7 mortes misteriosas de grandes estrelas do rock

POR Bruno Dias    EM Mistérios & Horror      23/07/18 às 14h54
foto de destaque

Estrelas do rock, independente da sua idade, são sempre imortalizadas. Sejam elas parte do Clube dos 27 ou lendas vivas, essas lendas sempre serão lembradas por aqueles que os admiravam. Quando uma estrela do rock morre, as questões de como e porquê ela morreu podem ser tão grandes como a memória da vida delas.

Se o público não 'compra' a causa da morte divulgada, isso pode gerar várias interpretações. Inúmeras teorias surgem e pode ser difícil diferenciar casos suspeitos de legítimos. Elvis pode até não ter morrido, mas essas estrelas morreram e os detalhes em torno de suas mortes geraram dúvidas razoáveis sobre a veracidade das histórias oficiais contadas.

1 - Felix Pappalardi

Esse desertor da escola tinha um grande talento para fazer arranjos musicais. Ele produziu vários álbuns para o grupo de Eric Clapton, Cream. Depois, ele virou baixista da Mountain, que foi a base para o seu som.

Quando a banda atingiu seu auge, Pappalardi a deixou com a intenção de salvar sua audição. Entretanto, ele teve muitos problemas com drogas e casos fora do casamento. Ele tinha um casamento aberto com a letrista Gail Collins. Ela aturou esse comportamento até 1982, quando Pappalardi se apaixonou pela cantora Valerie Merians. Em abril de 1983, Pappalardi voltou pra casa depois de uma noite com Valerie e foi recebido com uma bala no pescoço. Collins atirou nele com o revólver que ele tinha lhe dado de presente.

2 - Brian Jones

Ele nomeou os Rolling Stones e também orquestrou para que eles cantassem R&B. Esse blues foi deixado de lado quando Jones foi demitido da banda e morreu algumas semanas depois. Contando parcialmente com depoimentos de testemunhas oculares, um legista concluiu que Jones se afogou na piscina durante uma 'bad trip' causada pelas drogas. Mas algumas declarações subsequentes confundiram as coisas.

Segundo a BBC, o músico passou a noite na casa da namorada Anna Wohlin, que também estava acompanhada da amiga Janet Lawson e do construtor Frank Thorogood. Lawson lembrou que Jones e Thorogood deram um mergulho noturno depois de consumirem álcool e drogas, mas depois de um tempo sua versão mudou. Ela falou à Rolling Stone que Jones e Frank Thorogood se estavam na piscina no momento que Jones morreu. Ela viu Thorogood tremendo muito antes de ver o corpo de Jones. Ela acha que Thorogood matou Jones sem querer em alguma "brincadeira".

3 - Dennis Edwards

O vocalista assumiu os Temptations em sua fase funk rock. Ele foi memorável em várias produções musicais incluindo 'Papa was a Rollin Stone' e 'Cloud Nine', fazendo com que o grupo ganhasse seu primeiro Grammy.

Edwards morreu aos 74 anos. Sua esposa, Brenda, disse que ele sucumbiu à meningite. Mas os registros do tribunal falavam algo diferente. Pouco antes dele falecer, o Health Care Consortium de Illinois apresentou uma ordem de restrição de emergência em seu nome. O Detroit News detalhou que o consórcio acusou Brenda de tentar sufocar seu marido. Somando-se à suspeita, parentes relataram que Brenda isolou cada vez mais Edwards do resto de sua família. Brenda negou ter prejudicado o marido e um médico legista confirmou sua alegação de meningite.

4 - Elliott Smith

A música 'Miss Misery', indicada ao Oscar, rendeu ao cantor e compositor Elliott Smith o apelido de Misery. Apesar de se apresentar durante a cerimônia de entrega do Oscar em 1998 e ver vendas substanciais de seus discos, ele procurou consolo em álcool e drogas pesadas. Ele fazia ameaças frequentes de que iria tirar a própria vida e em 2003 ele as cumpriu.

Smith supostamente teve uma discussão com sua namorada Jennifer Chiba. Ela se trancou no banheiro quando ouviu um grito e encontrou o namorado com uma faca no coração. Supostamente ele deixou uma carta de suicídio. O caso parecia simples, mas a autópsia revelou sinais de luta. Smith tinha duas facadas no peito e parecia que ele estava tentando se defender.

5 - Jim Morrison

O vocalista do The Doors morreu no dia 3 de julho em Paris. Entretanto, o empresário da banda, Bill Siddon, não informou aos meios de comunicação até o dia 9. De acordo com a certidão de óbito de Morrison, ele teve um ataque cardíaco. Nenhuma autópsia foi feita.

A esposa do cantor, Pam, alegou que ele cuspiu sangue antes de morrer durante o banho. Esse fato vai de encontro com os relatórios que dizem que ele morreu de alguma doença respiratória. Mas Morrison parecia saudável anteriormente. O fotógrafo da banda disse que o empresário tinha dito a ele que Morrison confundiu heroína com cocaína e inalou fatalmente.

6 - Nancy Spungen

Os Sex Pistols serão sempre lembrados pelo seu baixista Sid Vicious e sua namorada Nancy Spungen. Apesar de Nancy não ser música, ela era considerada uma estrala do rock. Ela era uma presença na cena punk rock e atuou como embaixadora do movimento. Mas, em outubro de 1978, Nancy foi esfaqueada em um quarto de hotel em Nova York que dividia com o namorado.

Sid confessou ter matado Nancy e disse à polícia: 'Eu fiz isso porque sou um cachorro sujo'. Logo depois ele lançou uma música dizendo o contrário, alegando que estava inconsciente durante o assassinato. O tribunal nunca decidiu se ele mentiu por causa da heroína. E algumas pessoas falaram que traficantes frequentavam o quarto do casal. Além disso 1.500 dólares foram roubados do casal, então talvez a morte de Nancy tenha sido por dinheiro.

7 - Richey Edwards

O guitarrista e letrista do Manic Street Preachers sofria de depressão e se voltada a auto-mutilação frequentemente. A sua tristeza sempre era notada em seus trabalhos, mas na época seus colegas de banda acharam que eram letras sobre a crueldade humana na visão de Richey. Em fevereiro de 1995, ele desapareceu em um hotel de Londres. Três semanas depois seu carro foi achado em uma ponte onde normalmente as pessoas cometem suicídio.

Em 2008, Edwards foi dado como morto, mas muitas pessoas rejeitaram essa declaração porque o guitarrista sempre falou que nunca tiraria sua própria vida. E outro fato é que antes de desaparecer, ele tirou muito dinheiro do banco. Há vários relatos de pessoas que o viram durante os anos, mas nenhum foi confirmado. Em 2018, a família descobriu que o carro de Richey chegou 12 horas mais cedo do que se pensava inicialmente. Então, por 20 anos, as informações estavam com a linha temporal errada.


Ei Fatos, não deixe de conferir:

2 SINAIS QUE FALTAM PARA JESUS VOLTAR - E SE FOR VERDADE

Próxima Matéria
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.

Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+