icone menu logo logo-fatos-historicos.png


7 momentos da História que são verdadeiro pesadelos

POR Rafael Miranda    EM História      17/07/18 às 17h07
capa do post 7 momentos da História que são verdadeiro pesadelos

Na maior parte das vezes a história é uma mentira. Os estudiosos tiveram muito tempo para editar os fatos mais "sensíveis" da história, deixando-nos com uma coleção de histórias sem graça e facilmente digeríveis.

Claro, esses fatos nem sempre são relevantes, mas quase sempre dão vida ao passado. Às vezes, porém, acabamos desejando que eles tivessem sido esquecidos. Às vezes, há partes destes acontecimentos que não ensinam na escola, e que não apenas são impróprias para um filme infantil, como deixariam Quentin Tarantino chocado.

Aqui estão sete vezes em que momentos da história foram verdadeiros pesadelos:

1 - Experimentos Esquecidos de Pavlov

Suas experiências com cães no final do século 19, fizeram Ivan Pavlov ficar famoso. Esse experimento tinha o seguinte princípio: Tocando uma campainha quando a comida era apresentada as cobaias caninas, ele observou que os animais salivavam ao som do sino, antes de receber o alimento. Isso abriu o caminho para a psicologia comportamental que conhecemos hoje.

Na realidade, seus experimentos foram um pouco mais extremos. Ele usava métodos de tortura para os cães responderem aos comandos. Chegava até a furar a garganta dos animais para que eles ficassem sempre com fome. Algo escondido da história oficial.

2 - Afogamentos inesperados na Primeira Guerra Mundial

Durante o verão de 1917, perto de Passendale (também conhecida como Passchendaele), na Bélgica, a Terceira Batalha de Ypres (também conhecida como Batalha de Passchendaele) estava em andamento.

Por mais de um mês, chuvas torrenciais atingiram a região, levando a batalha a uma parada certamente bem-vinda. Trechos inteiros de terra se tornaram armadilhas mortais intransitáveis. A água também encharcou os grandes casacos usados ??pelos soldados da época, acrescentando cerca de 23 quilos de peso aos corpos dos combatentes.

Soldados feridos foram deixados para se afogar lentamente sob o lodo, pois os socorristas não conseguiam chegar perto deles.

3 - O Assassino do Presidente Taft

O presidente dos EUA, William Howard Taft, não é tão conhecido quanto Lincoln ou JFK. Em 1920, o lar de Taft em New Haven, Connecticut, foi assaltado por um homem chamado Carl Panzram.

Ele pegou dinheiro e joias, mas ele também colocou as mãos em algo especial - a pistola .45 de Taft. Ele manteve a arma, vendeu as joias e usou o dinheiro para comprar um iate.

Sob o pseudônimo de John O'Leary, Panzram começou a atrair marinheiros a bordo de sua embarcação com promessas de trabalho. Depois de saírem para o mar, os infelizes marinheiros foram estuprados e assassinados com a pistola de Taft. Ele confessou o estupro e assassinato de 22 pessoas.

4 - 'Grande Fedor' de Londres

Acredita-se que a Inglaterra vitoriana tenha sido o auge da sociedade educada. Infelizmente isso não procede. O verão de 1858 foi um ano difícil para a capital da Inglaterra.

Durante séculos, Londres simplesmente despejou seu esgoto no rio Tâmisa, que passava direto pelo coração da cidade. Isso funcionou bem antes, mas os primeiros anos do século XIX viram a população de Londres dobrar, sufocando completamente o rio com lixo humano. O calor implacável fermentou a longa extensão de fezes e causou muitos problemas de saúde.

5 - Problema do Parasita do Egito Antigo

Quando você pensa nos antigos egípcios, você provavelmente imagina algumas coisas muito específicas - pirâmides poderosas, caixões banhados a ouro, aqueles caras abanando faraós com folhas de palmeira e assim por diante.

O que você provavelmente não pensa, no entanto, é em pênis sangrando. Até hoje. A descoberta da irrigação pelos antigos egípcios foi ótima. Tornou a agricultura possível, o que, por sua vez, permitiu que sua civilização crescesse. No entanto, também criou grandes pântanos, que eram habitats ideais para o Schistosoma haematobium, um verme parasita que tendia a se entrar no pênis dos agricultores.

As vítimas dos vermes experimentariam não apenas dor, mas também sangramento intenso do pênis. E estes não foram apenas alguns incidentes isolados. A infecção era tão comum entre a classe baixa agrícola que se acreditava que os sintomas eram uma parte normal da vida. Na verdade, os meninos não eram considerados "homens" até verem sangue na urina, como se fosse o equivalente masculino da menstruação.

6 - A cidade dos canibais

O bloqueio nazista de três anos em Leningrado - agora São Petersburgo, na Rússia - matou até dez vezes o número de pessoas no bombardeio de Hiroshima.

No entanto, o que realmente fez o cerco se destacar em um conflito tão cheio de horror foi a maneira pela qual ele matou: a fome. É claro que os alemães bombardearam a cidade, mas seu protagonista foi a morte lenta e implacável imposta a milhões de pessoas ao bloquear o suprimento de alimentos da cidade.

Comer cadáveres era parte regular da vida dos sobreviventes. Alguns simplesmente não podiam esperar que o jantar morresse por conta própria, como as mães que alimentavam seus bebês com os filhos mais velhos, o homem que matou sua avó pelo fígado dela, o pai que alimentou seu filho com a própria mãe e a gangue de comedores de gente que matava os desavisados n?as ruas. No total, mais de 2.000 cidadãos de Leningrado foram presos por canibalismo.

7 - O terno de Jackie Kennedy

Quando o presidente JFK foi baleado, a primeira dama segurou-o quando ele estava sangrando até a morte. Independentemente disso, ela continuou a usar a roupa até o apressado juramento do novo presidente, Lyndon Baines Johnson, a bordo do Air Force One.

Ela foi instruída a mudar de roupa antes do evento, mas recusou-se, dizendo simplesmente: "Eu quero que eles vejam o que fizeram". Aliás, o terno ainda não foi limpo. Até o ano de 2103 estava trancado, longe da vista pública, em um cofre de temperatura controlada nos Arquivos Nacionais de Washington.


Próxima Matéria
Via   Listverse  
Imagens Listverse
avatar Rafael Miranda
Rafael Miranda
Criando forças para segurar o forninho de cada dia. Instagram: @rafaelmiranda17
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest