• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 planos fracassados que teriam mudado a América completamente

POR Arthur Porto    EM Curiosidades      18/01/20 às 18h08

É estranho pensar, como era a América antigamente. Sabemos que era bem diferente de hoje, porém, tentar visualizar um cenário de uma América antiga, é bem complicado. Por mais que possamos viajar no tempo, por meio de livros, relatos, pesquisas e outras fontes de informação, traçar um panorama, sobre como era a vida antigamente aqui na América, é, digamos, desafiador.

Por isso, o que queremos aqui é trabalhar com suposições. Queremos resgatar alguns fatos históricos, que poderiam ter ocasionado uma América diferente da que vivemos hoje. E que fatos históricos são esses? Basicamente, são algumas medidas que foram propostas na época. Medidas que, se tivessem sido aceitas, teriam ocasionado… Bom, melhor conferir nossa lista para entender melhor.

1 - A festa do nada sei

O Know Nothing foi um movimento político nativista estadunidense, da década de 1850. Começou como uma reação popular ao medo de que as grandes cidades estivessem sendo inundadas por imigrantes. Na época, não durou muito. Ainda bem, porque o movimento, basicamente, visava eliminar os imigrantes. Já imaginou se tivesse ganhado força? Depois que o movimento terminou, os membros se juntaram ao Partido Republicano.

2 - Segunda Proposta de Declaração de Direitos do FDR

Em 1944, Franklin Delano Roosevelt achou que o governo dos Estados Unidos precisava de uma reforma. Para tal, Roosevelt apresentou a Segunda Proposta de Declaração de Direitos do FDR. Nela, todos teriam direitos iguais. E isso englobava todos os setores, como, por exemplo, educação, saúde, moradia, salário, etc. Se alguma parte da população, por menor que fosse, estivesse com fome, sem instrução e sofrendo, o governo fracassaria. Infelizmente, o plano não se consolidou.

3 - A primeira tentativa de assassinato de Lincoln

Quando foi Lincoln foi eleito, nem todos ficaram felizes. Antes de ser eleito, ameaças de morte eram comuns. Nesse ínterim, o magnata da ferrovia Samuel Morse Felton resolveu tomar uma atitude. Felton, então, contratou Allan Pinkerton, um detetive particular. Pinkerton, antes da posse de Lincoln, sob disfarce, conseguiu desvendar quem eram os indivíduos que desejavam matar o futuro presidente. Além de descobrir os nomes dos indivíduos, também descobriu o plano. Por isso, sem ninguém saber, mudaram o dia da cerimônia de posse. Lincoln, então, saiu dessa ileso, tornando-se assim, presidente.

4 - O Partido Anti-Maçônico

O partido anti-maçônico começou como um movimento religioso. O objetivo era abolir a Maçonaria. O partido, rapidamente, se expandiu, e ganhou maior força, ao alegar que os maçons usavam poder político para obter ganhos pessoais. O candidato dos anti-maçons, para a corrida presidencial de 1832, era William Wirt, um ex-maçom. O partido anti-maçônico causou sérios danos à organização. O número de maçons no país caiu 60%, apenas no estado de Nova York. Além disso, quase 400 estabelecimentos maçons fecharam.

5 - A República de Cascádia

Cascádia é o nome proposto para um estado independente e soberano, que seria formado pela união da província canadense da Colúmbia Britânica, e dos estados americanos de Washington e Oregon depois de separarem-se dos seus governos federais respectivos. O nome vem da Cordilheira das Cascatas, que cruza a região. Embora tenha havida uma enorme força tarefa para a concretização da República de Cascadia, o plano não vingou.

6 - A ocupação de Alcatraz

Na década 1950, o presidente Eisenhower queria que as reservas dos nativos americanos fossem controladas pelo governo. Nesse ínterim, inúmeras pessoas tiveram que desocupar as terras que chamavam de lar. Em retaliação, vários grupos tentaram ocupar Alcatraz. A primeira ocupação, em 1964, durou apenas quatro horas. As outras tentativas posteriores, tampouco, foram significativas, pois o governo sempre encontrava uma maneira de intervir. Embora não tenha dado certo, as tentativas de ocupação despertaram consciência.

7 - Contra a lei Remoção indígena

A Remoção indígena foi a política do governo dos Estados Unidos, de realocar as tribos indígenas, situadas a leste do rio Mississippi, para a área a oeste do rio. Essa política foi executada no século XIX, e levou à formação do Território Indígena. Basicamente, onde hoje é o atual estado de Oklahoma, sendo usado, na época, para abrigar as tribos removidas.

Próxima Matéria
Via   List Verse  
Imagens List Verse
Arthur Porto
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+