icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 pessoas famosas que zombaram da morte em suas últimas palavras

POR Lucas Curado    EM Curiosidades      23/10/17 às 17h18
capa do post 7 pessoas famosas que zombaram da morte em suas últimas palavras

Morrer nunca foi algo muito bem visto pela sociedade. Para muitos de nós, a morte é uma experiência que inspira medo e seriedade. Não é muito comum ver pessoas debochando do fim da própria vida ou vendo isso como algo corriqueiro. Existem alguns indivíduos que mesmo que temam de certa forma esse evento, ainda sim conseguem debochar do ceifador ou simplesmente morrer com algum estilo. Por que não terminar a vida com um certo desfecho cômico? A Fatos Desconhecidos selecionou 7 pessoas que, antes de morrer, resolveram soltar aquela zoada ou pelo menos chocar as pessoas que estavam a sua volta um pouco.

1 - Frederick Charles Wood

Wood era um homem que havia matado cinco pessoas e foi sentenciado a morte. Seu último pedido foi ser eletrocutado, pois ele queria "montar o raio". Suas palavras finais foram: "Senhores, esse é um projeto educacional. Vocês estão prestes a presenciar a o dano que a eletricidade faz na "madeira".(Madeira traduzindo para o inglês é "Wood")

2 - Nicolau Maquiável

Maquiavél sonhou antes de sua morte com um homem usando trapos indo para o céu e um muito bem vestido indo para o inferno. Quando ele acordou eu diz: "Eu desejo ir para o inferno, não para o céu. No inferno eu vou aproveitar a companhia dos papas, reis e príncipes. Já no paraíso só verei mendigos, monges, eremitas e apóstolos". Ele morreu pouco tempo depois disso.

3 - Richard Feynman

Richard era um importante físico que era reconhecido por conseguir explicar conceitos muito complicados de uma forma didática e divertida. Ele tocava bongós também. Feynman foi diagnosticado com um tumor no fêmur quando tinha 61 anos de idade e depois de 8 anos de luta suas últimas palavras foram: "Eu odeio morrer duas vezes, isso é muito tedioso".

4 - Peter Kürten

Peter Kürten, O vampiro de Dusseldorf foi considerado culpado por uma serie de crimes sexuais, agressões e assassinatos de 1929 até 1930. Quando ele estava sendo levado para a guilhotina em 1932 antes de ter a cabeça separada do corpo ele disse: "Me diga, depois que minha cabeça foi arrancada, eu vou poder escutar, pelo menos por um momento, o som do meu próprio sangue jorrando do meu pescoço dilacerado? Isso seria o prazer para encerrar todos os prazeres." Sinistro, não?

5 - Jean Cocteau

Jean Coceau foi um poeta e novelista. Edith Piaf foi uma das suas mais próximas amigas. Quando Piaf morreu em 1983 foi dito que ele ficou tão abalado que morreu no dia seguinte por um ataque de coração. As palavras finais que saíram de sua boca foram: "desde o dia do meu nascimento, minha morte começou sua caminhada. Ela começou a anda para mim, sem pressa".

6 - Edward H. Ruffloff

Rulloff era um filosofo que tinha uma carreira como criminoso. Ele foi preso por assassinar sua esposa e sua filha. Quando foi pego e sentenciado ao enforcamento, em seus últimos momentos ele disse: "Andem logo. Eu quero chegar no inferno ainda na hora do jantar"!

7 - Catharina Goethe

Catharina era a excêntrica mãe de Johann Wolfgang Von Goethe. Em seu leito de morte em 1808, uma serva trouxe para Goethe um convite de festa. Ela então diz: "Diga que Frau Goethe está impossibilitada de ir a festa. Ela está ocupada morrendo no momento." E aí, curtiu essa matéria? O que você gostaria de dizer antes de sua morte? Compartilhe com a gente!


Próxima Matéria
avatar Lucas Curado
Lucas Curado
Não só redator... Como também músico e compositor. Amante de um bom humor ácido e memes.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest