• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 objetos mais distantes do universo

POR Erik Ely    EM Ciência e Tecnologia      29/01/20 às 16h41

Conforme os instrumentos de observação celeste evoluem, astrônomos buscada vez mais enxergar além das fronteiras do que podemos ver. Dessa forma, podemos encontrar galáxias, buracos negros, quasares e explosões a bilhões de anos-luz de distância da Terra. Contudo, enquanto apenas podemos observar de longe, separamos os objetos mais distantes do universo.

Descobrir a distância de objetos espaciais pode ser um assunto complicado. Por exemplo, se um objeto levou 100 milhões de anos-luz para chegar até aqui, ele está a 100 milhões de anos-luz de distância. Mas para esse cálculo, é preciso considerar a expansão contínua do universo. Para isso, utilizamos o desvio para o vermelho para realizar o cálculo. Por exemplo, objetos avermelhados estão se afastando de nós. Contudo, um objeto mais azul está se movendo em nossa direção.

1 - Supernova SN UDS10Wil

Até os dias de hoje, essa é a supernova mais distante já observada. Tendo explodido há mais de 10 bilhões de anos, sua distância é estimada em 17 bilhões de anos-luz. Além disso, seu desvio para o vermelho é de 1,9.

2 - Galáxia MACS1149-JD1

Essa galáxia de luz viajou por uma distância de 13,28 bilhões de anos-luz até chegar à Terra. Dessa forma, ela também conta com um desvio para o vermelho de 9.1096 e sua distância comóvel é de 30,37 Gly (gigalight-year), uma unidade que representa 1 bilhão de anos-luz.

3 - Quasar GB 1428+4217

Atualmente, o jato de raios X mais distante do universo é proveniente do quasar GB 1428, que nos envia luz de quando o universo possuía apenas 1,25 bilhões de anos. Seu desvio para o vermelho é de 4.72 e sua distância é estimada em 12,4 Gly.

4 - Quasar ULAS J1120+0641

Alimentado por buraco negro, esse quasar possui uma massa duas bilhões de vezes maior que a do Sol. Com isso, de 2011 até 2017, esse foi o quasar mais distante da Terra. Com um desvio de vermelho de 7 e distância em 28.35, ele data de 645 milhões de anos após o Big Bang

5 - Quasar ULAS J1342+0928

Em 2017, ULAS J1342+0928 roubou o posto de quasar mais distante do universo. Além disso, ele também é alimentado pelo buraco negro supermassivo mais distante e mais antigo já encontrado. Dessa forma, ele conta com um desvio para o vermelho de 7,54, superando o desvio de 7 do ULAS J1120+0641 e lhe conferindo uma distância comóvel de estimadamente 29.36 Gly.

Localizado na constelação de Boötes, seu buraco negro supermassivo possui 800 milhões de vezes a massa do Sol. Além disso, o quasar se origino em um período conhecido como "época da reionização", quando o universo saiu de sua "Idade das Trevas".

6 - GRB 090423

Detectado em 2009, esse objeto foi uma explosão de raios gama (GRB). Com isso, seu brilho foi visto através do infravermelho e permitiu que os astrônomos determinassem que seu desvio para o vermelho é de 8,2. Com isso, ele se tornou um dos objetos mais detectados até o momento.

7 - GN-z11

Localizada na constelação de Ursa Maior, também é a mais antiga do universo observável e a mais distante de nós. Com um desvio de 11,09 para o vermelho, sua distância é estimada em 32 bilhões de anos-luz da Terra. Quando olhamos para ela, ela estava há 13,4 bilhões de anos, ou seja, apenas 400 milhões de anos após o Big Bang. Mas bem como outros objetos, a expansão do universo a levou à distâncias muito superiores.

Próxima Matéria
Via   Canal Tech  
Imagens Canal Tech NASA
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+