• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 segredos surpreendentes dos bastidores de Esquadrão Suicida

POR PH Mota    EM Entretenimento      02/09/16 às 16h51

Apesar de ter recebido críticas negativas e ter gerado polêmica entre fãs, Esquadrão Suicida conseguiu faturar mais de US$ 500 milhões ao redor de todo o mundo. Por mais que opiniões e resenhas nas revistas, sites e blogs especializados apontem diversos problemas com o resultado final nas telas, as cifras mostraram para o estúdio um final um pouco diferente.

A essa altura, independente de sua opinião sobre a produção, você já está familiarizado com os segredos escondidos no filme, decepções mais comuns entre os fãs e até mesmo conhece personagens que não estiveram nas telas e expectativas sobre possíveis sequências. Com tanto conhecimento, não seria ruim saber um pouco mais sobre as curiosidades e segredos que aconteceram nos bastidores do filme.

Alterações de última hora, atores que desistiram de participação e até mesmo tatuagens em grupo fizeram parte da história do filme. Conheça algumas das mais curiosas a respeito do que não foi visto em Esquadrão Suicida.

1 - O filme foi feito com pressa

1

A produção de Esquadrão Suicida foi anunciada em outubro de 2014, quando Kevin Tsujara declarou que dez filmes da DC seriam lançados nos cinemas nos próximos anos. O roteiro foi escrito foi em apenas seis semanas, às pressas. Segundo algumas fontes envolvidas com os bastidores do filmes, adiar a data de lançamento nunca foi uma opção para o estúdio, em respeito aos fãs e honra com os contratos feitos com marcas e parceiros.

2 - O elenco do filme fez tatuagens combinadas

2

A tradição não é original dos atores de Esquadrão Suicida. Oito dos membros da sociedade do anel, em Senhor dos Anéis também escolherem fazer tatuagens após as gravações do filme. No caso do filme dos vilões da DC, no entanto, existe uma peculiaridade. Algumas das tatuagens nos atores foram feitas pelos próprios companheiros de cena. Will Smith e Margot Robbie foram responsáveis por algumas das escritas SKWAD.

3 - Teve duas versões diferentes

3

Durante a produção de Esquadrão Suicida, duas versões do filme estavam sendo editadas ao mesmo tempo. Isso porque os executivos da Warner Bros estavam preocupados com o tom sombrio do longa após as críticas de Batman vs Superman. Com a boa recepção do primeiro trailer do filme, o estúdio pediu que a empresa Trailer Park, especializada em edições de trailers, também fizesse sua própria edição final do material completo. Por meio de exibições teste, o estúdio chegou a uma versão final que misturou as versões do corte do diretor David Ayer com a realizada pela empresa de trailers.

4 - Tom Hardy desistiu do filme

4

Inicialmente, o papel de Rick Flag seria interpretado por Tom Hardy, que já havia vivido o vilão Bane no último capítulo da trilogia Batman de Cristopher Nolan. O ator decidiu trocar Esquadrão Suicida pela participação em O Regresso. Hardy chegou a dizer que se arrependeu de não participar da produção, mas não poderia ter recusado a oportunidade de trabalhar ao lado de Leonardo DiCaprio.

5 - Várias cenas do Coringa foram descartadas

5

O diretor David Ayer gravou tanto material do Coringa com o ator Jared Leto que poderia lançar um filme solo do personagem. Ainda assim, na versão final do filme, o palhaço aparece em apenas cerca de 10 minutos. Segundo revelações do produtor Charles Roven, algumas das cenas são muito longas e outras, apesar de incríveis, não se comunicavam com o produto final que estavam gerando no filme.

6 - Ryan Gosling foi convidado para interpretar o Coringa

6

Assim como Tom Hardy foi considerado para dar vida a Rick Flag, o Coringa também não seria interpretado por Jared Leto. O primeiro ator convidado para ser o vilão palhaço da DC em Esquadrão Suicida foi Ryan Gosling. O ator até considerou a proposta, mas não quis assinar um contrato que o colocasse disponível para vários filmes diferentes e abandonou a ideia.

7 - O taco da Arlequina virou presente

7

Um dos maiores fãs de Batman no mundo do entretenimento é o diretor e roteirista Kevin Smith. Smith é tão fanático pelo universo do morcego que o nome de Harley Quinn à sua filha. Como carinho pela homenagem à personagem, o taco de beisebol utilizado pela Harley do filme foi dado de presente a Kevin e sua filha.

Por mais que o filme não tenha agradado todos os fãs, é provável que a Warner volte a trazer os personagens para as telas, numa sequência ou em participações em filmes de outros heróis. Por enquanto nos resta aguardar, especular e aproveitar as informações que temos sobre o filme sua produção.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+