• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 técnicas de manipulação sociopatas que podem estar sendo usadas contra você

POR PH Mota    EM Curiosidades      01/03/17 às 15h15

Existem algumas pessoas que podem ter o pior tipo de comportamento do mundo, ainda que você não perceba. São pessoas que podem estar frequentemente utilizando estratégias de manipulação para fazer você sentir culpa ou fazer as coisas contra à vontade, por exemplo.

Esse tipo de gente pode estar no nosso grupo de amigos, na nossa família ou dentro do próprio relacionamento amoroso, mesmo que a gente não perceba os sinais. Em alguns casos, são costumes que podem denotar pessoas sociopatas, psicopatas ou narcisistas ao extremo.

A verdade é que o ideal é sempre manter distância desse tipo de gente tóxica, para fugir das tentativas de controle e do dano que pode ser causado pela relação.

Sendo assim, confira algumas dessas estratégias comuns utilizadas por essas pessoas, que podem estar te atingindo sem que você saiba.

1 - Conversas sem sentido

Pode parecer que pessoas em condição de manipuladores estejam agindo sempre de forma racional, mas em alguns casos as situações podem tomar rumos bem inesperados. Existem casos de sociopatas que adoram utilizar uma mistura de frases, argumentos e mesmo a mistura de outras estratégias que vão criar uma confusão generalizada em sua cabeça. No meio de toda essa bagunça de pensamentos, vai defender o próprio discurso e te desacreditar em qualquer momento, para provocar ainda mais confusão.

2 - Projeção

Um forte sinal de que uma relação é tóxica é a projeção da culpa. Nesses casos, a pessoa nunca se sente culpada de nenhuma de suas ações, e sempre a transfere para você. É um mecanismo de defesa que busca negar a própria responsabilidade e jogar para outra pessoa. É um hábito que pode ser comum para qualquer pessoa, em certas situações, mas nos casos dos verdadeiros narcisistas que podem transformar isso num abuso psicológico, eles podem fazer isso de forma mais cruel e em casos extremos até insistir que você busque tratamentos e ajudas para a situação.

3 - Gaslighting

O termo foi definido a partir de um filme com o mesmo nome, lançado em 1938. Na história, um marido tenta enlouquecer a sua mulher por meio da diminuição da luz de casa, mas negando que tenha percebido alguma mudança quando ela aponta as diferenças. Isso cria uma espécie de abuso emocional que faz a vítima questionar as próprias percepções e sentimentos, colocando poder de controle na mão do abusador. O gaslighting pode ser feito por estratégias de discurso que negam situações, contestam as sugestões, fogem do assunto ou tratam opiniões como banais, por exemplo.

4 - Levar seus pensamentos ao absurdo

Quando uma mente sensibilizada entra em contato com o discurso de um sociopata, pode ter suas opiniões, emoções e experiências transformadas em irracionais. São casos de pensamentos que são levados à situações absurdas por meio de comparações ou falácias, inserindo conclusões que você não teve para tentar resumir o discurso e a argumentação a um ponto absurdo, gerando questionamentos na sua própria mente.

5 - Generalizações e argumentos vazios

Seja por uma estratégia inteligente ou pela falta de conhecimento do assunto em questão, alguns manipuladores tendem a generalizar e agrupar coisas numa sacola de argumentos para evitar a análise de casos individuais que possam gerar pontos de vistas diferentes. Por causa disso, o comportamento pode refletir em argumentos amplos demais e numa coleção de rótulos para pessoas e situações, que podem direcionar o tratamento a você considerando somente essas generalizações, e não a própria relação.

6 - Críticas excessivas e exageradas

Na maioria dos casos, sempre cabe um pouco de comportamento crítico, enquanto ele é construtivo. Porém, quando ele se torna destrutivo e pode chegar ao ponto de considerar padrões inalcançáveis ou ataques pessoais, se torna degradante e completamente negativo. Nesse caso, a verdadeira intenção da crítica deixa de ser contribuir com a evolução, mas apenas apontar erros para atingi-la. Os defensores desse comportamento podem se defender dizendo que "tudo sempre pode melhorar", tentando justificar a existência das críticas frequentes, não importando a situação.

7 - Ataques agressivos disfarçados de piadas

Pessoas tóxicas podem estar sempre lançando ataques e ofensas, com a justificativa que isso são "apenas piadas", para poder se safar de condenações. Quando os comentários ofendem alguém, a culpa acaba sendo transferida para quem se sentiu ofendido, como se fosse resultado apenas de uma certa falta de senso de humor. O grande problema é que esse comportamento torna o abusador uma espécie de predador, sempre de olho em presas para se tornarem alvos de piadas das quais eles sempre se safarão.

Alguns desses comportamentos podem ser mais recorrentes do que a gente pensa. Nem semre eles são sinais de relacionamentos tóxicos ou manipulação, mas é importante ficar de olho para perceber os menores sinais.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+