• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 motivos para começar a assistir Justiça Jovem hoje mesmo

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      02/01/18 às 17h22

Não é nada fácil fazer uma série de sucesso. Por isso, quando a Warner Bros. realizou esse feito com Justiça Jovem (os registros da emissora bateram os três dígitos) parecia seguro afirmar que a série teria mais que duas temporadas. Só que não. Infelizmente o estúdio cancelou o programa depois de 46 episódios, levando muitos fãs ao desespero e a várias especulações. Muitos achavam que o motivo era porque a série não fazia sucesso entre o público infantil, mas a verdade é um pouco mais frustrante. A Warner tinha um acordo de merchandising com o lançamento de action figures baseados no programa, no entanto, quando as vendas tiveram níveis muito abaixo do esperado, ela não pensou duas vezes para cancelar a série.

Graças aos deuses o grande erro foi desfeito. Em 2017 o estúdio anunciou que fará mais temporada para a série. O que abriu um largo sorriso no rosto dos fãs. Para alegar ainda mais o ano que se inicia, a Netflix disponibilizou em seu catálogo as duas temporadas completas de Justiça Jovem. Para quem já conhece a série é uma boa oportunidade para rever e para quem nunca viu esse é o momento certo para começar. E a seguir vamos falar o porquê você deveria!

1 - Personagens e seus devidos desenvolvimentos

Vários heróis aparecem ao longo das duas temporadas de Justiça Jovem e é incrível como a série consegue respeitar e desenvolver todos eles. Desde os membros fixos aos novatos e participações especiais, os personagens possuem histórias e personalidades suficiente para o espectador criar carinho ou ranço deles.

2 - Vilões que valem o show

Diferente dos inúmeros casos de outras animações, aqui os vilões não subestimam a inteligência do público. Eles são misteriosos e inteligentes, e não têm o costume de revelar de imediato seus planos. Muito pelo contrário, cada ação e peão são calculados da melhor forma possível, confundindo até mesmo os próprios heróis da série.

3 - Muita ação

As cenas de ação em qualquer obra de super herói de vez em quando pode parecer desnecessária. Sem acrescentar nada para a história ou para qualquer personagem. Justiça Jovem não cai nessa mesmice. A série tem várias sequências de lutas e ação que integram na narrativa e abrem um sorriso no rosto da audiência por ser tão bem coreografadas. O melhor de tudo é que os combates não ficam presos a apenas um integrante da equipe, todos têm sua hora de brilhar.

4 - Grande história

Outro ponto que Justiça Jovem se destaca é na estrutura de sua história. Ao invés de a série se concentrar apenas em preencher o episódio da semana com um vilão qualquer para satisfazer a aventura padrão (como boa parte das animações fazem) sua história vai além. Tudo o que acontece ao longo da temporada tem a ver com a trama principal do programa. Tudo bem medido, explorado e desenvolvido.

5 - Participação dos heróis lendários

Não pense que só porque Justiça Jovem se concentra nos sidecicks dos heróis que seus mentores ficam de lado. Superman, Batman, Mulher Maravilha, Flash, Caçador de Marte, Aquaman e vários outros personagens que são as lendas da DC Comics aparecem (e muito) na série. Embora o foco seja a turma dos jovens, a série não tem medo de mostrar seus tutores e o papel que eles desempenham na vida de seus aprendizes.

6 - Diversidade

Olhos podem até ser revirados nesse tópico, mas diversidade é importante sim. A vida não é feita de acordo com apenas um padrão e a arte ajuda as pessoas a entenderem isso. Sendo assim, quanto mais diversidade tiver nas obras, melhor a sociedade fica. Ao menos teoricamente. De qualquer forma, em Justiça Jovem há personagens que representam diversos tipos de pessoas e problemas. Ao longo do programa vários temas são abordados, desde autoaceitação a respeito ao próximo, além de gênero e etnia. O melhor de tudo é que todos os assuntos são tratados de forma orgânica e coerente com a história.

7 - Antagonistas secundários

Não é apenas os heróis de origem que aparecem na série. Vários vilões também têm sua chance de brilhar no programa. Justiça Jovem é um prato cheio para quem quer conhecer mais personagens de DC Comics, inclusive os antagonistas. De rostos famosos, como Lex Luthor, a feições raramente vistas, a série não poupa no quesito personagens.

Se você ainda assim você não ficou convencido, assista a pelo menos aos dois primeiros episódios. Com animações, pode confiar que a DC sabe o que faz!

Próxima Matéria
Via   CV     TOO     MP     ND  
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Para mais aventuras Instagram: @gabinoronhaf Para comentários aleatórios e breves análises Twitter: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+