• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 maneiras incomuns usadas pelas pessoas para tentar tratar a impotência

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      23/01/20 às 17h24

Você já deve ter ouvido falar de disfunção erétil, ou melhor, impotência sexual. Esse é um dos maiores terrores para diversos homens, pois trata-se da incapacidade de manter o seu órgão genital ereto. Se isso não for possível, é muito difícil ter uma relação sexual satisfatória. Por esse motivo, é comum ver pessoas se submetendo a várias coisas, a fim de melhorar essa condição. A partir do final da década de 1990, diversos medicamentos surgiram para tratar a impotência. Ao lado dos medicamentos, surgiram várias campanhas publicitárias que chamavam a atenção sobre o assunto. Por sorte, vários homens passaram a procurar ajuda médica.

No entanto, o desespero, em algumas situações, é tão extremo que alguns homens passaram a buscar outros meios, para solucionar o problema. Como alguns medicamentos prescritos, como Viagra e Cials, não são o suficiente para alguns casos, foram além. E foi pensando nisso que resolvemos trazer para você, caro leitor, essa lista. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou algumas maneiras incomuns que as pessoas tentaram tratar a impotência sexual. Se souber de outro método que não listamos, conta pra gente aí. Compartilhe desde já com seus amigos e, sem mais delongas, vamos lá.

Maneiras incomuns para tratar a impotência sexual

1 - Viagra de Urso

A maioria dos homens adora uma boa cerveja gelada. Sendo assim, tentaram fazer com que a bebida agisse com o Viagra. Foi assim que, no Reino Unido, criaram o famoso Viagra de Urso. A bebida foi criada em homenagem a um certo casamento real. A bebida contém Viagra, chocolate e cerveja.

2 - Magic Power Coffee

Esse composto é vendido exclusivamente online para lidar com a impotência. A bebida contém vários ingredientes, que aumentam o fluxo sanguíneo, assim ajudando a combater a impotência. No entanto, estudiosos alertaram que os componentes dessa bebida podem causar efeitos colaterais perigosos e desagradáveis. Entre eles estão: tonturas, pressão sanguínea baixa e até a morte.

3 - Reflexologia

Essa é uma prática para aumentar o fluxo sanguíneo para as partes do corpo. Isso excede a pressão sobre os pontos de pressão e é conhecido como uma forma natural para lidar com a impotência.

4 - Aumento peniano

Aparelhos vendidos para aumento peniano também são usados para lidar com impotência. Isso porque os tubos usam força de vácuo para puxar o fluxo sanguíneo para o membro. Isso pode criar artificialmente a ereção. Segundo quem estou, uma vez que estiver com o órgão ereto, é possível ter uma relação por, pelo menos, 30 minutos.

5 - Chiclete de Viagra

Há relatos de que há um chiclete de Viagra no mercado. Em março de 2011, a Pfizer Pharmaceuticals lançou a primeira versão do chiclete para lidar com isso. Os comprimidos se dissolvem na língua, após uns minutos mascando a goma. Afirmam que ele trazia resultados mais rápidos do que a ingestão de comprimido.

6 - Suplementos de ervas

Existem vários remédios e suplementos à base de ervas disponíveis online, para substituir o Viagra. No entanto, nenhum foi aprovado pelo FDA. De fato, diversos deles contêm ingredientes que não estão listados no rótulo e podem trazer danos aos usuários.

7 - Cirurgia

Há ainda a opção de cirurgia, para os homens que não conseguem resultado com nenhum método. A cirurgia mais comum envolve a inserção de um implante peniano. Isso costuma realizado por meio de uma haste ou um tubo inflável. Uma pequena bomba manual é implantada no órgão genital.

E aí, o que você achou dessa lista? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Vale lembrar que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Via   Oddee  
Imagens CPAPS
Diogo Quiareli
Geminiano, 25 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+