icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 mudanças em nosso sistema solar que condenariam a raça humana

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      03/05/19 às 17h08
capa do post 7 mudanças em nosso sistema solar que condenariam a raça humana

O Sistema Solar é formado pelo Sol e mais 1.700 corpos celestes menores, entre cometas, asteroides e os planetas com seus satélites. Nosso sistema solar fica em um dos espaços da Via-Láctea, sendo formado pela estrela solar e por tantos outros corpos celestes ao seu redor. Destes, podemos citar a lua, asteroides, planetas e seus satélites, junto de tudo aquilo que estiver presente no espaço sideral.

Muitas são as dúvidas dos cientistas e pesquisadores a respeito do nosso Sistema Solar. Apesar de todas as pesquisas e descobertas, ainda há muito lá fora que permanece desconhecido. Mesmo que nosso planeta seja uma boa casa para nós, não quer dizer que o resto do sistema solar não possa nos prejudicar com pequenas mudanças. Mostramos aqui algumas delas.

1 - Sem Júpiter

Segundo os astrônomos, Júpiter está protegendo nosso planeta de rochas e bolas de gelo que flutuam no espaço. Se ele desaparecesse por algum motivo, isso condenaria a vida na Terra.

Júpiter gera um campo gravitacional que mantém o sistema interno a salvo das rochas espaciais. E sem esse planeta, a Terra seria bombardeada por asteroides e cometas maiores.

2 - Explosão da lua

Se a lua fosse atingida de alguma forma, os pedaços dela entrariam em órbita e não ficariam em um lugar só criando um anel como o de Saturno. Os escombros dela nos matariam. Segundo o escritor de ficção científica Neal Stephenson, os pedaços da lua começariam a colidir uns com os outros, em pedaços cada vez menores.

Essa reação é chamada de síndrome de Kessler, que é quando pedaços de detritos espaciais se esmagam em uma nuvem de pedaços mortais. E depois, ela vem em direção à Terra. Em pouco tempo, nosso planeta seria cercado pelos pedaços da lua, e em algum momento, a Terra puxaria os escombros para dentro.

3 - Terra sem girar

Se nosso planeta parasse de girar, uma das primeiras coisas que mudaria seriam os oceanos. Eles estão onde estão por causa da força centrífuga, pelo momento angular e gravidade. E sem isso, eles migrariam para onde a gravidade os puxa, os pólos. Quando eles se movimentassem, eles levariam a Terra junto com eles. A inundação seria real.

Além disso, a atmosfera do planeta continuaria se movendo. Teríamos ventos supersônicos de mil quilômetros por hora e o ar se acomodaria mais nos pólos do que no equador. E em algum momento, a lua colidiria com a Terra.

4 - Tempestade solar

As tempestades solares são erupções de radiação, plasma e partículas de alta velocidade. E uma dessas, em grande escala, acabaria com a vida na Terra. Se essa tempestade fosse causada por uma ejeção de massa coronal, que é uma parte das camadas de plasma do sol colidindo com a Terra, a nossa rede elétrica sobrecarregaria e falharia.

Em 1859, uma tempestade solar atingiu a Terra e fritou as linhas telegráficas. E como a sociedade não era tão dependente da tecnologia, não demorou muito para ela se recuperar. Mas se acontecesse algo do tipo hoje, seria o fim dos nossos satélites.

5 - Explosão de uma supernova

A explosão de uma supernova perto de nós causaria várias problemas. E o maior problema não é a explosão em si, mas a radiação da supernova. Na explosão de estrelas, elas emitem raios gamas que são uma forma de radiação altamente forte.

E se uma explosão dessas atingisse nosso planeta, os raios conseguiriam tirar a camada de ozônio. Ela não nos mataria instantaneamente, mas sem a camada, nós seríamos fritos pela radiação.

6 - Sol mais velho

Se o sol fosse quatro bilhões de anos mais velho, isso acabaria completamente com a vida na Terra. Atualmente, o sol está queimando combustível de hidrogênio e mantendo a vida estável em nosso planeta.

Mas, em quatro bilhões de anos, ele começará a sua espiral de morte. Ele se transformará em uma estrela massiva à medida que ela queima elementos mais pesados para manter um pouco de energia. E quando isso acontecer, o sol se expandirá para um tamanho gigantesco. E Mercúrio e Vênus serão engolidos, como provavelmente a Terra também.

7 - Outra lua

Se nós tivéssemos duas luas, a vida, como conhecemos, ficaria bastante confusa. As marés não seriam as mesmas. Elas se ajustariam e, provavelmente, as cidades costeiras desapareceriam. O céu ficaria mais brilhante e o sistema de calendário teria que ser repensado.

Mas com outra lua, os efeitos gravitacionais acabariam com a maior parte da vida na Terra. Coisas como tsunamis gigantes, convulsões tectônicas e vulcões devastariam a superfície.


Próxima Matéria
Via   Grunge  
Imagens Grunge
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest