icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 histórias tensas de autoamputação

POR Cristyele Oliveira EM Curiosidades 14/01/20 às 20h42

capa do post 7 histórias tensas de autoamputação

Nada que existe em nosso corpo, existe por acaso. Todos os membros e órgãos são necessários. Não é como se a gente pudesse abdicar de alguns por vontade própria. Às vezes, por problemas de saúde, as pessoas precisam de amputação para sobreviver, isso é normal e acontece mais do que gostaríamos. O ruim mesmo é quando as pessoas chegam à situações extremas, onde elas mesmas precisam fazer uma autoamputação. Imagina só, você mesmo cortar um membro do seu corpo, muitas vezes, sem nem anestesia? E tem vezes, que isso nem é uma necessidade real, as pessoas realizam tais feitos por motivos variados e bizarros. A realidade é que muita gente pode simplesmente fazer uma autoamputação, sem qualquer motivação de saúde.

Essa lista vai te mostrar alguns casos do tipo. O pior é que dependendo do caso, depois não tem nem como "consertar" o estrago causado. Não é como se a pessoa fosse morrer por isso, mas não deve ser nada se automutilar dessa forma. Confira a seguir, 7 histórias tensas de autoamputação.

1 - O homem que cortou a própria cabeça com uma serra elétrica

Krystof Azninski, um fazendeiro polonês, afirmou ser o homem mais macho da Europa e para provar isso cortou a própria cabeça. O caso aconteceu em 1995, o homem de 30 anos estava bebendo com uns amigos em um bar quando foi sugerido que eles se despissem e jogassem alguns "jogos masculinos". No começo eles estavam apenas batendo a cabeça em nabos congelados, mas um dos amigos resolveu aumentar a aposta e segurando uma serra elétrica cortou a ponta do pé. Para não ficar por baixo, Azninski pegou a serra elétrica e disse "observe isso então", e cortou a própria cabeça. Para os amigos, ele morreu como um "verdadeiro homem", mas outros diriam como um verdadeiro idiota.

2 - O egípcio que cortou o próprio pênis

Um homem egípcio, de 25 anos, cortou o próprio pênis, como uma forma de ofensa a sua família, depois de lhe ser recusada a permissão para se casar com uma garota de família pobre. Ele tentou, por dois anos, pedir ao seu pai que lhe autorizasse a se casar com a menina, mas sem sucesso. Então, o jovem esquentou uma faca e cortou o seu órgão reprodutor, para se "vingar" dos seus pais, mas parecia mais que ele estava se vingando de si mesmo.

3 - O homem que cortou o pênis por causa de uma aposta

Sob forte influência de álcool, um homem, de 30 anos, fez uma aposta um tanto quanto bizarra. Por 1 mil lats (US$ 1.800), ele teria que cortar o seu próprio pênis. Obviamente, ele não estava no seu melhor juízo, para brincar de apostar. O homem foi levado para um hospital em Riga, na Letônia, sangrando mundo. Ele chegou lá com seu pênis, em um saco plástico.

4 - O cachorro que comeu a própria perna, para escapar de uma armadilha

Sula era uma cachorrinha da raça collie border, que desapareceu de casa, e só voltou dez dias depois. Quando retornou, os donos da cadela perceberam o que ela tinha sofrido já que uma das pernas estava gravemente ferida. A cachorra foi levada ao veterinário, que amputou a sua perna podre. Ele explicou aos donos, que animais em situações de desespero, quando pegos em uma armadilha por exemplo, vão morder uma perna para escapar da agonia. Felizmente, a cachorrinha sobreviveu, com três pernas e uma cicatriz.

5 - O homem que cortou a própria perna com um canivete para se libertar

Quando uma árvore gigante caiu sob Al Hill, um homem de 66 anos, ele se viu sozinho na floresta, com a perna esquerda, presa pela árvore por 11 horas. Chegou ao ponto de ele usar seu canivete, para cortar sua perna abaixo do joelho, para conseguir se libertar. No entanto, ele não conseguiu sair do lugar. Mas por sorte, pessoas, que moravam próximo dele, escutaram seus gritos e o encontraram, levando-o de imediato para o hospital.

6 - O alpinista que amputou o braço para sobreviver

Aron Ralston estava em uma viagem, pelo John Canyon, quando uma pedra se soltou e caiu sobre ele, esmagando o seu antebraço direito e prendendo-o contra uma parede. Supondo que ele fosse morrer ali sozinho, o alpinista passou dez dias no local, até que a água acabou e ele teve que beber a própria urina. Enquanto isso, ele tentava, sem sucesso, remover a pedra que o prendia. Até que ele não teve opção, a não ser cortar o próprio braço. Depois de se libertar, ele conseguiu sair do canyon e receber ajuda.

7 - O homem que cortou o pênis para parar de pecar

Parece até brincadeira. Mas um homem de Salamanca realmente cortou o seu próprio pênis, com uma faca. Depois disso, jogou o membro no banheiro. Ele justifica que fez isso isso para parar de pecar. Quando o serviço de emergência chegou, ele disse que tinha feito isso "para que não pecasse mais".

E você, o que achou dessas histórias? Conta para a gente a mais tensa na sua opinião e compartilhe com os seus amigos.


Próxima Matéria
avatar Cristyele Oliveira
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest