icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 imagens mais assustadoras da corte americana

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      04/06/20 às 13h13
capa do post 7 imagens mais assustadoras da corte americana

As pessoas sabem que, quando se comete um crime é bem provável que em algum momento elas  vão ter que prestar contas e pagar por aquilo de alguma forma. O mais comum é os criminosos serem pegos e, dependendo do caso, serem julgados no tribunal.

Com certeza, nenhum lugar viu mais tragédias do que o tribunal penal americano. Os piores criminosos são levados à público para responderem por seus crimes. Por conta disso,frequentemente imagens bizarras e assustadoras são capturadas por câmeras nos tribunais. Mostramos aqui algumas fotos e vídeos assustadores que foram capturados nos tribunais americanos.

1 - Família Manson entrando no tribunal

A "família" de Charles Manson tentaram começar uma guerra racial nos EUA matando nove pessoas em julho e agosto de 1969. Por conta da natureza violenta dos crimes e da oposição pública aos hippies na época, Manson e seus co-réus sofreram uma rejeição pública generalizada.

Mas mais assustadoras eram as atitudes dos co-réus Susan Atcins, Patricia Krenwinkel e Leslie Van Houten. Quando elas foram levadas ao tribunal elas entraram de mãos dadas cantando uma música escrita por Manson e usando roupas costuradas por membros da comunidade.

2 - Joseph James DeAngelo em uma gaiola

O Golden State Killer foi um serial killer que aterrorizou a Califórnia entre 1976 e 1986. Quando os crimes pararam, as pessoas acharam que o criminoso tinha sido preso por algum outro crime ou então morrido. Mas depois de uma análise de uma cena de crime, em 2018, as análises de DNA levaram a polícia a um homem chamado Joseph James DeAngelo.

Ele foi preso naquele ano depois de um hiato de décadas dos seus crimes. Na primeira vez que ele foi para o tribunal, ele foi levado em uma cadeira de rodas. Mas nas outras vezes, ficou em uma gaiola perto da mesa de defesa.

3 - Camiseta de TJ Lane

No dia 27 de fevereiro de 2012, Thomas "TJ" Lane, de 17 anos, entrou na Chardon High School, em Ohio e matou três estudantes e feriu outros dois. O jovem fugiu do local, mas foi capturado depois. E depois de um tempo, ele se declarou culpado das acusações.

Na audiência no tribunal Lane tirou sua camisa de botão revelando uma camiseta branca escrito "killer", assassino em português. Ela era parecida com a que ele usou no dia que cometeu os crimes. Quando Lane foi chamado para fazer uma declaração ele disse: "Essa mão que puxou o gatilho que matou seus filhos agora se masturba na memória. Foda-se todos vocês".

4 - Richard Ramirez e seu pentagrama na mão

Esse era um dos mais temidos assassinos em série do sul da Califórnia e também era satanista declarado. Vários de seus crimes tiveram símbolos satânicos neles. Ramirez foi capturado em 1985 depois da sua foto ter sido divulgada para o público.

Na primeira vez que foi para o tribunal Ramirez foi escoltado e quando chegou lá mostrou para os espectadores a palma da sua mão esquerda. Nela, tinha um pentagrama desenhado. Ele foi considerado culpado de 13 assassinatos e vários outros crimes violentos.

5 - Robert John Bardo cantando U2

Em 1989, Robert foi até a casa da atriz Samantha Schafer com uma arma e um livro. Quando a atriz atendeu a porta ela foi baleada duas vezes pelo homem. Bardo tinha ficado obcecado por Schafer depois de a ver em um seriado em que ela tinha o papel principal.

O homem estava apaixonado pela inocência da atriz no seriado. Mas quando ele viu um filme em que ela tinha uma cena de sexo ele ficou furioso. No tribunal, quando a música "Exit", do U2, começou a tocar ele começou a se mexer de forma violenta em sua cadeira para frente e para trás e começou a cantar junto com a música. Bardo foi considerado culpado pelo assassinato de Schafer e condenado à prisão.

6 - OJ pondo a luva

O julgamento do ex-jogador da NFL, OJ Simpson, ficou conhecido como o julgamento do século e dividiu opiniões no mundo todo. Ele foi acusado de esfaquear até a morte sua ex-esposa, Nicole Brown, e seu amigo Ronald Goldman.

O julgamento aconteceu em 1995, e o momento mais lembrado e tenso foi quando  OJ experimentou as luvas que tinham sido usadas pelo assassino. As luvas não couberam em OJ e os advogados disseram ao juiz "se não cabe, o absolva".

7 - Confissão de Dennis Rader

Esse homem vivia uma vida dupla. De um lado um homem de família, veterano decorado e funcionário público. De outro, um serial killer bastante temido conhecido como BTK, Bind, Torture e Kill. Por vários anos o povo de Wichita Kansas viveu aterrorizado com medo desse assassino.

Rader cometeu seus crimes de 1974 a 2005. Depois de sua captura, quando ele foi perguntado se sabia porque estava sendo preso ele respondeu friamente "Oh, eu tenho minhas suspeitas, por quê?". Quando ele estava no  tribunal Rader fez um relato completo de seus crimes como parte do seu acordo.


Próxima Matéria
Via   Listverse  
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest