• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 mágicos que morreram em seus próprios números

POR Leticia Rocha    EM Curiosidades      09/10/18 às 15h46

Os truques de mágica são muito aclamados e geralmente costumam atrair a atenção de inúmeras pessoas. São utilizadas técnicas extremamente complexas para "iludir" seus espectadores. No entanto, acidentes acontecem. Sim, mesmo nos mais elaborados e estratégicos truques de mágica.

Inúmeros casos trágicos foram causados por conta desses acidentes. Alguns inclusive levaram a fins trágicos e você irá conhecer algumas dessas histórias nessa lista.

Confira agora 7 mágicos que morreram em seus próprios números.

1 - Harry Houdini

Um dos maiores mágicos da história e um dos maiores dominadores da técnica do escapismo. Nada poderia detê-lo, no entanto o pior aconteceu. Houdini estava em seu camarim, quando dois estudantes o questionaram se ele realmente conseguiria suportar qualquer golpe em seu abdômen. Ele disse que sim, mas antes que ele se preparasse para o truque, um deles acertou 4 socos no mágico. Houdini também estava se recuperando de um tornozelo quebrado, o que não ajudou muito.

O mágico estava muito mal, mas continuou seus trabalhos e apresentações. Depois de duas noites sem dormir sua esposa conseguiu convencê-lo a ir ao hospital, aonde morreu dias depois.

2 - Benjamin Rucker

Benjamim foi o primeiro mágico afro americano e seu truque de maior destaque era ser enterrado vivo. Ele passava uma semana teoricamente morto, inúmeros moradores iam visitar seu corpo e prestar os respeitos, até que ele era ressuscitado magicamente. Infelizmente, Benjamim sofreu um ataque cardíaco durante sua performance. E por mais que o cutucassem, ele não reagia ou se movia. Como isso era parte de seu truque, ninguém notou nada anormal, nem mesmo seu assistente, mas na verdade Benjamim realmente havia morrido.

3 - Janaka Basnayake

O mágico do Sri Lanka tentou bater o próprio recorde em relação ao tempo que havia passado enterrado. Na primeira tentativa, Janaka aguentou duas horas e meia. Na segunda, quatro e na terceira e última tentativa, o objetivo era quebrar o recorde e aguentar 6 horas enterrado. No entanto, quando o mágico foi desenterrado, já estava desacordado. Ele foi levado ao hospital, mas não resistiu e quando chegou já foi declarado morto.

4 - The Next Houdini

Como já falamos acima, Houdini foi um grande mágico, talvez o maior que já existiu. Joseph Burrus tinha a honra de ser comparado com ele e devido a uma tragédia, morreu no mesmo dia que seu ídolo. Na noite de Halloween, de 1990, o mágico decidiu realizar um truque de mágica que envolvia escapar de um caixão enterrado a 7 pés de profundidade. Além disso, o caixão em que ele seria enterrado, estaria coberto também por 3 pés de cimento úmido, que pesava cerca de 9 toneladas. O truque falhou quando o caixão não aguentou a carga e desabou, esmagando Burrus com toneladas de cimento e terra. Sua equipe tentou resgatá-lo, mas já o encontraram sem vida.

5 - Madame DeLinsky

Madame DeLinsky, junto de uma equipe de mágicos poloneses, participava de um truque de captura de balas. Eles simulavam um pelotão de fuzilamento. Os assistentes usavam rifles, mas ao invés de carregar o cartucho com pólvora, eles deixavam o espaço em branco. O que ocorreu foi que um dos assistentes estava nervoso e preparou o rifle da forma normal e o tiro acabou acertando DeLinsky no abdômen. O pior é que ela estava grávida e tanto ela, quanto o bebê morreram.

6 - Balabrega

Balabrega ficou famoso por seus truques ilusionistas, que envolviam chamas e fogos. Em 1900, o mágico veio se apresentar no Brasil, no entanto, o local do show não tinha estrutura adequada para realizar o truque da forma correta. Mesmo assim, ele prosseguiu e decidiu improvisar! O truque utilizava acetileno, que é uma substância química completamente instável e inflamável. Durante a preparação para o show o acetileno acendeu e os matou instantaneamente.

7 - Jeff Rayburn Hopper

Jeff foi outro mágico que morreu durante um truque de escapismo, dessa vez na água. Eles estavam realizando apenas um teste, para a apresentação que ocorreria mais tarde. Jeff teve as mãos algemadas e acorrentadas, antes de ser jogado na água. O mágico conseguiu se livrar das correntes e subir a superfície para que seu assistente o ajudasse. No entanto, a correnteza não deixou que o assistente o alcançasse e o mágico acabou morrendo afogado.

Próxima Matéria
Leticia Rocha
Jornalista e aprendiz de Dani Noce. No insta é ticia_rochaa
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+