icone menu logo logo-fatos-historicos.png


7 seres humanos mais cruéis da história

POR Isabela Ferreira EM História 15/02/18 às 15h48

capa do post 7 seres humanos mais cruéis da história

A crueldade humana está presente em nosso cotidiano desde os primórdios de nossa história. Sempre tivemos que lidar com casos de pessoas que reagiram a algo de forma agressiva, ou que simplesmente tem o impulso de praticar atos horríveis contra o próximo. Não é à toa que nosso planeta já foi palco de tantas guerras e conflitos. Alguns bem piores que os outros, mas de qualquer forma, sempre gerando graves consequências.

Talvez um dos piores momentos de nossa história esteja relacionado com o Segunda Guerra Mundial. Foi um período em que a crueldade atingiu seu ápice, afetando milhões de pessoas que não conseguiram sobreviver, e outros milhões que tiveram de chorar a perda de um ente querido. Foi pensando nisso que nós aqui da Fatos separamos abaixo alguns dos 7 seres humanos mais cruéis da história. Confere aí!

1 - Ilse Koch

Não é a primeira vez que falamos de Ilse, o que prova o quento a mulher era cruel. Também conhecida como "cadela de Buchenwald", foi responsável por uma série de atos absurdos. Esposa de Karl Otto Koch, que era comandante de campos de concentração, a mulher parece que realmente adorava a profissão do marido e tirava proveito disso.

Segundo relatos da Segunda Guerra, Ilse andava nua pelos campos de concentração. Qualquer homem que olhasse para ela, levava um tiro ou era chicoteado pela própria moça. Mas isso não é nada perto do que fazia para ficar tão conhecida. Ela escolhia os presos com as melhores tatuagens para serem mortos. Em seguida, arrancava a pele tatuada de cada um deles arquivando em sua coleção. Acredite, era uma coleção gigante com peles de mortos de guerra.

2 - Ivã IV da Rússia

Também conhecido como Ivan, o Terrível, atuou em Moscou como Grão-Príncipe, entre os anos de 1533 e 1547. Também foi o primeiro governante russo a assumir o título de "Tsar" na história. Para evitar que as pessoas escapassem, os soldados de Ivã construíram muros em todo o perímetro da cidade. Para que você tenha ideia, era comum que entre 500 a 1000 pessoas fossem reunidas todos os dias, e torturadas na frente de Ivã e de seu filho. Ele era realmente cruel. Provocou um aborto espontâneo da nora, e após uma discussão com filho, acabou lhe acertando um golpe fatal na cabeça.

3 - Oliver Cromwell

O militar e líder político inglês foi o responsável por milhares de mortes. Durante a Guerra dos Três Reinos, cerca de 200 mil civis morreram de fome ou por doenças. Outros 50 mil irlandeses acabaram sendo levados como escravos. Tudo porque Cromwell julgava que os católicos eram hereges, fazendo com que a conquista fosse para ele, uma cruzada moderna. Sua morte aconteceu em 1658. Mas era tão odiado que seu corpo foi exumado em 1661, e o corpo foi pendurado em Tyburn, onde teve seus membros arrancados e jogados em um poço.

4 - Jiang Qing

Esposa do ditador comunista chinês, Mao Tse-Tung, conseguiu por meio de manobras estratégicas, alcançar alta posição no partido, mesmo sem precisar ser a presidente. Estima-se que ela tenha sido a principal força para a Revolução Cultural Chinesa. Durante a Revolução, que pretendia combater o confucionismo, diversas atividades no país foram afetadas.

Edifícios antigos, livros, pinturas, artefatos, dentre tantas outras coisas acabaram sendo destruídas. As atividades econômicas do país e o sistema educacional foram interrompidos. Grandes intelectuais da época acabaram virando prisioneiros e milhões de chineses tiveram seus direitos humanos violados.

5 - Heinrich Himmler

Podemos dizer que o Holocausto simplesmente não teria sido um episódio de nossa história, se não fosse pela crueldade de Himmler. Ele foi quem instituiu a ideia de que a tal raça ariana deveria ser considerada superior, dominando o restante da população. Hitler apenas colocou tais planos em prática, dominado pelo orgulho e por sua vaidade em tomar importantes e decisivas atitudes militares. Milhões foram mortos graças a tal ideia. Mais tarde, após  ser capturado como criminoso de guerra, cometeu suicídio após engolir uma cápsula de cianeto.

6 - Adolf Hitler

E é claro que não poderíamos deixar de mencionar o próprio Hitler em nossa lista, uma das mais odiadas personalidades de nossa história. Nomeado como chanceler da Alemanha em 1933, transformando-se em Führer no ano seguinte, foi o grande responsável por toda a tragédia ocorrida durante a Segunda Guerra Mundial.

Sua política extremista e seu regime de segregação racial foram responsáveis pela morte de dezenas de milhares de pessoas. Apenas para que você tenha noção, acredita-se que 6 milhões de mortos tenham sido judeus, no que ficou conhecido como Holocausto. No entanto, Hitler apenas é considerado pior que Himmler, pelo fato de que ele tinha poder suficiente para barrar essas ideias absurdas, mas na verdade, deu total apoio.

7 - Josef Stalin

Stalin foi o Secretário Geral do Partido Comunista do Comitê Central da URSS, atuando entre os anos de 1922, até a data de sua morte em 1953. Foi durante seu governo que a Ucrânia enfrentou uma fome de caráter genocida, conhecida como Holodomor. Não se sabe ao certo quantas pessoas morreram durante o período, mas os números estão entre os  2,5 milhões de 10 milhões.

Como se não bastasse a fome, Stalin também havia ordenado morte a todos que fossem considerados como inimigos do estado. De forma geral, o número de mortos acaba ultrapassando de fato os 10 milhões.  Sem dúvidas, o mais cruel de toda a história.

E então pessoal, o que acharam? Conhecem outras personalidades de nossa história que foram tão cruéis quanto estas? Compartilhem com a gente aí pelos comentários!


Próxima Matéria
avatar Isabela Ferreira
Isabela Ferreira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest