levado para a igreja, Bjorn abriu caminho até os portões da cidade e os abriu para que seus guerreiros pudessem invadir. Sua última batalha foi a do Estreito de Gibraltar, onde perdeu 40 dos seus navios. Depois disso, ele voltou para a Escandinávia e passou o resto dos seus dias vivendo da riqueza que conquistou invadindo outras terras.

5 - Erik, O Vermelho

Matar era como um hábito para Erik, que chegou a ser exilado na Noruega por assassinato. Depois, ele matou dois vizinhos e foi expulso novamente. Quando se estabeleceu na Islândia, novamente, ele matou vários homens e também foi expulso por um período de três anos. Obviamente, reinos já estabelecidos não podiam lidar com Erik, então, ele navegou para o oeste, e se encontrou na Groenlândia. Ele voltou à Islândia e recrutou cerca de 500 homens e mulheres para fundar uma colônia na Groenlândia. Ele fundou um assentamento lá e se tornou o chefe. Lá, ele viveu pelo resto da vida. Ele teve 4 filhos, Freydis, e outros três, um dos quais se tornou o grande explorador Leif Eriksson.

6 - Ragnar Lothbrok

Ragnar Lothbrok foi um dos maiores guerreiros vikings que já existiu, famoso em várias sagas nórdicas. Sua bravura era notada desde criança. Quando tinha 15 anos, Ragnar destruiu uma infestação de cobras venenosas, para ganhar a mão de uma princesa. Ele se tornou um grande explorador, e passou a sua vida invadindo terras pelo mundo, principalmente na Europa. Em certo ponto, o rei francês Carlos, chegou a pagar a Ragnar para não saquear Paris. Ele acabou morto quando invadiu a Inglaterra, foi capturado pelo exército inglês e foi jogado em uma cova de víboras.

7 - Ivar, o Desossado

Ivar, filho de Ragnar, foi chamado de "o Desossado", por ter nascido com uma condição médica que causava fratura em suas pernas. Ou seja, ele não podia andar. Mas isso não o impediu de ser um grande guerreiro e um dos mais brutais que se tem notícia. Mesmo sem andar, ele não perdia uma boa luta. Armado com um escudo e um arco e flecha, ele participava bravamente das batalhas.

Ele e seu irmão lideraram centenas de navios rumo à Nortúmbria e à cidade de York. Depois de ocupar York, ele enfrentou o rei Aelle, aquele que mandou executar o pai de Ivar. Como vingança, Ivar ordenou que o rei fosse morto, pela tática brutal conhecida como "águia de sangue". A técnica consiste em esculpir uma água nas costas da vítima, cortando as costelas e arrancando os seus pulmões. Depois disso, Ivar tomou posse do reino de East Anglia. Depois de uma vida bem sucedida como rei guerreiro, Ivar voltou para Dublin e viveu o resto de seus dias lá.

Enfim, e você, já conhecia algum desses guerreiros vikings? Conta para a gente nos comentários e aproveite para compartilhar com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+