icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 imagens fortes do impacto do Covid-19 que chocaram o mundo

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      09/04/20 às 14h04
capa do post 7 imagens fortes do impacto do Covid-19 que chocaram o mundo

O mundo, mais uma vez, está enfrentando uma pandemia. O novo coronavírus foi notado, a princípio, na China, e logo, se espalhou pelo mundo. A situação é uma emergência de saúde pública global, com novos casos da doença, a cada dia. Enquanto uma vacina para a doença ainda não fica pronta, a principal preocupação agora, e evitar o contágio da doença.

Medidas foram tomadas pelos governos do mundo todo, com a intenção de diminuir a propagação do vírus. Por isso, praticamente todos os países do mundo estão em isolamento, para tentar diminuir a quantidade de casos. E o resultado disso são vários centros urbanos vivendo um vazio, quase que sem precedentes. Enquanto as pessoas estão se isolando em casa, o mundo passa por um vazio sem precedente.

E conforme o tempo vai passando fotos de todos os lugares do mundo vão  surgindo na internet e chocando todos. Não pelo que se vê, mas justamente pelo que não se vê. Mostramos aqui algumas imagens que mostram o impacto do COVID-19.

1 - Grande Mesquita de Meca vazia

Mesmo quem não é da religião islâmica conhece a Grande Mesquita de Meca e a Caaba, na Arábia Saudita. Ela é o lugar do Hajj, que é uma peregrinação que todo muçulmano deve fazer pelo menos uma vez na vida. Durante o Dhu al-Hijjah, período que esse ano é entre 22 de julho a 19 de agosto, vão cerca de cinco milhões de pessoas para Meca.

Mesmo em datas que não são comemorativas ou importantes, a Grande Mesquita recebe milhares de visitantes todos os dias. A foto foi tirada no dia 5 de março. E o local está totalmente vazio por ordens do governo para limpá-lo e higienizá-lo para que não espalhe o novo coronavírus.

2 - Distanciamento social em Colombo, Sri Lanka

Com certeza o termo mais usado em 2020 é distanciamento social. Ele virou a norma para todas as pessoas. E lugares onde as pessoas se cumprimentam com beijos e abraços viram seus costumes tendo que ser mudados.

Essa foto foi tirada por Dinuka Liyanawatte do lado de fora de uma mercearia no Sri Lanka. As pessoas estão afastadas umas das outras aproximadamente um metro. A OMS e a maioria dos governos tem falado para dobrar essa distância, mas nem sempre é possível.

3 - Necrotérios móveis em caminhões refrigerados

O novo coronavírus já fez várias vítimas, e por ser bastante mortal as cidades não estão preparadas para receber tantos mortos de uma vez. Não são só leitos de hospitais que faltam. Também existe a falta de necrotérios. Mas algumas pessoas pensaram em uma alternativa.

Essa foto foi feita por John Minchillo e mostra corpos sendo levados para o caminhão refrigerado na porta de um hospital de Nova York. Ela foi uma das cidades americanas mais atingidas. O hospital do Brooklyn é um dos muitos que adotaram essa medida de armazenamento de corpos.

4 - Italianos cantando juntos nas sacadas

A Itália foi um dos países mais atingidos pelo novo coronavírus durante o mês de março. E conforme o distanciamento social foi se tornando a norma no país, as pessoas se viram sem o que fazer isoladas em suas casas e se preocupando com os pacientes dos hospitais.

E em uma tentativa de diminuir esse isolamento e não se sentir tão sozinho as pessoas foram para suas varandas e começaram a cantar umas com as outras. Essa foto foi tirada por Mairo Cinquetti e mostra uma mulher cantando da sua varanda.

5 - Avião de carga russo chegando com suprimentos nos EUA

Quando os EUA se deram conta da real ameaça do COVID-19 eles viram que seu equipamento de proteção, como ventiladores, não seriam o suficiente para todas as pessoas que precisassem.

Eles era um problema, e alguns países que inicialmente não tinham sido tão afetados pelo coronavírus resolveram ajudar os EUA. A Rússia encheu um avião com suprimentos e mandou para os EUA. O avião foi enviado depois de uma conversa entre os líderes dos países.

6 - Desabrigados dormindo com distanciamento em Las Vegas

As pessoas sem-teto correm um risco maior de se infectarem com o coronavírus e não por não ter onde dormir, mas sim pela proximidade com outros. Seja na rua ou em abrigos, essas pessoas ficam bem próximos uns dos outros e os fazem mais suscetíveis a serem infectados.

E a forma com que Las Vegas tratou o assunto foi notícia em todo mundo. Os abrigos foram obrigados a fechar por conta da crise. Então a prefeitura pintou retângulos no estacionamento de um shopping onde as pessoas poderiam dormir respeitando o distanciamento.

7 - Rostos dos trabalhadores de saúde

As máscaras N95 são máscaras descartáveis capazes de impedir a propagação do COVID-19 e vários outros patógenos no ar. E por isso logo se tornaram essenciais para os profissionais da saúde do mundo todo. E por conta da gravidade da pandemia, esses profissionais se viram usando essas máscaras por muito mais tempo.

No mês de março, as pessoas começaram a compartilha fotos de como os trabalhadores ficavam depois de trabalharem horas com as máscaras. As fotos mostram as pessoas cansadas e machucadas que estão na linha de frente do combate.


Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Listverse
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest