• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 supostas formas que nossa mente pode estar sendo controlada

POR Mateus Graff    EM Mistérios & Horror      15/08/18 às 17h08

Já parou para pensar que sua mente pode estar sendo controlada nesse exato momento e talvez você nem saiba disso? Muitos acham que essa conversa de "controle da mente" é apenas coisa de filme, mas o fato é que vários estudiosos têm teorias de que o governo, por exemplo, pode estar controlando a mente da população.

Seja na publicidade, nos programas de televisão que você assiste, nos filmes e até nas músicas que você escuta no shopping. Bom, a gente separou algumas teorias de controle da mente, mas deixamos claro que são supostas maneiras de que a nossa mente pode estar sendo controlada, pois nada disso nunca foi provado. Então, caros leitores da Fatos Desconhecidos, confiram agora a nossa matéria com as 7 supostas formas de como nossa mente pode estar sendo controlada:

1 - Arquivos 'MuckRock'

A MuckRock é uma organização sem fins lucrativos sediada nos Estados Unidos que auxilia qualquer pessoa a preencher pedidos governamentais de informação por meio da Lei de Liberdade de Informação. Essa organização também publica as informações retornadas em seu site e incentiva o jornalismo em torno dela.

Em abril deste ano, o MuckRock recebeu alguns documentos aparentemente secretos, com o seguinte nome "Efeitos do EM no corpo humano.zip". O jornalista Curtis Waltman ficou intrigado, abriu o arquivo e descobriu um colapso completo de armas "psico-eletrônicas".

A organização disse que o arquivo tinha métodos de "controle mental remoto". Se isso for verdade, caros leitores, pode ser que existam torres que enviam sinais constantes de baixo nível para alcançar o "controle mental em massa". O documento ainda fala que tal tecnologia poderia induzir pesadelos e até mesmo ações suicidas. Tudo bem que isso parece loucura, mas imaginem se isso for realmente verdade...

2 - As alegações de Barrie Trower

Barrie Trower é um dos muitos pesquisadores que sugere que a política do governos dos EUA de "pesquisa não pública" permite que eles mantenham muitas coisas no escuro. Trower diz que isso acontece porque a população em geral é vítima desconhecida de armas baseadas em frequência.

Além disso, toda vez que alguém dá um passo para frente para desafiar essas pesquisas obscuras, essas pessoas são ignoradas sob o pretexto de que não foram entregues "provas não conclusivas" de suas alegações. Trower também fala regularmente sobre o que ele considera ser "guerra de controle mental de microondas", sendo usada contra cidadãos americanos.

3 - Processo de John St. Clair Akwei contra a NSA

Quando John St. Clair Akwei entrou com uma ação contra a Agência de Segurança Nacional (NSA) em 1992, ele alegou que a agência de inteligência "tinha a capacidade de assassinar secretamente cidadãos dos EUA e realizar operações de controle psicológico para fazer com que certos indivíduos fossem diagnosticados como loucos".

Durante o processo ele declarou que a NSA havia controlado praticamente todas as comunicações eletrônicas do mundo depois da Segunda Guerra Mundial. Ele também afirmou que a NSA tem acesso a alguns dos mais avançados sistemas de computadores imagináveis, incluindo um supercomputador que estaria localizado em Fort George G. Meade, localizado próxima à Odenton, Maryland.

Ele afirmou também que a NSA poderia "decodificar ondas de frequência eletromagnética" e analisar remotamente todos os objetos, sejam eles feitos pelo homem ou orgânicos, desde que possuíssem energia elétrica. Outros detalhes que viriam à tona durante o processo indicariam que a NSA tinha mais de 50.000 agentes que tinham "permissão avançada" para espionar qualquer cidadão americano que julgassem apropriado.

De duas, uma: ou esse cara é muito louco ou o mundo está sendo controlado pelos EUA.

4 - Mensagens em shoppings

Embora isso não seja amplamente divulgado, muitos shoppings usam uma tecnologua que envia mensagens sugestivas e subliminares sob música tranquila que incita seus clientes a "não roubarem". Pode parecer apenas mais uma loucura da Fatos Desconhecidos, mas os resultados sugerem que os casos de roubos em lojas caíram muito depois que essa tecnologia foi usada.

Experimentos semelhantes, muitas vezes usando imagens subliminares, foram feitos em cinemas e teatros para incentivar as vendas de comidas. Um experimento famoso mostrou imagens extremamente breves da Coca-Cola por uma fração de segundo na tela do cinema. Notaram que as vendas do refrigerante aumentaram mais do que o normal.

5 - As descobertas de Susan Bryce

A jornalista Susan Bryce escreveu um extenso artigo em 1993 descrevendo em detalhes o grau de suscetibilidade do cérebro humano às ondas de baixa frequência. Ela alegou que essas ondas sonoras tinham "efeitos controladores" na mente de pessoas quando "sincronizadas ao ritmo do batimento cardíaco humano de 72 pulsos por minuto".

Muito parecido com os testes em cinemas que foram mencionado, Bryce afirmou que os experimentos usados em baixa frequência foram realizados nos cinemas dos EUA sem que o público fosse informado. O fato de que as informações no artigo de Bryce não foram contestadas pela comunidade de inteligência deixa o caso ainda mais assustador.

6 - Influência da CIA em Hollywood

A presença da CIA em Hollywood é muito real. O nome oficial do departamento é "Gabinete de Ligação da Indústria do Entretenimento". Além de conselhos, eles também oferecem "assistência monetária" aos cineastas. É claro que as pessoas a quem elas fazem essas ofertas monetárias são completamente próprias do próprio departamento.

Além de oferecer uma certa perspectiva sobre a história, a CIA também usa sua influência para alterar a percepção e opinião pública. Durante a Guerra Fria, em particular, essas campanhas foram realizadas sob um projeto secreto chamado Operação Mockingbird. Se essas atividades continuam hoje, ninguém sabe.

7 - MKUltra

Graças a uma investigação do The New York Times, sabemos que a CIA realizou uma extensa pesquisa sobre o controle da mente nos anos 1950. Isso resultou no programa MKUltra. Embora a investigação do The New York Times tenha forçado o departamento de inteligência a admitir que havia extensas pesquisas sobre o controle mental, eles declararam que só se dedicavam à pesquisas básicas e que o projeto teria sido encerrado em 1960.

Muitas pessoas se recusaram a acreditar nesta versão dos acontecimentos, principalmente devido aos inúmeros delatores que alegaram ser vítimas de tais programas. Quando a agência foi solicitada a produzir registros oficiais desses experimentos, eles afirmaram que os papéis tinham sido destruídos.

Mas e vocês, já conheciam todas essas supostas maneiras de controle de mente? Comentem!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+