• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 histórias de pessoas que pediram para ir para a prisão

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      18/07/19 às 17h17

Ser preso deve ser uma das piores coisas da vida. Nós, que estamos do lado de fora, só imaginamos como deve ser a realidade dessas pessoas e tiramos de base o que vemos nos jornais e, talvez, em alguma série. Contudo, com certeza, a realidade deve ser muito pior do que a retratada ou mostrada. E a verdade é que nunca saberemos com certeza desde que vivamos essa experiência.

E a prisão é um dos lugares onde a maioria das pessoas não quer estar. Então é surpreendente vermos que existem pessoas que pediram para estarem lá. Alguns chegam até a cometer crimes para serem mandados para prisão. Mostramos aqui alguns desses casos em que as pessoas pediram para serem presas.

1 - Eric Torpy

Em 2005, Eric Torpy foi sentenciado a 30 anos de prisão por roubo e tentativa de homicídio pelo tribunal de Oklahoma. O homem pediu para o juiz colocar mais três anos em sua sentença porque ele queria que seu tempo de prisão fosse igual ao do jogador de basquete Larry Bird.

O juiz concordou com o homem e aumentou seu tempo de prisão. Mas depois de seis anos, Torpy se arrependeu de seu pedido. O homem deve ter sentido a realidade da prisão e não quis ficar nem um ano a mais do que o necessário. E disse que estava brincando em 2005, e ainda culpou o juiz por não se recusar a acrescentar mais anos. Ele ficará elegível para uma condicional em 2033.

2 - Lawrence John Ripple

Foi em 2017 que Lawrence John Ripple, de 70 anos, roubou um banco porque queria ir preso para ficar longe de sua esposa. O homem tinha brigado com sua mulher na mesma manhã que assaltou o banco. Ele ainda tinha deixado um bilhete para ela, dizendo que preferia estar na prisão do que em casa.

Ripple foi assaltar um banco na mesma rua da sede da polícia em Kansas City. E lá anunciou o assalto e disse que tinha uma arma e queria dinheiro. O caixa deu a ele três mil dólares e depois Ripple foi para o lobby do banco esperar a polícia chegar.

O homem foi condenado a 37 meses de prisão. Mas ele escapou de realmente ir, já que o juiz disse que ele tinha problemas de saúde mental. Ripple sofria com depressão e tinha feito uma cirurgia cardíaca dois anos antes. Ao invés da prisão, ele serviu 50 horas de serviço comunitário.

3 - James Verone

Esse homem roubou uma filial do Royal Bank of Canada, na Carolina do Norte, em 2011. Verone, de 59 anos, entrou no banco e deu ao caixa uma nota onde ele tinha escrito "isso é um assalto. Por favor, me dê apenas um dólar".

O caixa estava assustado e surpreso com o pedido, mas mesmo assim, deu o dinheiro a Verone. E assim como Ripple, o homem se sentou e esperou a polícia chegar no banco. Segundo as investigações, Verone cometeu o roubo para receber cuidados de saúde gratuitos. Ele tinha perdido o emprego e gastado todas suas economias com sua saúde. E o roubo ao banco foi o último recurso que ele pensou.

4 - Timothy Dean Alsip

Depois de dois anos que Verone (o citado do comentário acima) cometeu seu crime, Alsip o copiou para também conseguir cuidados médicos gratuitos na prisão. No dia 23 de agosto de 2013, Alsip foi até a agência do Bank of America, em Portland, e também passou uma bilhete exigindo apenas um dólar.

Nas investigações, foi visto que Alsip tentou conseguir ajuda médica antes de partir para o roubo. Ele tentou pedir ajuda à pessoas aleatórias e até ligou para emergência dizendo que tinha sido atropelado e que tivera uma overdose causada por drogas. Então, por fim, ele resolveu roubar o banco e foi acusado de furto em terceiro grau.

5 - Bradley Grimes

Esse homem tinha autismo, o que dificultava que ele arranjasse um trabalho. Então, ele ficou desabrigado e desempregado, andando nas ruas para sobreviver. A polícia de Middlesbrough emitiu uma nota de comportamento anti-social que o proibia de mendigar nas ruas, passear pelos negócios locais e dormir nas portas das lojas à noite.

O homem desafiou essa ordem algumas vezes e foi preso em duas ocasiões. Mas, em 2017, ele pediu ao juiz para mandá-lo para prisão para que ele tivesse uma cama quente para dormir à noite. O juiz atendeu o pedido de Grimes e quando ele completou sua sentença, ele recebeu um lar.

6 - Adolescente sem nome

Em 2013, um adolescente de 19 anos da Nova Zelândia pediu à polícia que o mandasse para a prisão porque ele já tinha jogado todos os seus jogos em seu X-box. Na época, o adolescente estava em prisão domiciliar por uma ofensa que não foi revelada.

Ele tinha sido sentenciado a 11 meses e passou 10 deles jogando videogame. Até que acabaram todos os jogos que ele tinha. Ao invés de comprar novos jogos ou jogar os que tinha novamente, ele pediu para a polícia o enviar para prisão. A polícia concordou e ele passou seu último mês atrás das grades.

7 - Homem sem nome de 35 anos

Em 2014, um homem de 35 anos, na Bavária, ligou para o número de emergência pensando numa forma mais fácil de entrar na prisão. Ele disse que tinha escapado da prisão por ter conseguido se livrar de um crime que tinha cometido. Mas ele tinha mudado de ideia e falou que queria ir para prisão.

O homem até ameaçou causar uma comoção em uma delegacia para ser levado para prisão. Como o telefonema não teve muito efeito, ele foi até uma delegacia em Krumbach, mas não causou uma cena. Ele apenas pediu para os policiais o prenderem. Mas os oficiais se recusaram.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+