• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 piores entidades da Bíblia

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      01/06/20 às 14h22

As mitologias e religiões sempre acompanharam o homem e sua caminhada. Sejam elas politeístas, com vários deuses, ou monoteístas, um único deus, a religiões têm o poder de atrais multidões, estabelecendo hábitos, dogmas e formas de adoração. Cada religião tem seu lado bom e suas forças do bem. Mas também tem as figuras que não são muito acolhedoras.

Entidades malignas são presentes em quase todas as religiões e mitologias. São aquelas responsáveis pela decadência e tentação do ser humano, que lutam para fazê-lo cair em sofrimento e desgraça. São temidos e odiados nas religiões a que pertencem. E a Bíblia sagrada não é exceção. Mostramos aqui as piores entidades presentes no livro sagrado.

1 - Os quatro animais de Daniel

"O primeiro era como um leão e tinha asas de águia. Então, enquanto eu observava, suas asas foram arrancadas, e foi levantada do chão e levada a ficar em pé como um ser humano; e uma mente humana foi dada a ele" - Daniel 7: 4.

Esses animais são descritos como um leão com asas de águia, um urso, um leopardo e um quarto animal misterioso. Os animais podem parecer normais, mas a descrição deles na bíblia mostram que eles não são. O urso tem três costelas na boca entre os dentes, o leopardo tem quatro asas de galinha e quatro cabeças, e o quarto animal tem grandes dentes de ferro e dez chifres.

O fato é que as visões de Daniel eram figurativas. E os quatro animais representavam os quatro grandes reinos da época que eram: Babilônia, o leão; Medas e Pérsia, o urso; Grécia, o leopardo; e Império Bizantino, o quarto animal.

2 - Querubins

"Quanto à aparência de seus rostos: os quatro tinham o rosto de um ser humano, o rosto de um leão no lado direito, o rosto de um boi no lado esquerdo e o rosto de uma águia; esses eram os seus rostos"- Ezequiel 1: 10-11.

Quando pensamos em querubins, achamos que são anjos pequenos e fofos. Mas na realidade, eles são o contrário disso. Eles são descritos na bíblia como celestiais e em chamas, que tiveram sua imagem muito respeitada entre os humanos.

Eles também são descritos como guardiões do caminho para a Árvore da Vida, no Jardim do Éden. E em vários casos da bíblia eles são retratados como anjos muito próximos de Deus e por conta disso, criaturas que não se deve mexer.

3 - Quatro cavaleiros do Apocalipse

"Eu olhei e havia um cavalo verde pálido! O nome do cavaleiro era Morte, e Hades o seguiu; eles receberam autoridade sobre um quarto da terra, para matar com espada, fome e pestilência, e pelos animais selvagens da terra" - Apocalipse 6: 8.

Esses cavaleiros são o sinal mais reconhecível do apocalipse. E a maioria concorda que eles são símbolos para coisas reais e cada cavalo simboliza uma coisa. A conquista, simbolizada pelo cavalo branco; a guerra, pelo cavalo vermelho; a fome, pelo cavalo  preto; e a morte, pelo cavalo verde.

Existem algumas especulações sobre quem seria o cavaleiro montado no cavalo branco. E algumas pessoas acham que é o próprio Jesus.

4 - 200 milhões de cavaleiros

"Os cavaleiros usavam couraças da cor do fogo, safira e enxofre; as cabeças dos cavalos eram como cabeças de leões, e fogo, fumaça e enxofre saíam de suas bocas" - Apocalipse 9:17.

Esses cavaleiros não são os mesmos que os quatro cavaleiros do apocalipse. Esses milhões fazem parte dos eventos que aconteceram durante o som das Sete Trombetas no Apolicpse 9.

O curioso é que por conta da sua localização geográfica que foi precisamente listada e a grande população da Ásia, algumas pessoas estão acreditando que esses cavaleiros poderiam ser na verdade um exército das nações asiáticas unificadas.

5 - Gafanhotos de Abaddon

"Na cabeça deles, havia o que pareciam coroas de ouro; seus rostos eram como rostos humanos, seus cabelos como cabelos de mulheres e seus dentes como dentes de leão; eles tinham escamas como peitoris de ferro"- Apocalipse 9: 7-8.

Esses gafanhotos, junto com os 200 milhões de cavaleiros, são responsáveis pela morte de um terceiro território da humanidade. Esses animais são temidos por conta da sua habilidade de destruir o suprimento de alimentos. Mas de acordo com a bíblia, esses gafanhotos em específico foram instruídos a torturar aqueles que não tinham o sinal do Senhor nas suas testas, e deixarem os alimentos de lado.

6 - Behemoth

"A força está nos lombos e a força nos músculos da barriga. Torna sua cauda rígida como um cedro; os tendões das coxas são unidos. Seus ossos são tubos de bronze, seus membros como barras de ferro" - Jó 40: 16-18.

O nome dessa criatura significa "enorme", "monstruoso". No livro de Jó tem duas descrições vívidas das criações mais poderosas de Deus. E uma delas é Behemoth. É acreditado que essa seja a criatura terrestre primal e temida por vários animais por conta do seu rugido poderoso.

Por conta das descrições da cauda da criatura várias pessoas acreditam que ela é um dinossauro da era bíblica. Mas outros pensam que o animal possa ser um ancestral distante do hipopótamo, ou elefante.

7 - Leviatã

"Das narinas sai fumaça, como de uma panela fervendo e de juncos ardentes. Sua respiração acende o carvão e uma chama sai da boca. Em seu pescoço há força, e o terror dança diante dele" - Jó 41: 20-22.

Essa é considerada a criação mais forte de Deus. Ele era o chefe dos mares e não era uma criatura pacífica. De acordo com o falado na bíblia, Deus derrotou esse monstro. Mas isso pode ser uma representatividade para algum reino.

Assim como Behemoth, as pessoas acham que Leviatã era um dinossauro marinho. E outros pensam que ele é o ancestral do crocodilo ou baleia.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+